...

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Mi Adorable Maldición estreia no canal Las Estrellas


Uma nova história ao bom e velho estilo Cinderela chega hoje ao canal Las Estrellas, no México, com as atuações de Renata Notni e Pablo Lyle. O jovem casal protagoniza Mi Adorable Maldición, mais recente adaptação do clássico colombiano Lola Calamidades (1987), cuja última versão, Bella Calamidades, foi estrelada por Danna García e Segundo Cernadas para a rede Telemundo há apenas sete anos.

Baseada em um texto original do escritor Julio Jiménez, repaginado por Gabriela Ortigoza, Mi Adorable Maldición conta com a assinatura do produtor Ignacio Sada Madero, o mesmo de folhetins como Simplemente María (2015), Por Siempre mi Amor (2013) e Un Refugio Para el Amor (2012), e narra com toques de realismo mágico o conto de Aurora (Renata Notni), uma jovem órfã que desde o nascimento carrega uma maldição que a mantém presa em um mundo sombrio, marcado pela desgraça e pela pobreza.

Entre os atores que dividem os créditos da nova atração também se destacam Patricia Navidad, Laura Carmine, Maya Mishalska, Cecilia Gabriela, Paty Díaz, Socorro Bonilla, Roberto Blandón, Alejandro Ávila, José Carlos Ruiz, Juan Ángel Esparza, Ernesto Gómez Cruz, Ignacio Guadalupe, Arturo Vázquez, Érick Díaz, Ilse Ikeda, Gema Garoa, Eva Cedeño e muitos outros.

Mi Adorable Maldición chega para ocupar a faixa de Despertar Contigo, finalizada no último domingo (22) e será exibida diariamente, às 17h, pelo canal Las Estrellas, no México.


SINOPSE

O vilarejo de “El Salado” é uma janela para o passado, onde as tradições, as crenças e os antigos costumes ainda se mantêm vivos. Embora tudo isso o torne extremamente colorido, nem tudo é perfeito, já que seus habitantes ainda acreditam em fenômenos sobrenaturais, bruxarias e maldições. Desse modo, quando a mãe da pequena Aurora (Ana Luisa Tena) morre ao dar a luz, Macrina (Socorro Bonilla), a parteira, imediatamente espalha a notícia de que a menina é a culpada pelo que aconteceu, pois nasceu com um sinal na pele parecido a uma caveira e que isso é a prova viva de que carrega consigo uma desgraça. Assim, a bebê fica marcada por toda a sua vida como portadora de uma maldição.

Diante da presença da inocente criatura, os vizinhos passam a agir como se o próprio diabo estivesse na frente deles, fazendo com que Severo (Roberto Blandón), um miserável andarilho que deixa seu mau cheiro por onde passa, lance sobre Aurora uma impiedosa praga, rogando que ela jamais terá uma família, pois seu destino está escrito e deve ser cumprido.

Aurora, então, fica sob a amorosa proteção de Anselmo (Ignacio Guadalupe), seu pai, que decide criar sua filha totalmente isolada das outras pessoas, com a única intenção de protegê-la do absurdo mito originado por conta de sua marca de nascença.

A magia do amor chega à vida de Aurora ainda na infância, quando Rodrigo (Mikel), o pequeno filho de uma rica família, a conhece por casualidade e desde então fica fascinado por ela para sempre. Com o passar do tempo, nasce entre eles um carinho incondicional.

Aurora (Renata Notni) torna-se uma bela mulher, mas sua vida muda subitamente quando seu pai contrai uma grave doença e em seu leito de morte pede a sua filha e a Rodrigo (Pablo Lyle) que lhe façam um juramento: Anselmo o faz prometer que ele sempre protegerá Aurora, e pede a sua filha que demonstre ao vilarejo que ela não traz desgraças, mas sim, o amor. Ambos aceitam, assumindo o compromisso por toda a sua vida, então, Anselmo morre em paz. Aurora fica desprotegida e sofre pela perda irreparável. Rodrigo se oferece para cuidar dela, mas Aurora decide abandonar “El Salado”.

Depois de alguns anos, a desgraça volta a ferir Aurora quando sua tia morre e ela acredita que a culpa seja dela. Assim, se convence de que realmente atrai desgraças e retorna a “El Salado”, onde passa a morar isolada em um cemitério, ao lado do túmulo de seu pai. Quando a notícia chega aos ouvidos do velho Severo, ele trata de raptá-la e a tranca em seu casarão, fazendo com que Rodrigo se empenhe em resgatá-la para que ambos possam viver felizes. Entretanto, de maneira inesperada, a jovem se recusa a escapar com ele. E o motivo é um mistério.

O distanciamento de Aurora e Rodrigo torna-se a ocasião perfeita para Mónica (Laura Carmine), a nova inquilina na fazenda do rapaz, que deseja seduzi-lo custe o que custar. Porém, os jovens amantes sempre souberam que foram feitos um para o outro e lutarão por seu amor, sem jamais esquecer as promessas que fizeram a Anselmo, mesmo que para cumprir com sua palavra, Aurora tenha que demonstrar a todos, e inclusive a si mesma, que não nasceu com nenhuma maldição, e que, pelo contrário, é uma jovem suficientemente forte para superar quaisquer dificuldades ou superstições, e capaz de desfrutar do amor ao lado do homem que ela ama.

Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário: