quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Os dubladores de Amanhã é Para Sempre


Baseada em uma telenovela colombiana de nome Pura Sangre, idealizada originalmente por Guillermo Restrepo, Mauricio Navas, Conchita Ruiz e Tania Cárdenas, Amanhã é Para Sempre foi produzida por Nicandro Díaz González para a Televisa, em 2008, a partir de uma adaptação livre da escritora Kary Fajer. Estrelada por Silvia Navarro, em sua estreia na Televisa, após uma década de trabalhos pela Azteca, a atração contou com nomes de peso dentro do cenário artístico mexicano, como Fernando Colunga, Lucero, Sergio Sendel, Erika Buenfil, Dominika Paleta e María Rojo, entre outros, e marcou, também, o retorno de Rogelio Guerra aos melodramas, após alguns anos de ausência. No elenco, destaque também para as atuações de Guillermo Capetillo, Roberto Palazuelos, Carlos de la Mota, Ariadne Díaz, Arleth Terán, Fabián Robles, Marisol del Olmo e Alejandro Ruiz. Dublada em português pelo estúdio paulista BKS, Amanhã é Para Sempre foi exibida no Brasil pela Rede CNT, entre setembro de 2009 e abril de 2010, elevando significativamente a audiência do canal no horário nobre e conquistando inúmeros fãs. Conheça, a seguir, os nomes de alguns dubladores que deram voz à versão brasileira de Amanhã é Para Sempre, sob a direção de dublagem de Márcia Gomes:


Daniella Piquet: Silvia Navarro (Fernanda Elizalde Rivera)

Affonso Amajones: Fernando Colunga (Eduardo Juárez Cruz / Franco Santoro)

Lúcia Helena: Lucero (Bárbara Greco Elizalde / Rebeca Sánchez)

Ricardo Teles: Sergio Sendel (Damián Gallardo)

Roberto Prates: Rogelio Guerra (Gonçalo Elizalde / Artêmio Bravo)

Rosa Maria Baroli: Erika Buenfil (Montserrat Rivera de Elizalde)

Lilian Bites: Dominika Paleta (Liliana Elizalde Rivera)

Nelson Machado: Guillermo Capetillo (Aníbal Elizalde Rivera / Jerônimo Elizalde)

Thiago Longo: Roberto Palazuelos (Camilo Elizalde Rivera)

Gustavo Haddad: Carlos de la Mota (Santiago Elizalde Rivera)

Isaura Gomes: María Rojo (Soledad Cruz)

Priscila Franco: Ariadne Díaz (Aurora Sánchez Bravo Elizalde)

Laudi Regina: Arleth Terán (Priscila Alvear)

Paulo Porto: Fabián Robles (Vladimir Pinheiro)

Márcia Regina: Marisol del Olmo (Érika Astorga)

Yuri Chesman: Alejandro Ruiz (Jacinto Cordero)

Ivete Jayme: Dacia Arcaráz (Margarita Campillo)

Eleonora Prado: Aleida Núñez (Gardênia Campillo)

Kate Kelly Ricci: Claudia Ortega (Flor Campillo)

Márcia Gomes: María Prado (Dominga Ojeda)

Raul Ferreira Netto: Mario Iván Martínez (Steve Norton)

Cecília Lemes: Tanya Vázquez (Vênus García / Lovely Norton)

Letícia Quinto: Mariana Ríos (Martina)

Eudes Carvalho: Ricardo Silva (Dr. Plutarco Obregon)

Fernanda Bock: Janet Ruiz (Adolfina Guerrero)

Arlete Montenegro: Yolanda Ciani (Úrsula Roa de Gallardo)

José Carlos Guerra: Carlos Cámara Jr. (Jacobo Roa)

Márcia Gomes: Ofelia Cano (Dolores “Dolly” de Astorga)

José Soares (1ª voz) / Faduli Costa (2ª voz): Luis Gimeno (Padre Bosco)

Felipe Grinnan: Salvador Ibarra (Dr. Carlos Rey)

Marco Antônio Abreu: Rafael Novoa (Miguel Lazcuraín)

Marina Sirabello: Zaneta Seilerova (Natasha Baeza)

Adna Cruz: Mariana Seoane (Chelsy)

Maralise Tartarine: Josefina Echánove (Rosenda)

Luciana Baroli: Adanely Núñez (Ana Gregória Bravo)

Silvia Suzy: Cecilia Gabriela (Altagracia Liñares de Elizalde)

Daniella Piquet: Violeta Puga (Fernanda Elizalde - Criança)

Thiago Keplmair: Omar Yubeili (Eduardo Cruz - Criança)

Lilian Bites: Nancy Patiño (Liliana Elizalde - Jovem)

Ricardo Teles: Alberich Bormann (Aníbal Elizalde - Jovem)

Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário: