sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Os dubladores de Rosário


De autoria do escritor Alex Hadad, Rosário (Rosario) foi uma coprodução entre a Univision Studios e a Venevision Productions, gravada nos Estados Unidos e lançada em 2013. Estrelada pela atriz e modelo espanhola Itahisa Machado e pelo galã brasileiro Guy Ecker, contou também com a atuação da atriz Lorena Rojas, falecida em 2015, Aarón Díaz, Frances Ondiviela, Natalia Ramírez, Zully Montero, Scarlet Gruber, Sandra Itzel, Zuleyka Rivera, Lupita Jones e grande elenco. Dublado em português, o folhetim foi transmitido para Angola e Moçambique em 2015, através da ZAP Novelas. A seguir, confira o elenco que deu voz à versão dublada de Rosário, produzida em São Paulo pelos estúdios Sigma.


Fernanda Mammana: Itahisa Machado (Rosário Pérez)

Cassius Romero: Guy Ecker (Alejandro Montalbán)

Cássia Biceglia
: Lorena Rojas (Priscila Pavón)

Marilza Batista: Zully Montero (Regina Montalbán)

Letícia Quinto: Natalia Ramírez (Madalena Pérez)

Affonso Amajones: Leonardo Daniel (Marcos Miranda)

Ricardo Fábio: Aarón Díaz (Esteban Martínez)

Karen Ramalho: Frances Ondiviela (Teresa de Martínez)

Denise Reis
: Lupita Jones (Fabiana Silva)

Michelle Zampieri
: Zuleyka Rivera (Sandra Díaz)

Gabriela Milani: Sandra Itzel (Bárbara “Barbie” Montalbán)

Dado Monteiro: Adrian Di Monte (Ignacio “Nacho” Gómez)

Fernanda Bullara: Scarlet Gruber (Cecília Garza)

Armando Tiraboschi: Sergio Reynoso (Manuel Pérez)

Marco Nepomuceno: Rodrigo Vidal (Padre Bernardo)

Rosângela Mello
: Anna Silvetti (Caridade Chávez)

Adna Cruz
: Tina Romero (Griselda)

Marco Antônio Abreu
: Franklin Virgüez (Vicente)

Leticia Celini: Lilimar Hernández (Elena)

Melissa Lucena: Fabiola Barinas (Zulema "Suly" Torres)

Monica Toniolo: Patricia Noguera (Irmã Manuela)

Suzete Piloto: Madre Superiora

Cesur e Para Sempre No Meu Coração são indicadas ao Emmy Internacional


A International Academy of Television Arts & Sciences (Academia Internacional das Artes e Ciências Televisivas), dos Estados Unidos, divulgou nesta quinta-feira (27) os indicados ao Emmy Internacional, maior premiação anual que reconhece a excelência de produções feitas exclusivamente para televisão fora dos Estados Unidos e de conteúdo de língua não inglesa.

Curiosamente, disputam entre as quatro indicadas à categoria de “Melhor Telenovela” da 46ª edição duas produções turcas de grande sucesso internacional, Cesur (Cesur ve Guzel / Brave And Beautiful) e Para Sempre No Meu Coração (Istanbullu Gelin / Evermore). A primeira, produzida pela Ay Yapim, foi transmitida na Turquia de novembro de 2016 a junho de 2017; a outra, uma produção da O3 Medya, conquistou o país de março de 2017 a junho de 2018, ambas veiculadas originalmente pela emissora Star TV.

Estrelada por Kıvanç Tatlıtuğ, o galã de Amor Proibido (Aşk-ı Memnu / Forbidden Love), e Tuba Büyüküstün, premiada atriz de grande destaque internacional, Cesur tem sido acompanhada por diferentes países da Europa, Ásia e Oriente Médio. Já na América Latina, sua exibição ganhou espaço em canais do México, Colômbia, Porto Rico, Chile e Paraguai. Em Angola e Moçambique, a atração chegou em dezembro passado através da ZAP Novelas, canal que exibe toda a sua programação dublada em português brasileiro.

Por sua vez, Istanbullu Gelin, rebatizada de Para Sempre No Meu Coração em sua exibição pela ZAP Novelas, onde estreou neste mês de setembro, traz os atores Aslı Enver e Özcan Deniz em um romance ameaçado por tradições familiares. A história tem ganhado destaque na mídia internacional e sua aquisição para futuras exibições já está confirmada por diversos canais da América Latina.

Também concorrem ao título a ficção portuguesa Ouro Verde, da produtora Plural Entertainment, protagonizada por Diogo Morgado e Joana de Verona, emitida pela TVI no ano passado, e a série biográfica Paquita La Del Barrio, coproduzida no México pela Teleset e Sony Pictures Television para a Imagen Televisión, com a atuação de Andrea Ortega Lee na personagem-título.

A ausência de uma representante brasileira entre as indicadas na categoria de “Melhor Telenovela” é algo que chama à atenção. Esta é a primeira vez em oito anos que a Globo não entra na concorrência pelo troféu. Desde 2008, quando a categoria foi criada, a emissora foi indicada todos anos, com exceção de 2010. Já de 2011 e 2016, saiu como vencedora em todas as edições. No ano passado, concorreu novamente com dois títulos, mas foi desbancada pela produção turca Amor Eterno (Kara Sevda / Endless Love), outro sucesso mundial, também exibido atualmente pela ZAP Novelas, em Angola e Moçambique.

A cerimônia de premiação acontecerá no dia 19 de novembro, no espaço de convenções do hotel New York Hilton Midtown, nos Estados Unidos.

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Os dubladores de Meryem


Recente produção dos estúdios TMC Film, Meryem foi lançada na Turquia em 2017 e transmitida pelo Kanal D em uma única temporada. O drama policial, estrelado pela atriz Ayça Ayşin Turan, conta também com a atuação dos galãs Furkan Andıç e Cemal Toktaş e narra os acontecimentos que se iniciam em uma noite chuvosa, quando a vida de três pessoas toma rumos inesperados após um acidente de carro onde, para proteger o homem de sua vida, uma mulher abnegada confessa às autoridades ser a responsável por um crime no qual ela não teve culpa. Dublada em português, a atração desembarcou em junho passado em Angola e Moçambique, onde é exibida pela ZAP Novelas, em substituição à trama mexicana Cair em Tentação. Abaixo, confira com exclusividade os principais integrantes do elenco de voz da versão de Meryem dublada em português, produzida em São Paulo, pelos estúdios Sigma, sob a direção de Antônio Moreno, Mirna Rodrigues, Denise Simonetto e Henrique Canales.


Marina Sirabello: Ayça Ayşin Turan (Meryem Akca)

Felipe Zilse: Furkan Andıç (Savashi Sargun)

Felipe Mônaco: Cemal Toktaş (Oktay Sahin)

Maíra Paris: Açelya Topaloğlu (Derin Berker)

Delphis Fonseca: Uğur Çavuşoğlu (Yurdal Sargun)

Fátima Noya: Sema Öztürk (Tulin Sargun)

Daniela Campos: Serenay Aktaş (Burcin Aktar)

Michel Di Fiori: Kenan Acar (Kadir Tekiner)

Selma Campanile: Uğur Demirpehlivan (Gulumser Tekiner)

Alex Minei: Mert Altınışık (Kaan Karaaslan)

Alessandra Araújo: İpek Tenolcay (Suzan Sahika)

Rosaly Papadopol: Ayten Uncuoğlu (Nurten Sahin)

Mariana Mirabetti: Sezgi Sena Akay (Sevink Yucel)

Alessandro Imperador: Sonat Dursun (Riza Koksuz)

Renata Villaça: Dilan Telkök (Zeliah Guney)

Kátia Campos: Gülden Avşaroğlu (Selma)

Paulo Ávila: Necmi Yapıcı (Ertan)

Rodrigo Horta: Çağlar Cengiz (Casper)

Adriano Paixão: Mithat

Douglas Monteiro: Mamut

domingo, 23 de setembro de 2018

Band anuncia a estreia de Minha Vida


Com Asas do Amor prestes a deixar a programação da Band, a emissora do Morumbi já escalou sua substituta e em breve levará ao ar mais um folhetim de origem turca. A escolhida da vez é Minha Vida, título adaptado para O Hayat Benim, produção original da Pastel Film, transmitida com grande sucesso pela Fox da Turquia de 2014 a 2017, ao longo de quatro temporadas.

Exibida em grande parte da América Latina sob o título Se Robó Mi Vida, a trama alcançou grande popularidade em países como Uruguai, Porto Rico, Peru, Panamá, México, Paraguai, Equador, Honduras, Chile, Bolívia, Costa Rica e Nicarágua. E agora, chega ao Brasil para apresentar a atuação da atriz Ezgi Asaroğlu, acompanhada pelo ator e cantor Keremcem Dürük, em uma história marcada por destinos trocados, traição, mentiras e segredos a ponto de serem revelados.

O eixo central de Minha Vida narra o drama de Bahar (Ezgi Asaroğlu), uma jovem ingênua que leva uma vida modesta em um bairro humilde de Istambul. Devido às dificuldades econômicas, Bahar abandona a escola e começa a trabalhar em uma confeitaria para ajudar a família. O que ela não imagina é que todos escondem um segredo sobre sua origem.

Bahar nasceu em berço de ouro, mas seu avô, totalmente contra a relação de sua filha Hasret (İclal Aydın) e Mehmet Emir (Sinan Albayrak), mentiu à Mehmet dizendo que sua filha havia morrido e ocultou sua gravidez. Não satisfeito com isso, entregou sua neta aos empregados da casa, Ilyas (Süleyman Atanısev) e Nuran (Yeşim Ceren Bozoğlu), que juntos de Efsun, a orgulhosa filha do casal, iniciaram uma nova vida junto à doce Bahar.

A garota torna-se uma jovem otimista e trabalhadora, enquanto sua irmã Efsun (Ceren Moray) cresce totalmente o oposto. Enquanto Bahar faz todo o possível para que sua irmã seja feliz, Efsun só pensa em lhe causar dano e será capaz até mesmo de roubar sua vida. Isso porque, prestes a morrer e atormentado pela culpa, o avô decide revelar a verdade ao milionário Mehmet e falece em seguida.

A partir deste momento, a vida de Bahar e de ambas as famílias começam a mudar, mas, não pelo rumo natural, e sim, provocando uma troca de destinos, pois a ambição de Nuran faz com que a filha que seja entregue não seja Bahar, mas sim, Efsun, sua filha biológica. Assim, sem saber de nada, Bahar segue com sua vida modesta, enquanto Efsun começa uma nova vida que não lhe pertence.

Ainda sem data de estreia divulgada, Minha Vida deve ocupar a grade da Band em meados de outubro, na faixa das 20h30.

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

SBT anuncia a reprise de Teresa

“Com ela não tem meias palavras... O veneno está de volta”. Com esses dizeres em um teaser promocional, o SBT anunciou nesta quinta-feira (20), através de seu perfil oficial no Twitter @SBT_Novelas e durante sua programação o retorno de Teresa à grade vespertina da emissora.

Programada para voltar ao ar em outubro, dividindo a faixa “Novelas da Tarde” com a inédita Que Pobres Tão Ricos e a reprise da versão brasileira de Carrossel, a trama mexicana estrelada por Angelique Boyer chega em boa hora, estrategicamente em um momento em que a audiência da faixa tem sido comprometida pelos baixos índices obtidos pela comédia de Rosy Ocampo, que vem sendo picotada.

Produção da Televisa lançada no México em 2010, Teresa leva a assinatura do produtor José Alberto Castro e reúne em seu elenco a atuação de Aarón Díaz, Sebastián Rulli, Ana Brenda Contreras, Margarita Magaña, Alejandro Nones, Silvia Mariscal, Juan Carlos Colombo e Cynthia Klitbo nos papéis principais, além da participação de intérpretes como Fernanda Castillo, Fabiola Campomanes, Daniel Arenas, Alejandro Ávila, Manuel Landeta, Dobrina Cristeva, Felicia Mercado, Óscar Bonfiglio, Joana Brito e Toño Mauri.

A trama, uma releitura da obra original de Mimí Bechelani, escrita na década de 50 e com um histórico de adaptações ao longo das décadas, conta o drama de Teresa (Angelique Boyer), uma jovem dominada pela ambição, que deseja sair da pobreza em que vive a todo custo e escolhe o caminho da mentira e da traição para conseguir seu objetivo.

Mariano (Aarón Díaz), seu primeiro namorado, sempre a apoiou e ainda gosta dela sinceramente, mas Teresa o enxerga simplesmente como sua propriedade, o namorado que sempre estará incondicionalmente à sua disposição. Mais de uma vez, irá desprezá-lo para ir atrás de homens com poder e fortuna e somente voltará com ele ao vê-lo com outras mulheres, como sua amiga Aurora (Ana Brenda Contreras), que se interessa por Mariano.

Seu primeiro alvo será Paulo (Alejandro Nones), o melhor partido do colégio onde Teresa se formou graças a uma bolsa de estudos, mas, quando ele descobre suas mentiras e conhece sua condição econômica, cancela seu compromisso com ela e trata de torná-la sua amante. Quando ela se nega, Paulo a expõe ao ridículo na frente de todos e a vingança de Teresa virá pouco tempo depois. Mais tarde, Teresa coloca os olhos em seu professor, Arthur de la Barrera (Sebastián Rulli), que bancará sua carreira e se apaixonará perdidamente por ela.

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Os dubladores de Amores Verdadeiros


Estrelada por Erika Buenfil e Eduardo Yáñez, juntamente com Eiza González e Sebastián Rulli como protagonistas juvenis, a telenovela Amores Verdadeiros (Amores Verdaderos) foi produzida no México para a Televisa por Nicandro Díaz González e ganhou as telas do canal Las Estrellas no final de 2012. Adaptação de um texto originalmente argentino, Amor en Custodia (2005), escrito por Marcela Citterio, a versão mexicana conquistou grande reconhecimento e saiu vencedora em diversas categorias dos Prêmios TVyNovelas 2014, entre elas a de “Melhor Telenovela”, “Melhor Atriz Protagonista”, para Erika Buenfil; “Melhor Vilã”, para Marjorie de Sousa; “Melhor Primeira Atriz”, para Ana Martín; “Melhor Atriz de Elenco”, para Susana González; “Melhor Atriz Juvenil”, para Sherlyn; e várias outras. Sucesso ao redor do mundo, a produção chegou rapidamente a Angola e Moçambique, em meados de 2013, dublada em português para o canal ZAP Viva e posteriormente também entrou para a programação do extinto canal +Novelas. Em janeiro de 2018, o folhetim voltou a ser transmitido para Angola e Moçambique, nesta ocasião, através da emissora Boom TV, rebatizada de Prisioneiros do Amor. A seguir, conheça os principais dubladores desta versão, produzida no Brasil pelo Studio Gabia, de São Paulo.


Denise Reis: Erika Buenfil (Vitória Balvanera Gil de Brizz)

César Emílio: Eduardo Yáñez (José Ángel Arriaga)

Samira Fernandes: Eiza González (Nicole “Nikki” Brizz Balvanera)

Felipe Grinnan: Sebastián Rulli (Francisco Guzmán Trejo) 

Ricardo Vasconcelos: Guillermo Capetillo (Nelson Brizz Nava) 

Teca Pinkovai: Marjorie de Sousa (Kendra Ferreti / Macária Chávez)

Fábio Moura: Francisco Gattorno (Santino “Salsero” Roca Ortiz) 

Maíra Paris: Mónica Sánchez (Cristina Corona de Arriaga) 

Letícia Quinto: Sherlyn (Liliana Arriaga Corona / Lúcia Celório Balvanera) 

Cássia Bisceglia: Natalia Esperón (Adriana Balvanera Gil)

Paulo Celestino: Enrique Rocha (Aníbal Balvanera)

Suzete Piloto: Ana Martín (Candelária Corona)

Tarsila Amorim: Susana González (Beatriz Guzmán Trejo)

Glauco Marques: Julio Camejo (Leonardo Solís) 

Luiza Viegas: Silvia Manríquez (Paula Trejo)

Hélio Vaccari: Arsenio Campos (Felipe Guzmán) 

Rosa Maria Baroli: Raquel Morell (Tomasina Lagos)

Alessandra Merz: Michelle Rodríguez (Policárpia “Polita” López)

Fábio de Castro: Rubén Branco (Jean Marie Bonjour)

Luiz Carlos de Moraes: Hugo Macías Macotela (Fortuno)

Patrícia Scalvi: Lilia Aragón (Odette Ruiz de Longoria)
 
Ricardo Campos: Diego de Erice (Vladimir)

Andressa Bodê: Bárbara Islas (Nabila)

Wallace Costa: Archie Lanfranco (Stéfano Longoria Ruiz)

Flávio Dias: Sergio Acosta (Lotário “Espanto” Zamacona)

Fernanda Bock: Patricia Conde (Professora Astudillo)

Eudes Carvalho: Dr. Pastrana

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Para Sempre No Meu Coração estreia na ZAP Novelas


Na última terça-feira (11), a ZAP Novelas levou ao ar o primeiro capítulo de Para Sempre No Meu Coração, drama romântico diretamente da Turquia, onde foi lançada em 2017 e exibida pela emissora Star TV em duas temporadas.

Produção da O3 Medya conhecida originalmente como İstanbullu Gelin e distribuída internacionalmente sob o título de Evermore, a ficção traz de volta a Angola e Moçambique a atuação de Aslı Enver, conhecida pelo público por sua atuação em Sol de Inverno (Kış Güneşi), transmitida recentemente pela ZAP Novelas.

Acompanhada pelo galã Özcan Deniz, agora a atriz dá vida à bela Sureya, uma órfã que cresceu em Istambul e se tornou uma talentosa musicista. Sua vida muda quando ela conhece Faruk (Özcan Deniz), um homem rico, com quem se casa e se muda para a cidade de Bursa. Lá, Sureya, que sempre foi um espírito livre, confronta com as tradições da família de Faruk, liderada pela matriarca Aynur (İpek Bilgin).

Bonita e com um enorme coração, Sureya sempre foi apaixonada pela música. Após se formar no conservatório, busca viver desta grande paixão e entra para a indústria musical como vocalista de apoio e cantora de alguns comerciais. Apesar de levar uma vida modesta ao lado da tia, sua única parente, a vida humilde de Sureya muda para sempre ao cruzar-se com Faruk, um poderoso homem de negócios, pertencente a uma das famílias mais antigas, ricas e nobres da Turquia.

Faruk é o filho favorito da sua mãe, Aynur, uma mulher calculista que tem grandes sonhos para ele, incluindo um casamento próspero arranjado com Ipek (Dilara Aksüyek), uma noiva que ela escolheu. Embora Faruk leve uma vida independente, apesar dos planos de Aynur, o destino coloca mãe e filho em confronto quando Faruk se apaixona profundamente por Sureya, lhe propõe casamento e ela aceita.

A chegada de Sureya à mansão da família para o anúncio do noivado causa um grande choque para a ambiciosa Aynur, que não aceitará com facilidade esta estranha trazida por seu filho. Sureya espera que com o tempo a futura sogra passe a conhecê-la melhor e a aceite, mas Aynur é uma mulher muito difícil e as antigas tradições a impedem de deixar o caminho de seu filho livre para que ele possa viver este grande amor.

Para Sempre No Meu Coração vai ao ar pela ZAP Novelas às 18h (AO) / 19h (MZ), dublada em português.


Confira a chamada de estreia de Para Sempre No Meu Coração na ZAP Novelas:



terça-feira, 11 de setembro de 2018

Like la Leyenda estreia no canal Las Estrellas


Aguardada produção de Pedro Damián para a Televisa, o folhetim juvenil Like la Leyenda chegou às telinhas do canal Las Estrellas nesta segunda-feira (10), às 18h30. Com a promessa de se tornar o novo fenômeno global da produtora mexicana, após o sucesso de Rebelde (2004), a atração traz a mesma proposta colegial como pano de fundo para uma história moderna, onde temas sociais como o empoderamento, a diversidade sexual, o uso de drogas, o bullying e a inclusão serão tratados com primordial atenção.

Ambientada no fictício “Life Institution of Knowledge and Evolution” (L.I.K.E.), um colégio de alto nível, com um sistema educativo supostamente moderno e aberto, mas, que na realidade não passa de uma instituição profundamente tradicional e metódica, a história apresenta diversos talentos recém-chegados à televisão mexicana, mas, como principal atrativo, também reúne ex-atores de Rebelde no time artístico, como Christian Chávez e Zoraida Gómez, que viverão os principais professores do colégio.

No elenco internacional, os mexicanos Roberta Damián, Carlos Said, Macarena García e Ale Müller se juntam ao peruano Mauricio Abad, ao argentino Santiago Achaga, ao cubano Víctor Varona e à japonesa Anna Iriyama, para, além dos créditos principais, terem a oportunidade de integrar o grupo musical que irá embalar a trilha sonora de Like la Leyenda, com ritmos que certamente conquistarão os fãs do folhetim.

Outros integrantes do elenco são Catalina Cardona, Kevin Rogers, Bernardo Flores, Ceci de la Cueva, Rodrigo Murray, Candela Márquez, Óscar Schwebel, Sergio Klainer, Diana Paulina, Violeta Majagranzas Belda, Zuri Sasson Lobaton, Briggitte Bozzo, Julia Maqueo, Patricia Maqueo, Carolina Sepúlveda, Manoly Díaz, Sahit Sosa, Gina Castellanos, Bernie Paz, Rodrigo Massa, Adriana Nieto, Mar Contreras, Amairani, Gabriela Zamora, Enoc Leaño, Isela Vega e o brasileiro Flávio Nogueira. Maite Perroni, atriz e cantora que despontou em Rebelde e posteriormente alcançou enorme reconhecimento como protagonista de diversos títulos do canal mexicano, também é presença confirmada no novo folhetim, onde terá participação especial em alguns episódios.

Em Like la Leyenda, a cada início de ano escolar uma nova geração de estudantes do ensino médio se forma com rotinas rígidas e tediosas, além das técnicas educativas que não entusiasmam a ninguém. Porém, esta notória apatia será desafiada por Gabriel Rey (Christian Chávez), mais conhecido como Gabo, um professor que chegará ao colégio para impulsionar os alunos a não serem conformistas, provocando, assim, uma verdadeira revolução que dará início a enfrentamentos entre professores, pais e alunos. A história é de autoria do próprio produtor Pedro Damián. A direção de cena leva a assinatura de Luis Pardo e Eloy Ganuza.