segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

ZAP Novelas anuncia a estreia de Amor Proibido


O mês de fevereiro chega com mais uma grande estreia na programação da ZAP Novelas, em Angola e Moçambique. A partir do próximo dia 14, a premiada atriz Beren Saat, conhecida internacionalmente por sua personagem Fatmagul, está de volta ao canal em Amor Proibido (Aşk-ı Memnu), drama turco produzido pela companhia Ay Yapım, lançado em 2008 e exibido com grande sucesso em muitos países ao redor do mundo.

Baseada em uma obra clássica da literatura turca, escrita originalmente em 1899 por Halid Ziya Uşaklıgil, Amor Proibido tem início com a história de Adnan (Selçuk Yöntem), um viúvo milionário que há 11 anos tem se dedicado de corpo e alma a proteger e a dar atenção aos seus dois filhos, Nilay (Hazal Kaya) e Bulent (Batuhan Karacakaya). Certo dia, em uma visita costumeira ao cemitério, Adnan redescobre o amor em Bihter (Beren Saat), uma jovem de família rica, que guarda um profundo rancor por sua mãe, uma mulher oportunista chamada Firdevs (Nebahat Çehre), a quem ela culpa pela morte de seu pai.

Para manter sua vida de luxos, Firdevs tenta conquistar Adnan, que por sua vez sente-se atraído por Bihter, a quem propõe casamento. Bihter, que não deseja que sua mãe se aproveite da situação, aproveita a oportunidade para se vingar dela e aceita a proposta de casamento, arruinando os planos de Firdevs. Porém, quando tudo parece perfeito e a felicidade começa a reinar na nova mansão do casal, eis que um sobrinho de Adnan, Behlul (Kıvanç Tatlıtuğ), se apaixona por Bihter, a esposa de seu tio, que, inevitavelmente, o corresponde. Desta inevitável atração, nasce um amor proibido, um amor destrutivo e mentiroso, do qual ninguém poderá escapar sem causar feridas.

Amor Proibido estreia na ZAP Novelas dublada em português dia 14 de fevereiro, às 18h, em Angola e 19h, em Moçambique, em substituição a Uma Questão de Honra.


Confira a chamada de estreia:


O Que a Vida me Roubou estreia no SBT


Depois de muita expectativa, o SBT estreia nesta segunda-feira, 30 de janeiro, a aguardada produção mexicana O Que a Vida me Roubou (Lo Que la Vida me Robó), folhetim inédito no canal de Silvio Santos que mais uma vez traz como protagonistas o casal formado por Angelique Boyer e Sebastián Rulli, em uma história carregada de drama, romance e muita ação.

Adaptado à época atual pelo escritor Juan Carlos Alcalá, o enredo da atração narra em sua versão livre uma história original da escritora Caridad Bravo Adams, cuja obra também serviu de base para sua adaptação de 2004, intitulada Amor Real, já exibida no Brasil. 

O Que a Vida me Roubou é uma produção de Angelli Nesma Medina, a mesma de Abismo de Paixão, e foi lançada pela Televisa em 2013. O elenco, que reúne grandes nomes da televisão mexicana, como Daniela Castro, Rogelio Guerra, Grettell Valdez, Sergio Sendel, Ana Bertha Espín, Eric del Castillo, Carlos de la Mota, Alberto Estrella, Alejandra Procuna, Margarita Magaña e muitos outros, marca também a volta de Luis Roberto Guzmán e Gabriela Rivero aos melodramas mexicanos.

Dublada em português pela Rio Sound Estúdios, a novela será exibida pelo SBT às 18h, dividindo a faixa em sua semana de estreia com os últimos capítulos de A Gata, que terá seu desenlace na próxima segunda-feira (06).


SINOPSE

Monserrat (Angelique Boyer) é uma linda jovem, de boa posição social e que leva uma vida cor-de-rosa; entretanto, se deixa dominar constantemente por sua mãe, Graziela (Daniela Castro), que se importa apenas com as aparências e não pensa em perder por nenhum motivo sua posição social, apesar de seu marido, Lauro Mendonça (Rogelio Guerra), já ter perdido tudo.

Às escondidas de seus pais, Monserrat mantém um romance com José Luis (Luis Roberto Guzmán), um cabo da Marinha, e não pensa em se casar com Sebastião de Icaza (Osvaldo de León), o rapaz que sua mãe praticamente lhe impôs por conveniência. José Luis, por sua vez, sabe que a família de Monserrat nunca o aceitaria, já que não possui um futuro promissor para oferecer a ela.

Ao mesmo tempo, Alessandro (Sebastián Rulli), um peão da fazenda vizinha, descobre que seu pai é Benjamim Almonte (Alfredo Adame), um homem cruel, poderoso e rico, que morre minutos depois de revelar a verdade ao filho. Alessandro não recebe bem a notícia e nessa mesma noite, a vida o recompensa quando ele conhece Monserrat, por quem se apaixona instantaneamente.

Monserrat termina seu compromisso com Sebastião e Graziela se enfurece diante da situação, já que via nesse casamento a única forma de resolver seus problemas financeiros. Por isso, Graziela, começa a pensar em outro pretendente para sua filha e neste momento descobre que Alessandro é o herdeiro de Benjamim, o que faz dele o marido ideal para Monserrat.

Graziela, desesperada, e sentindo que está a ponto de ir parar na rua, pede ajuda financeira a Alessandro. Ele aceita apoiar os Mendonça desde que Graziela permita que ele namore sua filha. Graziela não hesita nem um instante e aceita a proposta, jurando a Alessandro que Monserrat nunca saberá desse trato.

Por outro lado, Graziela e Demétrio (Osvaldo Benavides), o irmão de Monserrat, descobre que ela mantém um relacionamento com um humilde cabo e se empenham em separá-los, com a intenção de não pôr em risco o relacionamento amoroso que poderia surgir entre sua filha e Alessandro. Eles não demoram em conseguir o seu objetivo e fazem com que o conceito que Monserrat tinha em relação a José Luis mude depois que as autoridades o culpam por um crime que ele não cometeu.

A situação se complica ainda mais quando Graziela percebe que Monserrat não pensa em se envolver sentimentalmente com Alessandro e, por isso, se vê obrigada a confessar a filha a verdade sobre sua situação econômica. Então, apesar de seus princípios e sabendo que esta é a única forma de ajudar sua família a não ficar completamente arruinada, Monserrat aceita se casar com Alessandro, justamente quando José Luis reaparece para lhe contar a verdade sobre o que aconteceu e que a ama de verdade, mas é tarde demais, pois agora ela já é a esposa de Alessandro Almonte. Monserrat, mesmo contra sua vontade, vai morar na fazenda de Alessandro. No princípio, seu casamento é um inferno, pois não há confiança entre os dois, porém, pouco a pouco, os sentimentos de Monserrat por Alessandro vão mudando.

José Luis, fugindo da justiça, começa a trabalhar como capataz da fazenda Alessandro, fazendo-se passar por outra pessoa. Nasce imediatamente uma amizade entre Alessandro e José Luis, pois ambos compartilham os mesmos valores. Esta situação incomoda Monserrat, que não se atreve a dizer a verdade ao seu marido sobre quem realmente é seu novo empregado, já que teme que Alessandro a deixe agora que está apaixonada por ele.

Monserrat, Alessandro e José Luis terão que superar uma série de obstáculos do destino, tudo para recuperar o que no passado a vida lhes roubou: o amor e a oportunidade de serem felizes. Monserrat terá que tomar a decisão final, sendo o seu coração seu único conselheiro.

Os personagens de O Que a Vida me Roubou


MONSERRAT MENDONÇA GIACINTI (Angelique Boyer)

Jovem de grande nobreza e bons sentimentos; tanto, que é capaz de sacrificar-se pelo bem-estar de sua família. É frágil e inocente, já que passou parte de sua vida em um convento para realizar as vontades de sua mãe, que sempre encontra uma maneira de dominá-la. É por isso que quando se apaixona profundamente por um homem, sua mãe encontra uma forma de manipulá-la, fazendo-a aceitar a se casar com alguém que detesta. Para surpresa dela mesma, pouco a pouco irá se apaixonando sinceramente por seu marido e, para ela, será um tormento se debater entre o amor de Alessandro e José Luis. Todos os acontecimentos que sofre irão fortalecer seu caráter, até aprender a tomar suas próprias decisões e defender o que ama, a qualquer custo.



ALESSANDRO ALMONTE DOMINGUEZ (Sebastián Rulli)

Homem inteligente, bondoso, de convicções firmes e bons sentimentos. É de personalidade forte, leal a seus princípios e justo em suas decisões. É um cavalheiro que sabe tratar as pessoas com respeito, justiça e colocando cada um em seu devido lugar. Quando criança, perdeu sua mãe, uma humilde camponesa. Sua vida muda radicalmente quando seu patrão, Benjamim Almonte, lhe confessa antes de morrer que é seu pai e o nomeia herdeiro universal de sua fortuna. Este fato, longe de alterar seus valores, os reafirma. Já convertido em um homem influente, Alessandro conhece Monserrat, uma bela jovem de família, por quem se apaixona perdidamente. Sua casta de homem honorável será a arma para conquistá-la e vencer todos os obstáculos que surgirem no caminho.



JOSÉ LUIS ÁLVAREZ (Luis Roberto Guzmán)

Rapaz de baixa classe econômica, mas honrado e trabalhador. É um cabo da Marinha. Homem apaixonado e impulsivo, capaz de qualquer coisa em nome do amor. Monserrat é a mulher de sua vida e por ela e sua felicidade fará o que for necessário. Quando se dá conta que Monserrat se viu obrigada a se casar com um homem que despreza, enquanto ele foi preso injustamente, a persegue até sua fazenda e faz-se passar por outra pessoa. José Luis começa a descobrir, com grande dor, que o amor de Monserrat por ele já não é o mesmo e que Alessandro, seu marido, é um bom homem, a quem ele mesmo, José Luis, aprende a admirar e respeitar.



GRAZIELA GIACINTI DE MENDONÇA (Daniela Castro)

Mulher de moral dupla, bastante hipócrita. Diante de sua família, aparenta ser uma mulher devota, muito apegada à religião católica, mas, na realidade, é um ser sombrio, cheia de ambição e cobiça. Vive rodeada de luxos e desperdiça dinheiro em abundância. Orgulhosa de pertencer a uma das famílias mais importantes de Água Azul, considera de suma importância manter limpo o prestígio de seu sobrenome. Apesar disso, guarda um segredo, já que durante muitos anos foi a amante de Benjamim Almonte. Manipula os membros de sua família como peças de xadrez, com o único propósito de conseguir o que deseja. Por dinheiro, é capaz de vender sua própria filha a Alessandro Almonte, o filho bastardo, herdeiro de seu falecido amante Benjamim, deixando de lado seus preconceitos.



LAURO MENDONÇA SÃO ROMÃO (Rogelio Guerra)

Almirante aposentado da Marinha, de personalidade firme. Aparenta dureza, mas, no fundo é frágil. Junto a Graziela, sua Graziela esposa, teve dois filhos: Monserrat e Demétrio. É notória a predileção que Lauro sente por sua filha, a quem trata de proteger e aconselhar para que tenha uma vida feliz. Esforça-se em ser justo e inflexível diante de suas decisões, ainda que frequentemente sua esposa consiga quebrar sua integridade. Sua doença cardíaca, somada a angústia que lhe provoca estar a ponto de perder toda sua riqueza, tem consumido seu caráter nessa etapa de sua vida, a ponto de tornar-se um alvo mais fácil diante da constante dominação de sua mulher. Assim, permite que sua filha Monserrat se case com Alessandro Almonte, acreditando que esteja apaixonada por ele.



CARLOTA MENDONÇA SÃO ROMÃO (Gabriela Rivero)

É amorosa, generosa e sincera. Vive sob a influência de sua cunhada Graziela, que astutamente a manipula para alcançar seus propósitos de uma forma tão hábil, que dificilmente Carlota se sente usada por ela. É irmã de Lauro. É uma mulher encalhada, já que nunca conseguiu se casar. Vive com a família de seu irmão e ajuda na criação de seus sobrinhos Monserrat e Demétrio. Sente uma predileção especial por Monserrat, sua sobrinha mimada, a quem trata de cuidar e proteger para que a jovem consiga a felicidade que ela não teve.



DEMÉTRIO MENDONÇA GIACINTI (Osvaldo Benavides)

Filho mais novo de Lauro e Graziela. É um rapaz imaturo e irresponsável. Sua mãe lhe deu tudo em abundância, Graziela o que fez com que aprendesse a conseguir tudo quanto desejasse, sem que isso lhe requeresse esforço algum de sua parte. Não gosta de fazer nada além de se divertir com seus amigos, é um moleque em toda a extensão da palavra. Assim como sua mãe, é capaz de todas as baixarias possíveis, afim de obter dinheiro fácil, por isso, torna-se cúmplice de Graziela, para que esta alcance todos seus propósitos. Demétrio é tão egoísta que, para obter o que deseja, não se importa em pôr em risco a felicidade de Monserrat, sua própria irmã.



JOSEFINA VALVERDE (Verónica Jaspeado)

Jovem de família muito boa. É pouco agraciada, tímida e muito insegura, por isso ainda não conseguiu um casamento. É perdidamente apaixonada por Demétrio Mendonça, que se aproveita de seus sentimentos e necessidade de amor para lhe tirar todo o dinheiro que pode. Quando se casa com Demétrio, Josefina nem desconfia que se trate de um casamento falso, devido à insistência do rapaz em se casar em segredo, com o pretexto de que sua família se oporia pela diferença de idades e que, já casados, teriam que aceitá-la. Quando Tomás, o irmão de Josefina chega ao povoado e descobre a mentira, obriga Demétrio a se casar realmente com sua irmã, que sofre ao saber que o rapaz jamais irá amá-la como ela gostaria. Pouco a pouco, Josefina vai adquirindo coragem e quebra todas as correntes que existem em sua vida.



MARIA ZAMUDIO (Grettell Valdez)

Jovem do campo, humilde, mas pretensiosa. De caráter forte e impulsivo. Apaixonada e caprichosa. Afim de conseguir seus objetivos, é capaz de causar intrigas, mentir e trair. Quando não se sente satisfeita, chega a ser grosseira com as pessoas que a amam. Sente um amor obsessivo por Alessandro, a quem conhece desde criança, mas quem sempre a viu apenas como uma amiga. Isso faz com que se dedique a conquistá-lo e se vale de tudo para consegui-lo, coisa que não acontece, pois Alessandro se casa com Monserrat. O ódio de Maria contra Monserrat desperta todos seus instintos de maldade e vai à procura por todos os meios de uma maneira de separar o casal. Seu amor desmedido por Alessandro a cega e não lhe permite ver que o amor que tanto deseja está em Vítor, o melhor amigo de Alessandro, e a quem Maria ignora todo o tempo.



JOVENTINO ZAMUDIO (Alberto Estrella)

Homem violento e sombrio, de maus sentimentos e ambição desmedida. Falso e hipócrita. Chantagista e orgulhoso. Desconhece a palavra lealdade e se vale de todos os meios afim de que sua vontade seja a última palavra. Em seu coração, somente existe inveja e frustração que lhe corroem as entranhas e o levam a criar intrigas, trair e inclusive a matar, quando algo cruza seu caminho para conseguir suas pretensões. Manipula as situações e as pessoas de acordo com o que lhe convém. Seu mau caráter e amargura o levam a ser rejeitado, o que o torna solitário e melancólico. Não aceita, nem pode suportar que Alessandro, outro peão companheiro seu, seja o filho não reconhecido do patrão e termine sendo o herdeiro de toda sua fortuna. Isto aumenta sua amargura e faz com que se dedique a sabotar o rapaz em seu desejo de vingança, sem pensar que tudo isso levará a um trágico final.



PADRE ANSELMO QUIÑONES (Eric del Castillo)

Sacerdote nobre, inteligente e de grande coração. Inimigo das injustiças e das arbitrariedades. Sua mesma vocação de servir a Deus o obriga a ser discreto e calar os segredos que lhe confessam, ainda que faça todo o possível para que as coisas cheguem a um bom final, sem afetar a lealdade a suas crenças. Tem personalidade forte, mas sabe controlá-la ou trazer à tona quando as situações requerem. É muito humanitário e bondoso. Encarrega-se de educar e formar Alessandro, quando, sendo criança, ficou sem mãe e seu pai, o fazendeiro Benjamim Almonte, se negou a reconhecê-lo. Tornou-o um homem de bem e lutou para que seu pai, antes de morrer e não tendo mais família, reconhecesse Alessandro como seu filho e o nomeasse seu herdeiro, pois o sacerdote considerava que isso era o justo. Padre Anselmo será um grande apoio para que Alessandro alcance a felicidade ao lado da mulher que ama.



ROSÁRIO DOMINGUEZ (Ana Bertha Espín)

Camponesa humilde, de uma grande nobreza e bom coração. Submissa e abnegada. Discreta e sacrificada. Sendo muito jovem, foi abusada sexualmente por Benjamim Almonte, ficando grávida de Alessandro, a quem teve que deixar aos cuidados do padre Anselmo; pois Benjamim se encarregou de mantê-la presa durante quase trinta anos. Ao sair livre, introvertida e temerosa, busca ao sacerdote; que lhe informa sobre a morte de Benjamim e que este, antes de morrer, reconheceu seu filho e o nomeou herdeiro de toda sua fortuna. Isto aumenta a vontade de Rosário de buscar seu filho, mas teme que o rapaz se envergonhe dela e a rejeite, sobretudo agora, que é rico e está casado.



ADOLFO ARGUELLES (Ferdinando Valencia)

Irmão de Nádia. Não se compromete com nada. Sabe se livrar habilmente dos problemas em que se mete. Inteligente, de espírito alegre e aventureiro. Ambicioso e manipulador. Aproveita seu encanto para conseguir o que quer. É muito astuto. Aproveita-se da imaturidade de seu amigo Demétrio, com quem compartilha seu gosto pelo dinheiro fácil, para usá-lo e tirar proveito de sua amizade. É o orquestrador das trapaças de Demétrio, mas quem leva a maior vantagem disso, é ele próprio, Adolfo. É ele quem planeja que Demétrio se envolva com Josefina para lhe tirar seu dinheiro com trapaças, mas as coisas dão um giro quando Adolfo se apaixona por Josefina e se arrepende por haver conspirado para que Demétrio se casasse com ela.



NÁDIA ARGUELLES DE MEDINA (Alejandra García)

Jovem elegante, distinta, de boa posição social. Amiga de Monserrat. Cresceram juntas no convento. Nádia também larga os hábitos para se casar com quem considera o amor de sua vida. Inicia sua vida matrimonial cheia de ilusões e expectativas, mas aos poucos se dá conta que está presa em um casamento frio, já que seu marido nem sequer busca intimidade. Percebe que somente é uma “esposa de fachada”, e faz o possível para conseguir seu divórcio. Pedro, de quem não lhe convém separar-se devido a sua influência política, a mantém presa. Nádia se refugia nos braços de Vítor Hernandez e tornam-se amantes. Com a ajuda de Vítor, Nádia recupera sua liberdade tão desejada.



PEDRO MEDINA (Sergio Sendel)

Egoísta e ambicioso. De personalidade forte e maus sentimentos. Homem atraente, altivo e soberbo. É egoísta, ambicioso e manipulador. Se casa com Nádia, mais por fins políticos do que por amor, já que ambiciona tornar-se o prefeito de Água Azul e necessita uma esposa de boa reputação e bom sobrenome. Ao conseguir o posto, se dedica a perseguir Alessandro, afim de destruí-lo, já que ele ameaça com acabar com a corrupção que se vive no povoado sob seu mando.



VÍTOR HERNANDEZ (Alessandro Ávila)

Homem inteligente, honesto e leal. Trabalhador e responsável. De caráter alegre e forte. É muito confiável e discreto. Um apaixonado pela vida e pelo que ela lhe proporciona, o que o torna agradecido. É o melhor amigo de Alessandro. Sabe corresponder à confiança que ele lhe confere. É dedicado e está sempre presente quando necessário. Está apaixonado por Maria, mas sabe que a jovem ama Alessandro. Quando este se casa com Monserrat, Vítor trata de conquistá-la, mas Maria sempre o rejeita. Seu desamor e o desamor de Nádia Arguelles se encontram e, sem imaginar, se apaixonam e se tornam amantes.



ESMERALDA RAMOS (Margarita Magaña)

Jovem atraente, porém, imatura. De gênio fraco, pode ser facilmente manipulada. Possui grandes sonhos, mas precisa de vontade para realizá-los. Trabalha como dançarina em um clube de Água Azul. É amante de Demétrio por um tempo e chega a lhe prestar alguns favores, entre eles, conseguir que Monserrat se separe de José Luis. No fundo, é uma jovem nobre, que, ao se dar conta da dor que causaram suas atitudes, se arrepende e faz o possível para esclarecer a verdade. Apaixona-se profundamente por Renato, que fará o possível para que ela deixe para trás sua vida errante.



RENATO SOLARES (Carlos de la Mota)

Cabo da Marinha. Sua maior qualidade é a lealdade. É um homem rude, mas nobre e de bons sentimentos. É muito valente, pelo que não se rebaixa diante de nada, ainda que saiba manter a calma e pensar bem nas coisas antes de agir. Tem um grande conceito de amizade. É o melhor amigo de José Luis, o considera um irmão e, por isso, o ajuda a escapar da cadeia, acreditando firmemente em sua inocência. Torna-se seu aliado e cúmplice para que este recupere Monserrat. Apaixona-se por Esmeralda, uma dançarina de reputação duvidosa.



SOFIA GARCIA (Alejandra Procuna)

É uma mulher bondosa e de nobres sentimentos. Muito trabalhadora e servil. É a cozinheira da fazenda de Benjamim Almonte, a quem presta seus serviços desde muito jovem. É muito discreta e respeitosa. Tolerante, honesta e leal. É de personalidade forte, difícil de manipular. Agradecida e amorosa, mas desconfiada quando as circunstâncias exigem. Preocupa-se por Alessandro, a quem conhece desde criança, e fará tudo o que estiver ao seu alcance para que o rapaz conquiste a felicidade.



MACÁRIO PERALTA (Juan Carlos Barreto)

Camponês inteligente, honesto e confiável. Amigo de Alessandro quando este era um menino, a quem cuidava e protegia por ser dez anos mais velho que ele. Tem uma grande surpresa ao ficar sabendo que Alessandro agora é o novo dono da fazenda e que era filho não reconhecido do patrão Benjamim. Alessandro lhe oferece trabalho e Macário se torna seu braço direto. Macário está apaixonado por Sofia, a cozinheira, que lhe corresponde, mas não se atreve a lhe propor casamento, até conquistar algo digno que possa lhe oferecer.



ANGÉLICA ARECHIGA (Ilythia Manzanilla)

É uma bela jovem de bons sentimentos, porém doente. Inteligente, nobre e bondosa, com um grande coração. Apesar de sua doença incurável, é forte, o que lhe permite tomar decisões que lhe ajudam a desfrutar os últimos dias de sua vida. Somente deseja viver intensamente. Seu maior desejo é se apaixonar e desfrutar disso plenamente, antes de morrer. É valente e destemida. Não se importa em desafiar o mundo inteiro se for necessário, contanto que realize seu sonho. Ao conhecer José Luis, se apaixona perdidamente por ele, sem se importar que o rapaz ame Monserrat com loucura. Ela somente deseja desfrutar desse belo sentimento que é poder amar e, por isso, decide fugir com ele quando este precisa escapar da justiça. Procuram a ajuda de dona Prudência, sua madrinha, que os apoia para que se casem. Para Angélica, vale a pena viver se estiver junto ao homem que ama, ainda que tenha que enfrentar sua família e a sociedade.



AMÉLIA BERTRAND DE ARECHIGA (Isabella Camil)

Mulher de personalidade forte e dominante. Inteligente e orgulhosa de sua família. É muito apegada à moral e aos bons costumes de sua classe social. Não tolera as coisas que transgredem os princípios que segue desde criança, pelo que não vê com bons olhos que sua família se misture a de Alessandro, pois o considera o filho bastardo de Benjamim Almonte. Somente cede quando descobre que a esposa desse homem é Monserrat Mendonça, pois Amélia é parente distante de Graziela, mãe da jovem. Seu esquema familiar se rompe Graziela quando sua filha mais velha, Angélica, se apaixona por José Luis Álvarez e foge com ele. Amélia não descansará até recuperar sua filha doente e, com isso, a honra de sua família.



JOAQUIM ARECHIGA (Luis Xavier)

Fazendeiro milionário, de personalidade forte, mas fácil de ser manipulado. É honesto, leal e de bons sentimentos. Sua maior preocupação é a saúde de sua filha mais velha, Angélica, que padece de uma doença séria e incurável, o que lhe mantém com a mente ocupada, tanto, que não percebe as más intenções de seu suposto amigo, Loreto, que o envolve para conseguir seus propósitos sujos, sem que Joaquim se dê conta. Até certo ponto, é ingênuo e confiável. É dedicado à sua família, sua esposa e suas duas filhas, por quem faria tudo, e se torna um tirano quando se trata de defender a integridade e a honra das pessoas que ama.



EZEQUIEL BASURTO (Alexis Ayala)

Policial corrupto, ignorante e mau-caráter. É submetido às ordens de seu chefe, Loreto, com quem se comporta de modo servil e obediente, cumprindo seus trabalhos sujos. Com a morte de Loreto, Ezequiel passa a ser o chefe da polícia suplente e, após, é eleito como sucessor. Com isso, Ezequiel pensa em seguir os passos de seu ex-chefe, mas sua ambição desmedida e sua falta de astúcia o levam ao caminho errado. É lento para tomar decisões e se aflige quando não sabe sair de seus problemas.



FABÍOLA GUILLÉN (Lisset)

Bela mulher, amável e serena, mas, no fundo, é cruel e sombria. Simula uma personalidade encantadora para conseguir seus propósitos. É inteligente e bastante diplomática. Hipócrita e astuta. Aparenta ter um caráter doce, quando na realidade é forte e decidida, o que a torna desonesta e falsa. Sua ambição desmedida ao saber da morte de Benjamim Almonte, faz com que retorne do Peru e se apresente para Alessandro como a sobrinha perdida de seu pai, afim de reclamar sua herança. Ela é filha da irmã do falecido e acaba de perder seus pais, entretanto, seu tio Benjamim havia escrito há dois anos para sua mãe, informando-lhe que Fabíola seria a herdeira universal de sua fortuna. Diante das dúvidas e desconfiança de Alessandro, que não cede tão facilmente às pretensões da jovem, Fabíola conspira, secretamente, com Pedro Medina e Sandro Narváez, para apoderar-se da fortuna de Alessandro.



