segunda-feira, 9 de março de 2015

Mil e Uma Noites estreia na Band


A Band estreia hoje, 9 de março, às 20h20, a telenovela Mil e Uma Noites. Sucesso absoluto no mundo todo, a atração é gravada nas belas paisagens da Turquia e conta uma história de amor cheia de percalços. Originalmente intitulada Binbir Gece, essa produção de alta qualidade e um enredo atrativo, foi lançada em 2007 e alcançou números de audiência muito expressivos no Oriente Médio, no Leste Europeu e, mais recentemente, na América do Sul. Agora, dublada em português, será apresentada aqui no Brasil, de segunda a sábado, após o Jornal da Band.

Produzida pela TMC Film, Mil e Uma Noites é escrita em 180 capítulos e estrelada por Bergüzar Korel, Halit Ergenç, Tardu Flordun e Ceyda Düvenci. A trama narra uma história dramática onde a luta de poder e a tentação são os protagonistas. Um filho doente e uma mãe desesperada, disposta a se entregar de corpo e alma para salvar sua vida são o centro da história deste fenômeno mundial. Com um diagnóstico terminal e um transplante de alto custo como único meio de salvação, Sherazade fará o impossível para conseguir o dinheiro que precisa.

Ao ritmo de Eu só Queria te Amar - canção na voz da cantora Laís, que irá embalar a entrada da nova atração e que, por sua vez, é uma versão brasileira da música Corre, do dueto mexicano Jesse & Joy - Mil e Uma Noites será um marco na história da teledramaturgia do Brasil, tornando-se a primeira telenovela turca a ser exibida no país.


SINOPSE

Apesar da grande oposição de sua família, Sherazade se casou com Ahmet, filho de uma família patriarcal, e deu à luz um menino. Quando o bebê tinha apenas um ano de idade, Ahmed morreu em um acidente de carro e Sherazade ficou com a difícil tarefa de cuidar sozinha de seu filho Kaan. No entanto, as dificuldades para esta jovem ainda não haviam terminado. Logo descobre que Kaan é vítima de leucemia e trata de entregar seu coração e sua alma para conseguir o dinheiro para seu tratamento médico.

Sherazade é uma talentosa arquiteta que trabalha na Binyapı, uma empresa construtora pertencente a Onur e Kerem. A história começa com a necessidade de Sherazade de arrecadar 1 milhão para o tratamento de Kaan. A doença tem cura e uma doadora de medula compatível foi encontrada no Azerbaijão. O único obstáculo que interfere em seu caminho é o dinheiro. Primeiramente, Sherazade entra em contato com seu sogro, Burhan, um homem rico que se nega a ajudá-la. Depois, tenta conseguir um empréstimo do banco, mas também sem resultado.

A jovem, desesperada para manter seu filho com vida, pede ajuda a um dos dois jovens e elegantes diretores da Binyapı. Seu chefe é Onur Aksal, um homem de negócios bem-sucedido, que professa sua aversão às mulheres, mas que está secretamente atraído por Sherazade. Quando ela se aproxima dele como último recurso, a proposta de Onur muda sua vida e coloca o mundo de Sherazade de cabeça para baixo. Ele promete lhe dar o dinheiro, mas com a condição de que passe uma noite com ele.

Sem saída, Sherazade se encontra em um momento crucial em sua vida, onde deve aceitar a proposta indecente para salvar seu filho. O que Onur não imaginava era que depois dessa noite não poderia tirar da cabeça aquela bela mulher e, aproveitando que trabalham no mesmo lugar, decide conquistá-la.

Para aproximar-se dela, Onur planeja uma viagem de negócios a Dubai, que, na realidade, não passa de uma desculpa para poder passar outra noite com ela, oferecendo-lhe o dobro do dinheiro. Ela, indignada, decide afastar-se dele e rapidamente um novo concorrente para Onur aparece para disputar o coração de Sherazade: seu primo Kerem.

Quando finalmente Onur se dá conta de que ela aceitou sua oferta somente para salvar seu filho, seu modo de agir com ela muda e agora não somente desejar estar com ela, como também torná-la sua mulher e ser o pai de seu filho. Assim, Onur decide lhe propor casamento, mas ela se nega e recusa sua proposta.

Para recompensar o mal que causou à sua amada, Onur começa a conquistar Sherazade para que ela finalmente lhe diga o sim, e consegue. Por fim, ambos se apaixonam um pelo outro e começam a preparar seu casamento, apesar da oposição da mãe de Onur. Entretanto, no dia do casamento, uma notícia vem à tona para arruinar sua reputação...


PERSONAGENS


Sherazade (Bergüzar Korel)

É uma jovem viúva de 26 anos, talentosa arquiteta na empresa Binyapi. Ela perdeu a mãe aos 12 anos, o pai aos 19 e o marido aos 24. Se casou com Ahmed contra o desejo de sua família. Depois da morte do marido, descobre que seu filho pode morrer vítima de leucemia e fará de tudo para salvá-lo.



Onur (Halit Ergenç)

Tem uma vida aparentemente de sonho, mas também tem uma história sofrida. A forma como perdeu seu pai aos 12 anos é a razão dele não confiar nas mulheres. Kerem é seu melhor amigo, mas parece estar em constante competição com ele, tanto profissionalmente como pessoalmente.



Kerem (Tardu Flordun)

Tem uma opinião melhor que Onur sobre as mulheres, é menos dependente do trabalho e aproveita mais a vida. Sempre foi defensor da Sherazade e a ama em silêncio. Vendo a aproximação entre Onur e Sherazade, ele vai fazer de tudo para tentar separá-los.



Bennu (Ceyda Düvenci)

É uma jovem arquiteta, companheira de trabalho e melhor amiga de Sherazade. Tem uma irmã problemática chamada Melek. Ela é uma eterna apaixonada por Kerem, que nem a nota. Muitas vezes, se sente ameaçada por Sherazade, que é o motivo de Kerem não ter olhos para ela.



Kaan (Efe Çinar)

É o filho de Ahmed e Sherazade e a razão de sua mãe ter decidido vender uma noite de intimidade com o Onur a fim de conseguir o dinheiro para a operação que pode salvar sua vida. Quando Onur o conhece, desperta seu instinto paterno, mas não é visto com bons olhos pelo menino.



Burhan (Metin Çekmez)

É marido de Nadide, pai de Ali Kemal e Ahmed, o falecido esposo de Sherazade. O sogro da protagonista é um homem arrogante e muito rigoroso. Sua esperança é ter um neto homem e, ao saber que sua nora Füsun não poderá dar-lhe um, tenta conquistar o amor de Kaan. Ao negar dinheiro para sua operação, Sherazade não deixa que ele veja o neto, e ele seguirá tentando reconquistá-lo.



Nadide (Tomris Incer)

É esposa de Burhan, mãe de Ahmed e Ali Kemal. Ao contrário de seu marido, ela é uma mulher submissa que tenta manter a casa em ordem para que Don Burhan não se aborreça. Sherazade a recebe com carinho sempre e permite que Kaan a chame de avó. Ela também gostaria de ter um neto homem, por isso tem adoração por Kaan.



Ali Kemal (Ergün Demir)

É o filho de Burhan e Nadide, irmão de Ahmed, esposo de Füsun. Ambos são pais de Buket, Burçu e Berçin. Apesar de parecer ser muito correto e submisso, Ali Kemal esconde segredos muito obscuros e vive uma vida dupla fora de casa.



Feride (Meral Çetinkaya)

É a mãe de Onur e melhor amiga de Seval, a mãe de Kerem. Perdeu seu esposo quando Onur era apenas um menino e desde esse momento se empenhou em protegê-lo como um bebê. Feride insiste em conseguir uma esposa para seu filho e sempre que tem a oportunidade faz algum comentário para que ele saiba que ela quer se case e que lhe dê muitos netos.

Blog Widget by LinkWithin

9 comentários:

Mário Henrique Carlassara disse...

Adorei, com certeza é uma grande aposta da Band!!

Wanderleia Bonilha disse...

Será lider no horário.Ameeeeeeiiii
a novela.

lara disse...

Novela linda, maravilhosa ñ per o um só capítulo.

lara disse...

Novela linda!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

A qualidade da dunlagem. O kerem pela dua intensidade e perfeito os detalhes dos moveis as comdas as musicas bennu e mileban sao muito fortes. Enfim o conjunto fifrrenvia e encanta me.

Anônimo disse...

A fidelidades
a lealdade
valores
o legal e que a história nao gira em torno dos2 primos.

Anônimo disse...

Sou apaixonada por essa novela, a globo deveria aprender com os turcos como fazer uma boa novela sem apelação.Não perco um capitulo, sou apaixonada também pelo galã Onur.

Anônimo disse...

Amo ....o onur e seu olhar sensual...

Anônimo disse...

Amo o Onur; Kerem; Seval; Nadide: novela maravilhosa sem apelação e muitos ensinamentos. Adoro, não perco um capítulo!