SANDRO NARVÁEZ (Francisco Gattorno)

Homem atraente, de personalidade firme. De caráter forte, é ambicioso e violento. Carente de escrúpulos. Não pensa duas vezes em causar danos afim de conseguir seus propósitos. Inteligente e manipulador. É obsessivo e cúmplice de Fabíola, em seu desejo de recuperar a herança de Benjamim Almonte, despojando Alessandro de tudo. Apresenta-se diante dele como protetor de Fabíola, conseguindo que o rapaz a receba em sua casa, pois o que mais necessita sua protegida é sentir o calor de um lar. Sandro, com astúcia e habilidade, falsifica assinaturas e documentos. Ao se dar conta do interesse de Fabíola por Alessandro, Sandro a ameaça em manter a cabeça fria, pois ele não irá expor sua ganância pela herança. Apesar de suas falsidades e violência, as coisas se complicam e ele acaba por aliar-se com Pedro Medina, junto com Fabíola, em sua tentativa de despojar Alessandro de sua fortuna.



BENJAMIM ALMONTE (Alfredo Adame)

Homem maduro, milionário, a ponto de morrer, com um terrível peso na consciência por todo o mal que praticou durante sua vida. De personalidade forte e dominante, é incapaz de ter um gesto de bondade. Acostumado a impor sua vontade e fazer valer seu poder. Desfruta por poder controlar as coisas e as pessoas. Trata mal seus empregados e abusa das camponesas, o que o torna um homem sozinho, odiado e sem família. Já gravemente doente e pressionado pelo padre Anselmo, Benjamim reconhece seu único filho, Alessandro, que trabalha como empregado em sua fazenda, nomeando-o herdeiro universal de sua fortuna. Antes de exalar seu último suspiro, o pobre moribundo revela isso a Alessandro, criando um grande impacto no rapaz e mudando sua vida radicalmente.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Os dubladores de Rubi


Sucesso internacional estrelado pela uruguaia Bárbara Mori, pelo argentino Sebastián Rulli e pelos mexicanos Eduardo Santamarina e Jacqueline Bracamontes, a telenovela Rubi foi lançada pela Televisa, em 2004, sendo esta a mais recente versão televisiva da obra original de Yolanda Vargas Dulché, escrita em meados da década de 60. Com a presença de nomes de peso dentro do cenário teledramatúrgico mexicano, como Ana Martín, Paty Díaz, Yadhira Carrillo, Marlene Favela, José Elías Moreno, Ana Bertha Espín, Antonio Medellín, Olivia Bucio, Roberto Vander, Ingrid Martz, Manuel Landeta, Sergio Goyri, Luis Gatica e muitos outros, o folhetim foi produzido no México por José Alberto Castro e exibido no Brasil pela primeira vez em 2005. De lá para cá, a trama foi reapresentada em mais três ocasiões: em 2006, 2013 e agora, em 2017, pelo SBT. Conheça a seguir o elenco que deu voz aos principais personagens de Rubi, dublada no Rio de Janeiro pelo extinto estúdio Herbert Richers, sob a direção de Peterson Adriano e Adriana Torres:


Mabel Cezar: Bárbara Mori (Rubi Pérez Ochoa de Ferreira)

Eduardo Borgerth: Eduardo Santamarina (Alessandro Cárdenas Ruiz)

Peterson Adriano: Sebastián Rulli (Heitor Ferreira Garça)

Andrea Murucci: Jacqueline Bracamontes (Maribel de la Fuente)

Melise Maia: Ana Martín (Rosário Ochoa de Pérez)

Isis Koschdoski: Paty Díaz (Cristina Pérez)

Luiz Carlos Persy: Antonio Medellín (Inácio Cárdenas)

Rita Lopes: Olivia Bucio (Carla Ruiz de Cárdenas)

Fernanda Crispim: Tania Vázquez (Sofia Cárdenas Ruiz)

Márcio Simões: José Elias Moreno (Genaro Duarte)

Nádia Carvalho: Ana Bertha Espin (Elisa Duarte)

Fátima Malheiros: Arlette Pacheco (Liliam López de Duarte)

Philippe Maia: Marco Méndez (Luis Duarte Lopez)

Pâmella Rodrigues: Nicole Vale (Natália “Naty” Duarte López - Criança)

Ana Lúcia de Menezes: Karen Sandoval (Natália “Naty” Duarte López - Adolescente)

Ronaldo Júlio: Roberto Vander (Artur de la Fuente)

Ruth Gonçalves: Josefina Echánove (Magda Munhoz)

Oscar Henriques: Luis Gatica (Caetano Martinez)

Duda Ribeiro: Jan (Marcos Rivera)

Maria da Penha: Leonorilda Ochoa (Dolores “Dona Lola” Herrera Guzman)

Maria Helena Pader: Dolores Salomón (Margarida)

Jorge Rosa: Manuel ‘Flaco’ Ibáñez (Onésimo Segundo)

Clécio Souto: Miguel Pizarro (Toledo)

Carla Neves: Ofelia Cano (Vitória Gallegos)

Márcio Chaves: Sergio Argueta (Francisco “Paco” Gomez Gallegos)

Christiane Monteiro: Ingrid Martz (Lorena Trevino)

Marcos Souza: Eduardo Rodriguez (Raul Mendez)

Flávia Fontenelle: Mariana Rountree (Ingrid Mendonça)

Ricardo Vooght: Carlos Cámara (Dr. José Luis Belmiro)

Marcelo Garcia: Manuel Foyo (Ernesto Belmiro)

Ednaldo Lucena: José Antonio Ferral (Dr. Cardoso)

Isabela Quadros: Marlene Favela (Sônia Chavarria Gonzalez)

Carlos Seidl: Sérgio Goyri (Thiago Pietrosanto)

Maurício Berger: Manuel Landeta (Lúcio Montemayor “Conde de Aragão”)

Silvia Goiabeira: Yadira Carrillo (Helena Navarro)

Ilka Pinheiro: Lilia Aragón (Nora Navarro - 1ª voz)

Marly Ribeiro: Lilia Aragón (Nora Navarro - 2ª voz)

André Belizar: Roberto Sen (Davi Trevino)

Carla Pompilio: Luz María Aguilar (Sra. Lorena Trevino)

Mariangela Cantú: María Fernanda García (Valéria)

Mário Cardoso: Sergio Jurado (Dr. Milani)

Beatriz Loureiro: Adriana Roel (Hilda Mendez)

Luiz Paulo Valentin: Gerardo Albarrán (Gabriel Almanza)

Marcelo Sandryni: Sergio Zaldivar (Gastão)

Romeu D'Ângelo: Fernando Jaramilo (Dr. Lara)

Mário Monjardim: Roger Cudney (Howard Williams)

Roberta Nogueira: Ruth Rosas (Célia Ramirez)

Sheila Agued: Alicia Fahr (Romina)

Sérgio MunizJorge Robles (Tibúrcio)

Aidée MirandaLorena Velázquez (Mary Chavarría)

Thiago Fagundes: Harding Junior (Wilson)

Rosane Corrêa: Ángeles Balvanera (Dora - 1ª voz)

Guilene Conte: Ángeles Balvanera (Dora - 2ª voz)

Lina Mendes: Violeta Isfel (Amiga da Ingrid)

Marly Ribeiro: Norma Reyna (Empregada da família Duarte)

Bianca Salgueiro: Kristel Casteele (Fernanda Martínez Pérez)

Hamilton Ricardo: Jorge Flores (Ele Mesmo)

Leonardo Serrano: Pai de Raul

Paulo Bernardo: Seu Napoleão

Vânia Alexandre: Mãe de Raul / Secretária Sabrina

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

El Bienamado estreia no canal Las Estrellas


Após um árduo trabalho de adaptação, desenvolvido há mais de cinco anos pela Televisa, chega à telinha do canal Las Estrellas nesta segunda-feira (23) a aguardada comédia romântica El Bienamado, versão mexicana da clássica história brasileira O Bem-Amado, obra original do memorável dramaturgo baiano Alfredo de Freitas Dias Gomes, levada à televisão em rede nacional pela primeira vez em 1973.

Desta vez, com a participação de conhecidos intérpretes da arte dramatúrgica mexicana e sob a batuta do renomado produtor Nicandro Díaz González (Amores Verdadeiros, A Dona, Amanhã é Para Sempre), a história ganha uma nova roupagem a cargo da escritora Kary Fajer e reúne uma talentosa trupe cômica liderada por Jesús Ochoa (Por Ela... Sou Eva), o responsável por reviver o caricato personagem de um candidato a prefeito que cai no gosto popular de uma pequena cidade do interior com a promessa de construir um novo cemitério para a população.

Carregada de humor e de situações mirabolantes, El Bienamado congrega em seu time nomes como Chantal Andere, Nora Salinas, Irán Castillo, Mariluz Bermúdez, Mark Tacher, Andrés Palacios, Laura Zapata, Alejandra García, Francisco Gattorno, Olivia Collins, Salvador Zerboni, Raquel Morell, Roberto Romano, Polo Morín, Diego de Erice, Fernando Ciangherotti, Alejandra Sandoval, Luis Gatica, Ricardo Silva, Sergio Reynoso, César Bono, Diana Golden, Gabriela Zamora, Raquel Pankowsky, Ricardo Margaleff, Michelle Rodríguez, José Montini, Patsy e grande elenco, além de contar com a participação especial de Jacqueline Bracamontes em seus capítulos iniciais.

A estreia acontece nesta segunda-feira, às 20h, em substituição ao melodrama Tres Veces Ana, finalizado no último domingo (22) pelo canal Las Estrellas, no México.


RESUMO

Odorico Cienfuegos (Jesús Ochoa) é um dos candidatos a prefeito de Loreto e, graças a sua grande preocupação com o futuro de todos em seu povoado, concorre a eleição sob uma promessa que conquista o apoio da maioria: a construção de um novo cemitério. As pessoas que mais o ajudam a obter o título são suas três seguidoras mais fiéis: as irmãs Samperio, três solteironas com as quais ele mantém um romance tão secreto que nem mesmo entre elas existe a suspeita uma da outra.

Odorico tem três adversários: Dona Bruna (Laura Zapata), líder da oposição política; Homero (Andrés Palacios), jornalista local que levanta questões sobre todos os seus atos de governo; e León (Mark Tacher), o médico recém-chegado, que se encarrega de que ninguém morra no povoado. A inimizade entre eles acaba piorando quando Valeria (Mariluz Bermúdez), a filha de Odorico, inicia um romance casual com Homero, mesmo estando apaixonada por León, que a rejeita porque vive atormentado por uma culpa do passado.

Odorico, desesperado, aceita trazer ao povoado o primo moribundo das solteironas para que, uma vez falecido, o cemitério possa ser inaugurado. Ao descobrir o ocorrido, Dona Bruna consegue que León cure o pobre moribundo. Angustiado por não conseguir outro cadáver para enterrar, Odorico convoca o lendário matador Chuy Diablos (Francisco Gattorno), com a intenção de que os integrantes das famílias rivais do povoado se matem entre si, mas, quem morre acidentalmente é um policial. Odorico se alegra, pois finalmente poderá inaugurar o cemitério. Entretanto, o finado policial é levado para sua cidade de origem, frustrando as esperanças do prefeito.

León, por sua vez, resolve todas as crises de saúde do povoado de maneira eficiente, apesar das tramoias de Odorico para acabar com o centro de saúde e de mandar alguém para roubar os medicamentos que são usados na cura da epidemia que está invadindo o povoado. Valeria é quem ajuda León em seu nobre trabalho de atender os doentes e com isso uma aproximação amorosa surge entre os dois. Homero, enciumado e despeitado, decide abandonar o povoado. E, apesar das tentativas de Valeria em conquistar León, ele não consegue deixar de sentir o remorso que o impede de iniciar uma relação com a moça.

Por outro lado, Odorico fica fascinado por Melissa (Alejandra Sandoval), a ex-mulher de seu assessor político, ao mesmo tempo em que se ocupa de vigiar Justina (Chantal Andere), uma de suas pretendentes solteironas, que por sua vez já se relacionou com Chuy Diablos.

Entre risos, humor e muito amor, Odorico se diverte como prefeito da cidade, sempre planejando uma série de artimanhas que possam contribuir para a inauguração de seu cemitério o mais rápido possível, permitindo que ele cumpra com sua promessa de campanha.

Mi Adorable Maldición estreia no canal Las Estrellas


Uma nova história ao bom e velho estilo Cinderela chega hoje ao canal Las Estrellas, no México, com as atuações de Renata Notni e Pablo Lyle. O jovem casal protagoniza Mi Adorable Maldición, mais recente adaptação do clássico colombiano Lola Calamidades (1987), cuja última versão, Bella Calamidades, foi estrelada por Danna García e Segundo Cernadas para a rede Telemundo há apenas sete anos.

Baseada em um texto original do escritor Julio Jiménez, repaginado por Gabriela Ortigoza, Mi Adorable Maldición conta com a assinatura do produtor Ignacio Sada Madero, o mesmo de folhetins como Simplemente María (2015), Por Siempre mi Amor (2013) e Un Refugio Para el Amor (2012), e narra com toques de realismo mágico o conto de Aurora (Renata Notni), uma jovem órfã que desde o nascimento carrega uma maldição que a mantém presa em um mundo sombrio, marcado pela desgraça e pela pobreza.

Entre os atores que dividem os créditos da nova atração também se destacam Patricia Navidad, Laura Carmine, Maya Mishalska, Cecilia Gabriela, Paty Díaz, Socorro Bonilla, Roberto Blandón, Alejandro Ávila, José Carlos Ruiz, Juan Ángel Esparza, Ernesto Gómez Cruz, Ignacio Guadalupe, Arturo Vázquez, Érick Díaz, Ilse Ikeda, Gema Garoa, Eva Cedeño e muitos outros.

Mi Adorable Maldición chega para ocupar a faixa de Despertar Contigo, finalizada no último domingo (22) e será exibida diariamente, às 17h, pelo canal Las Estrellas, no México.


SINOPSE

O vilarejo de “El Salado” é uma janela para o passado, onde as tradições, as crenças e os antigos costumes ainda se mantêm vivos. Embora tudo isso o torne extremamente colorido, nem tudo é perfeito, já que seus habitantes ainda acreditam em fenômenos sobrenaturais, bruxarias e maldições. Desse modo, quando a mãe da pequena Aurora (Ana Luisa Tena) morre ao dar a luz, Macrina (Socorro Bonilla), a parteira, imediatamente espalha a notícia de que a menina é a culpada pelo que aconteceu, pois nasceu com um sinal na pele parecido a uma caveira e que isso é a prova viva de que carrega consigo uma desgraça. Assim, a bebê fica marcada por toda a sua vida como portadora de uma maldição.

Diante da presença da inocente criatura, os vizinhos passam a agir como se o próprio diabo estivesse na frente deles, fazendo com que Severo (Roberto Blandón), um miserável andarilho que deixa seu mau cheiro por onde passa, lance sobre Aurora uma impiedosa praga, rogando que ela jamais terá uma família, pois seu destino está escrito e deve ser cumprido.

Aurora, então, fica sob a amorosa proteção de Anselmo (Ignacio Guadalupe), seu pai, que decide criar sua filha totalmente isolada das outras pessoas, com a única intenção de protegê-la do absurdo mito originado por conta de sua marca de nascença.

A magia do amor chega à vida de Aurora ainda na infância, quando Rodrigo (Mikel), o pequeno filho de uma rica família, a conhece por casualidade e desde então fica fascinado por ela para sempre. Com o passar do tempo, nasce entre eles um carinho incondicional.

Aurora (Renata Notni) torna-se uma bela mulher, mas sua vida muda subitamente quando seu pai contrai uma grave doença e em seu leito de morte pede a sua filha e a Rodrigo (Pablo Lyle) que lhe façam um juramento: Anselmo o faz prometer que ele sempre protegerá Aurora, e pede a sua filha que demonstre ao vilarejo que ela não traz desgraças, mas sim, o amor. Ambos aceitam, assumindo o compromisso por toda a sua vida, então, Anselmo morre em paz. Aurora fica desprotegida e sofre pela perda irreparável. Rodrigo se oferece para cuidar dela, mas Aurora decide abandonar “El Salado”.

Depois de alguns anos, a desgraça volta a ferir Aurora quando sua tia morre e ela acredita que a culpa seja dela. Assim, se convence de que realmente atrai desgraças e retorna a “El Salado”, onde passa a morar isolada em um cemitério, ao lado do túmulo de seu pai. Quando a notícia chega aos ouvidos do velho Severo, ele trata de raptá-la e a tranca em seu casarão, fazendo com que Rodrigo se empenhe em resgatá-la para que ambos possam viver felizes. Entretanto, de maneira inesperada, a jovem se recusa a escapar com ele. E o motivo é um mistério.

O distanciamento de Aurora e Rodrigo torna-se a ocasião perfeita para Mónica (Laura Carmine), a nova inquilina na fazenda do rapaz, que deseja seduzi-lo custe o que custar. Porém, os jovens amantes sempre souberam que foram feitos um para o outro e lutarão por seu amor, sem jamais esquecer as promessas que fizeram a Anselmo, mesmo que para cumprir com sua palavra, Aurora tenha que demonstrar a todos, e inclusive a si mesma, que não nasceu com nenhuma maldição, e que, pelo contrário, é uma jovem suficientemente forte para superar quaisquer dificuldades ou superstições, e capaz de desfrutar do amor ao lado do homem que ela ama.

sábado, 21 de janeiro de 2017

Telemundo Africa anuncia a estreia de O Filho que Nunca Conheci


A Telemundo Africa estreia na próxima segunda-feira (23) mais uma ficção inédita em sua programação. Chega ao canal para ocupar a vaga de A Camionista (Eva la Trailera), a telenovela O Filho que Nunca Conheci (Vuelve Temprano), primeira produção do recém-lançado canal mexicano Imagen Televisión, em parceria com a Argos Comunicación, distribuída pela Telemundo Internacional.

Estrelada por Gabriela de la Garza, Mario Cimarro e Rubén Zamora, a trama tem como base a história chilena homônima, Vuelve Temprano, de 2014, e narra a relação de um casal que parece ter uma vida perfeita, até que tudo se desmorona e eles se dão conta de que conhecem os seus filhos muito menos do que pensavam.

O enredo, carregado de suspense e intriga, gira em torno de Clara (Gabriela de la Garza) e Santiago (Rubén Zamora). Ela, uma apresentadora de telejornal bem-sucedida, e ele, um advogado de grande prestígio. O casal, que não convive muito com seus filhos, é totalmente alheio aos problemas dos jovens, mas a vida de todos dá um giro inesperado na família após uma terrível tragédia. Nos estúdios da emissora, enquanto Clara realiza a cobertura informativa sobre um acidente de carro com várias vítimas mortais, se dá conta de que o falecido é seu filho, Ignacio (Daniel Barona).

Consternada pela dor, toda a família se prepara para dar o último adeus a Ignacio, porém, repentinamente Antonio Avélica (Mario Cimarro), um destemido e irreverente inspetor de polícia, detém o enterro, alegando que as evidências indicam que a morte do rapaz não se trata de um acidente, mas sim, que existem indícios de que seja um assassinato.

Todos entram em estado de choque, pois não imaginam quais poderiam ser os motivos de seu assassinato e, muito menos, quem são os responsáveis. Agora, a vida de Clara e de sua família se transforma. Devem se recompor diante da dor de perder um filho querido para iniciarem uma investigação que irá revelar quem está por trás de sua morte. Por que mataram Ignacio? Por amor? Por drogas? Por vingança?

Esta é a história de uma mãe que busca incansavelmente o responsável pela morte de seu filho; uma telenovela cheia de amor, suspense, mas, sobretudo, uma mensagem interna, que faz com que os pais repensem se realmente estão cuidando de suas famílias.

Com um roteiro original de Daniella Castagno e produção executiva de Aurelio Valcárcel Carrol, O Filho que Nunca Conheci inclui em seu elenco nomes como Sharis Cid, Francisco de la O, Carlos Ferro, Sara Corrales, Alejandro Durán, Sophie Gómez, Alejandra Ambrosi, Alejandro Caso, Cristina Rodlo, Julia Urbini, Andrés Delgado, Christian Vázquez, Estela Calderón, Adriana Lumina, Palmeira Cruz, Teresa Pavé, Adriana Leal e Flor Payán, entre outros.

A exibição acontecerá de segunda a sexta-feira, às 17h10 (CAT), com repetições aos domingos, às 12h10, dublada em português para Angola e Moçambique e em inglês para os demais países do continente africano.

Os dubladores de Guerra das Rosas


Produzida na Turquia pela companhia Medyapim sob o título Güllerin Savaşı, o drama Guerra das Rosas chegou à televisão local em sua primeira temporada no ano de 2014, quando foi exibida pelo Kanal D. A ficção traz à frente de seu elenco o trio protagonista formado pelos atores Damla Sönmez, Canan Ergüder e Barış Kılıç e narra a história de Gulru (Damla Sönmez), uma jovem que nasceu em um bairro humilde, mas que cresceu morando em uma bela mansão onde seu pai trabalha como jardineiro. Fascinada por Gulfem (Canan Ergüder), a bela filha de seus patrões, a quem desde sua infância ela admira, Gulru conhece Omer (Barış Kılıç), um ex-namorado de Gulfem, e sua vida vira de cabeça para baixo, desatando uma guerra em meio a um triângulo amoroso marcado pela diferença de classe entre famílias ricas e pobres. Dublada em português pelo estúdio Alcateia, em São Paulo, Guerra das Rosas chegou a Angola e Moçambique em janeiro deste ano e atualmente ocupa a programação da ZAP Novelas em substituição à trama mexicana As Amazonas. A seguir, confira a lista de dubladores de Guerra das Rosas, cuja dublagem é dirigida por Leila Di Castro, Rosana Beltrame, Luiza Viegas e Cassius Romero.


Samira Fernandes: Damla Sönmez (Gulru Celik)

Shallana Costa: Canan Ergüder (Gulfem Sipahi)

Felipe Grinnan: Barış Kılıç (Omer Hekimoglu)

Caio Guarnieri: Sercan Badur (Cihan Sipahi)

Claus Di Paula: Atilla Şendil (Salih Celik)

Paola Molinari: Zeynep Köse (Yonca Celik)

Rebeca Zadra: Feyza Civelek (Cicek Celik)

Ana Maria Morais: Meltem Pamirtan (Mesude Celik Yıldırım)

Márcio Marconato: Berk Yaygın (Yener Yıldırım)

Alessandra Merz: Aslı İçözü (Halide Demir)

Thiago Longo: Yiğit Kirazcı (Mert Gencer)

Rita Ávila: Güzin Alkan (Naciye Gencer)

Luiz Carlos de Moraes: Turgay Tanülkü (Recep Gencer)

Rosa Maria Baroli: Serap Aksoy / Arsen Gürzap (Cahide Hekimoglu)

Vinícius Fagundes: Uğur Kurul (Taner Hekimoglu)

Cyntia Moran: Münire Apaydın (Mebrure Hekimoglu)

Caio César: Arif Pişkin (Sevket Hekimoglu)

Mara Lídia Manetti: Pınar Afsar (Ayla Sipahi)

Maíra Paris: Ayşe Akın (Duygu)

Rosaly Papadopol: Suna Selen (Munevver)

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Chegou o Amor estreia na ZAP Novelas


Uma nova atração mexicana entra para a programação da ZAP Novelas nesta sexta-feira (20) em Angola e Moçambique. Para ocupar a vaga de Coração que Mente, o canal aposta agora em Chegou o Amor (Vino el Amor), produção de José Alberto Castro lançada pela Televisa em 2016, que traz como protagonistas Irina Baeva e Gabriel Soto em uma trama marcada pelo drama dos imigrantes que tentam reescrever sua história e mudar o seu destino longes de sua terra natal.

Chegou o Amor é inspirada em uma história chilena, Lá Chúcara (2014), ideia original do roteirista Julio Rojas Gutiérrez, adaptada no México por Janely Esther Lee Torres e Vanesa Varela Magallón. O elenco da novela inclui ainda nomes de reconhecimento internacional, como Cynthia Klitbo, Azela Robinson, Kimberly Dos Ramos, Cristian de la Campa, Mar Contreras, Alejandro Ávila, Moisés Arizmendi, Laura Carmine, Sofía Castro, José Eduardo Derbez, Gloria Aura, Raúl Coronado, Verónica Jaspeado, Juan Vidal e muitos outros.

A exibição acontece de segunda a sexta-feira, dublada em português exclusivamente para Angola, às 16h, e Moçambique, às 17h.


SINOPSE

Luciana (irina Baeva) é uma bela jovem que depois de ter sido deportada com seu pai há vários anos, retorna à Califórnia para se reencontrar com a mãe e o irmão nos vinhedos da “Adega de los Ángeles”. Por ironia do destino, chega justamente no momento em que o dono da vinícola, David (Gabriel Soto) está abatido por uma profunda depressão devido à morte de sua esposa Lisa (Laura Carmine), situação esta que beneficia sua ambiciosa sogra Lilian (Azela Robinson) e Juan (Christian de la Campa), o advogado de David, que se aproveitam para desviar fundos em benefício próprio.

Desde que ficou viúvo, David se tornou um homem amargurado, frio, intolerante e fechado para si mesmo; abandonou os vinhedos e não tem cuidado de seus dois filhos, Fernanda (Sofía Castro) e Bobby (Emilio Beltrán), dos quais se distanciou por sua profunda depresão. Marta (Cynthia Klitbo), que foi sua babá e é a mãe de Luciana, é quem tem oferecido aos meninos o amor e a proteção que eles tanto necessitam.

Quando Luciana retorna à Califórnia, sua relação com David desata diversos conflitos, pois a rebeldia, a honestidade e a valentia dela conseguem apagar instantaneamente a solidão que o rodeia. Rapidamente, começa a se tornar evidente para todos na vinícola que Luciana despertou em David a vontade de viver novamente. Ao se dar conta do quão importante Luciana tem sido para David, Lilian usa Fernanda para que ela faça seu pai perceber que Luciana é uma intrusa e interesseira que deseja ocupar o lugar de sua mãe.

Como se isso fosse pouco, Luciana se reencontra com seu melhor amigo da infância, Miguel (Raúl Coronado), que agora é o encarregado da vinícola, e ele fica fascinado por sua beleza. Mas, o que parecia uma relação ideal, torna-se algo impossível, já que, mesmo com os constantes conflitos e enfrentamentos de Luciana com David, uma forte atração tem surgido entre eles.

Por sua parte, Lilian, a sogra de David, tem como principal interesse convencer seu genro a vender a vinícola, não somente para ficar com a fortuna que correspondia a sua filha, como também com o que ele conseguir com a venda. Para isso, planeja uma aliança com Juan e Graciela (Kimberly Dos Ramos), sua outra filha, para unir forças e conseguir o que cada um deseja de David: sua fortuna, suas terras e seu carinho.

Rapidamente, o carisma e o encanto de Luciana fazem com que David abra seu coração e se apaixone por ela, voltando a ficar mais próximo de seus filhos e desistindo da ideia de vender suas terras, pois Luciana o convence de recordar o amor que ele tem por elas.

Porém, quando David está começando a mudar sua forma de ser e volta a sorrir, sua cunhada Graciela volta ao país. Ela, que sempre foi apaixonada por David, começa a conquistar pouco a pouco os sobrinhos, Fernanda e Bobby, fazendo com que David acredite que ela é a melhor opção para que eles formem uma nova família.

Luciana, por sua vez, sentirá que seu coração está dividido entre Miguel e David e somente no final saberá com qual dos dois encontrará o amor.


PERSONAGENS

LUCIANA MUNHOZ ESTRADA (Irina Baeva)

É a filha de Marta e Marcos; irmã de Leon. Luciana é uma jovem vivaz, honesta, inteligente e direta. Não sabe ficar calada e não tem medo de dizer o que pensa. Sente um grande amor pela terra e pela enologia. Briga por aquilo que considera ser justo. É muito decidida e não se dá por vencida até conquistar seus objetivos. Além disso, trata a todos da mesma maneira, sem fazer distinção; é compassiva, amorosa e muito alegre. Seu pai lhe ensinou o amor pela terra e ela se apaixonou não só por isso, como também por tudo o que está relacionado com a produção do vinho. Sua família entrou ilegalmente nos Estados Unidos, onde trabalha há vários anos nos vinhedos de Los Ángeles. Porém, depois de ser deportada junto de seu pai, Luciana volta para o México, onde, vários anos depois, se forma como engenheira agrônoma, com especialização em enologia. Justo quando está prestes a realizar o sonho de poder reunir novamente sua família, seu pai morre, causando nela um imenso sofrimento. Porém, antes de morrer, Marcos lhe pede que procure sua mãe e o irmão, que continuam nos Estados Unidos. Assim, Luciana retorna à Califórnia para reencontrá-los. Ao chegar nos vinhedos, conhece David, o dono da vinícola. Imediatamente, sentem uma forte atração que os leva a uma relação de amor e ódio. Luciana fará até o impossível para tirá-lo da depressão e tentará ganhar sua confiança e seu carinho, para que, pouco a pouco, ele volte a ser o homem carinhoso, alegre e trabalhador que era antes. Luciana também se reencontra com Miguel, que despertará nela a ternura da lembrança de seu primeiro amor e inicia uma relação com ele. Ainda assim, ao mesmo tempo, descobre que David provoca nela sentimentos que ela nunca imaginou sentir.



DAVID ROBLES MORAN (Gabriel Soto)

É o pai de Fernanda e Bobby; marido de Lisa. É um homem que costumava ser alegre, responsável e bom líder. Sua paixão é trabalhar na terra. Nasceu no México e aos dezoito anos chegou à Califórnia com seus pais, onde se formou como engenheiro. Após a morte de seu pai, se encarregou de cuidar da vinícola “Adega de los Ángeles”. Na universidade, conheceu Lisa, a quem amou, foi fiel e carinhoso e com ela teve os seus dois filhos. Após a morte de Lisa, David se deprimiu tanto que se tornou um homem sombrio, mal-encarado, autoritário e desconfiado, caiu em uma profunda depressão, vive trancado e não se preocupa mais com seus filhos e nem com os vinhedos, os quais herdou de seu pai. O isolamento de David apenas pode ser quebrado pelo amor que chegará com a aparição de Luciana, que pouco a pouco lhe devolverá a alegria de viver. Apesar de no princípio não se darem bem e atravessarem diversos conflitos, o caráter da jovem o ajudará a voltar a ser como antes, a melhorar o vínculo com seus filhos e a se dedicar à vinícola da melhor maneira. Pouco a pouco, nascerá um sentimento que não conseguirão esconder. Porém, sua relação com Luciana passará por graves momentos de confusão com a volta de Graciela, a irmã de Lisa, que estará disposta a tudo a fim de conquistá-lo e com quem ele iniciará um relacionamento, já que ela o faz recordar todas as atitudes de sua falecida esposa.


MARTA ESTRADA DE MUNHOZ (Cynthia Klitbo)

É a mãe de Luciana e Leon; viúva de Marcos. É uma mulher que sabe tirar o melhor de cada situação, aparentando ser muito dócil, mas, na realidade, é um tanto manipuladora e acomodada e está disposta a tudo a fim de não viver na miséria. Se deixa comover pelo sofrimento alheio e não gosta de ver as pessoas que ama sofrerem. Segundo sua forma de enxergar as coisas, tem sido uma excelente mãe, pois se sacrificou, mesmo estando distante de seu esposo e sua filha, a fim de se manter em um bom trabalho para oferecer a eles o melhor. Quando seu marido foi deportado, Marta não quis voltar ao México e permaneceu nos Estados Unidos como a babá dos filhos de David, aos quais se dedica a tal ponto de deixar de lados os seus próprios filhos, o que causa problemas entre ela e Luciana. Ao mesmo tempo em que deve trabalhar arduamente, deve suportar os constantes enfrentamentos com Lilian, com quem mantém uma rivalidade desde jovem, já que esta última tem como meta tornar sua vida impossível. Por isso, quando Marta descobre que o oficial Gutiérrez está interessado nela e que Lilian, por sua vez, já está de olhos nele, começa a seduzi-lo para provocar Lilian. Apesar disso, diferentemente de Lilian, Marta sofre profundamente quando vê as consequências de seus atos.


LILIAN ORTIZ (Azela Robinson)

É a mãe de Lisa e Graciela; sogra de David e avó de Fernanda e Bobby. É manipuladora, chantagista, hipócrita, ambiciosa, inteligente e muito astuta. Foi a esposa de Fernando, com quem teve as duas filhas. Odeia Marta desde que seu marido a traiu com ela, por isso é a culpada pela deportação de Luciana e seu pai. Após a morte de sua filha Lisa, se instala na casa de David com o pretexto de cuidar de seus netos e aproveita a depressão de David para se aliar a Juan, para fazer negócios sujos e tentar convencê-lo a vender os vinhedos a um empresário e ficar com uma boa parte do dinheiro da venda. Planeja acabar com Luciana quando esta começa a se relacionar com David, pois teme que ela o tire da depressão e ele descubra que estão cometendo fraudes. Lilian odeia Luciana e Marta e fará suas vidas impossíveis. Mantém um relacionamento com Gutiérrez, o oficial da fronteira que a ajudou a deportar Luciana e seu pai. Essa relação torna-se uma apaixonada aliança, na qual Marta voltará a se meter entre os dois. Com o tempo, se descobrirá que é a culpada de muitas atrocidades.


GRACIELA PALÁCIOS (Kimberly Dos Ramos)

É filha de Lilian e irmã de Lisa; tia de Fernanda e Bobby. É uma bela mulher, porém, hipócrita e chantagista. É capaz de causar danos pelo grande ódio e a inveja que sente. Sempre esteve apaixonada por David. Quando Lisa morreu, se mudou para a Espanha, com o pretexto de impulsionar sua carreira de pintora. Passado algum tempo, voltou aos vinhedos a pedido de Juan, com quem se alia, mais decidida do que nunca, para conseguir fisgar David, que parece estar a ponto de se deixar cair... até conhecer Luciana. Graciela não tem limites e não tem medo de machucar, entretanto, sua maldade será descoberta. É intensa, impulsiva, manipuladora e rebelde com sua mãe, mas, com David e com Fernanda se faz passar por uma pessoa bondosa e gentil. No fundo, é insegura e carrega consigo o ódio e a inveja que sente por sua irmã. Sua principal estratégia será manipular Fernanda, aproveitando que a menina a ama e a admira, por ela ser independente, e por sua posição de mulher moderna e intelectual que consegue deslumbrá-la.



JUAN TÉLLEZ (Christian de la Campa)

Finge ser amigo de David, mas na realidade é ambicioso e invejoso. É sedutor, egocêntrico, manipulador e machista; para ele, as mulheres servem apenas para momentos de diversão. Juan é calculista, vingativo e paciente para tramar e executar os seus planos. Sabe disfarçar bem e diante de todos parece ser um grande amigo de David. Porém, o odeia, porque o culpa pela desgraça de sua família e por ele ter conquistado Lisa, a mulher que Juan amava, por isso quer lhe tomar tudo. Estudou Direito e David o contratou como seu advogado, por isso, se aproveita de sua posição para se unir a Lilian e roubar o dinheiro de seu amigo. Com a depressão de David, Juan se encarrega de trabalhar nos vinhedos, mas tudo o que faz é para sua conveniência. A chegada de Luciana complica as coisas para ele, pois David começa a sair da depressão e estar mais presente na vinícola, por isso, Juan pede a Graciela que o ajude, mas acaba ficando louco por ela. Mantém uma relação com Pérola, a cozinheira da fazenda, mas só brinca com ela.


SUSANA “SUSAN” O’NEAL DE WILLIAMS (Mar Contreras)

É a enóloga da vinícola. É natural dos Estados Unidos e, apesar de sua formação e cultura serem completamente americanas, se relaciona e se comunica perfeitamente com os imigrantes latinos. É apaixonada pelos vinhos, é trabalhadora, sincera, justa e amigável. Trabalha na vinícola ao lado de Juan, com quem enfrenta muitos problemas, já que ele não sabe escolher o melhor para as terras. É ela quem está à frente das colheitas e de todo o processo da produção de vinho. Torna-se a melhor amiga de Luciana, já que ambas trabalham pelo bem dos vinhedos e compartilham o sentimento de serem rejeitadas por suas diferenças culturais. Além disso, enfrenta muitos problemas com o seu ex-marido e vive uma complicada vida sentimental marcada por encontros e desencontros. A relação que mantém com Tano será muito conflitiva devido às diferenças culturais e sociais, além da obsessão que Fernanda sente por ele. Ajudará a descobrir as fraudes de Juan e fará com que o vinhedo fique cada dia melhor, produzindo vinhos com qualidade de exportação.


MIGUEL DIAZ (Raúl Coronado)

É filho de imigrantes, mas nasceu nos Estados Unidos. É honesto, sonhador, alegre, trabalhador e leal; de gênio forte, mas bondoso, sempre tenta atender o interesse de todos. Tem se dedicado a trabalhar duro e sobretudo, nos últimos anos, tem levado adiante os vinhedos, já que David não tem se preocupado. Trabalha nas terras desde menino. Tem conflitos constantes com Juan, já que este não sabe nada sobre a gestão do vinhedo e sempre os mete em problemas. Conhece Luciana desde que eram pequenos e sempre se deram muito bem, seu carinho por ela é puro e sincero. Ao reencontrá-la, fará todo o possível para conquistá-la e lutará até o final por seu amor, mesmo tendo que enfrentar David.


LISA PALÁCIOS DE ROBLES (Laura Carmine)

É a esposa de David; mãe de Fernanda e Bobby. É filha de Lilian e irmã de Graciela. Bondosa, inteligente, bonita, de grande coração, porém, firme com o que acredita e para defender o que lhe pertence. Nunca foi interesseira e é feliz com aquilo que tem. Sua maior alegria na vida são o seu marido e os seus filhos. Enfrenta constantes conflitos com sua mãe, porque esta nunca aceitou Marta. Porém, os piores conflitos de Lisa são com sua irmã Graciela, pois sabe que ela continua apaixonada por David.


FERNANDA ROBLES PALÁCIOS (Sofía Castro)

É filha de David e Lisa; irmã de Bobby. Perde sua mãe aos quinze anos e esse é um profundo vazio em sua vida. É uma adolescente voluntariosa, rebelde e mimada. Odeia Luciana, pois não vê com bons olhos a relação dela com seu pai. Sente uma grande admiração por sua tia Graciela, em quem consegue enxergar a única mulher que poderia ocupar o lugar de sua mãe. Está fascinada por Tano, um dos empregados dos vinhedos e fará o que for preciso para poder ficar com ele.


MARCOS MUNHOZ PÉREZ (Alejandro Ávila)

É o pai de Luciana e Leon; marido de Marta. É trabalhador, guerreiro, alegre, otimista, boa pessoa, valente e honesto. Apesar de viverem felizes, sentem um constante medo de que a fiscalização os detenha e os deporte e por isso quase nunca saem dos vinhedos. É o principal funcionário da vinícola de David, até o dia em que o deportam junto com Luciana. A partir daí, se dedica a procurar trabalho para manter sua filha, que é sua adoração. Ainda assim, por várias vezes tentarão cruzar a fronteira ilegalmente, pois não podem obter o visto, já que Marcos agrediu Gutiérrez, o oficial da migração, quando este os deportou. Sempre que pode, conversa com sua mulher e seu filho, sente muita falta deles e sonha com o dia de voltarem a se reunir. Quando finalmente está prestes a realizar o sonho de voltar a se encontrar com Marta e Leon, é impedido por uma terrível tragédia, mesmo assim, faz com que Luciana prometa que voltará aos Estados Unidos para encontrá-los.


LEON MUNHOZ ESTRADA (José Eduardo Derbez)

É o irmão de Luciana; filho de Marta e Marcos. Alegre, simpático, engraçado; sempre enxerga as coisas pelo seu lado bom. É um bom amigo, irmão e respeitoso. Se apaixona facilmente, mas é sempre leal. É muito feliz trabalhando nos vinhedos e é um apoio fundamental para Miguel, sobretudo quando o nomeiam chefe da vinícola, pois ambos conhecem as plantações como a palma de suas mãos. Quando Luciana retorna, o conflito entre ela e a mãe deles se faz evidente e a única coisa que ele deseja é que acertem suas diferenças. Em muitas ocasiões, também entra em conflito com Luciana, ao tomar partido apoiando Marta, pois ele tem sido testemunha de todo o sofrimento de sua mãe por ter ficado distante de Luciana e Marcos. Seus melhores amigos são Tano e Miguel, os quais conhece desde menino e com quem se dá muito bem. Tentará conquistar Carolina, mas ela tem olhos apenas para Miguel.


CÉSAR CALLEJAS (Moisés Arizmendi)

É o melhor amigo de David. É carismático, gente boa, bom amigo, atraente, sério, maduro e está sempre disposto a ajudar. É mexicano e cursa uma especialização médica nos Estados Unidos. Sempre trata de aconselhar David, o que lhe causa muitos problemas com Juan.


SONIA ORTIZ (Verónica Jaspeado)

É uma mulher insegura, amargurada e solteirona, que passa a vida maltratando todos os empregados, apenas com David se transforma em outra pessoa. É a governanta e a encarregada de controlar as casas dos empregados da “Adega de los Ángeles”. Depois da morte de Lisa, passa a morar na casa de David e se apaixona por ele desde o primeiro instante que o vê. É fiel a Lilian e obedece às ordens de sua patroa ao pé da letra. No fundo, não é uma má pessoa, por isso ao se dar conta da maldade de Lilian, se arrepende de tudo o que fez.


PÉROLA VIDAL (Gloria Aura)

Ambiciosa, caprichosa, impulsiva e ciumenta. Começa a trabalhar como empregada da casa e rapidamente se torna a secretária de Juan. Está apaixonada por ele e é seu cúmplice nos negócios com Lilian.


BRYAN GUTIÉRREZ (Juan Vidal)

É oficial da polícia. Filho de pais latinos, nasceu nos Estados Unidos, mas renega sua origem. É prepotente, racista, de temperamento forte e agressivo. Como oficial da imigração, se propõe a impedir a chegada de ilegais, pois sente um profundo ódio contra ele, pois acredita que os latinos não transmitem uma boa imagem. Sente uma forte atração por Lilian, mas ao conhecer Marta se interessa muito mais por ela, sem saber que ela é a esposa do homem que ele deportou.


RAMON FLORES (Mario Loria)

É o pai de Tano. É alegre, sincero e trabalhador. Trabalha na Califórnia, acompanhado de seu filho. Sua esposa não consegue cruzar a fronteira, por isso acabam se divorciando. Desde então, se dedica a cuidar e criar de seu filho sozinho. É um grande amigo de Marta e depois de ficar viúvo pretende conquistá-la. É extremamente preocupado com o fato de Fernanda querer estar próxima de Tano e que seu filho se meta em problemas por isso.


CARLOS “TANO” FLORES (Luciano Zacharski)

É filho de Ramon e se encarrega de trabalhar nas adegas do vinhedo. É bonito, humilde e encantador, o que deixa várias empregadas apaixonadas por ele. Torna-se um grande aliado de Susan e um apoio fundamental para que ela consiga desmascarar Juan, junto a Miguel. Deve lidar com Fernanda, que está obcecada por ele.


CAROLINA GONZALEZ (Yanet Sedano)

É uma jovem simpática, trabalhadora, inocente e humilde. Carolina está apaixonada por Miguel, mas não é correspondida e, na tentativa de conquistá-lo, torna-se uma inimiga a mais para Luciana. Por sua vez, não tem olhos para Leon, que a quer muito bem.