quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

ZAP Novelas anuncia a estreia de Sonha Comigo


Para começar 2015 com muita música e fantasia, a ZAP Novelas estreia no dia 5 de janeiro, em substituição a Amigas e Rivais, a telenovela Sonha Comigo, uma coprodução entre a Televisa, a Nickelodeon e a Illusion Studios, gravada na Argentina e protagonizada pelos jovens atores Eiza González e Santiago Ramundo.

Escrita por Claudio Lacelli e produzida por César Markus, Sonha Comigo conta com fortes elementos musicais e relata a história de dois adolescentes que se apaixonam exatamente por meio da música: Clara Molina (Eiza González) e Luca Grossi (Santiago Ramundo). Ela tem uma vida perfeita: é querida por suas amigas, é a melhor aluna, é talentosa e muito bonita, tem pais de boa posição social e tem um pretendente que, aparentemente, é o candidato ideal. Ele é idealista e boêmio, vem de uma família de classe média. É talentoso com a música e gosta de compor canções, mas até o momento não tem nenhum estudo artístico. Luca é um garoto disposto a tudo para realizar seus sonhos.

Do outro lado da cidade, um reality show abre inscrições para o casting, o que desperta a curiosidade de Clara. Entretanto, seu pai não lhe permite participar, mas ela, sob o nome de Roxy Pop e fantasiada, se inscreve mesmo assim. A princípio, somente sua melhor amiga sabe seu segredo e, claro, o diário íntimo de Clara, onde relata passo a passo o que ocorre em seu dia-a-dia.

Luca e Clara se conhecem em um incidente que os leva a se tratarem como cão e gato. Mas, Roxy Pop, com sua doce voz, cativa Luca, que a acompanha pela televisão, ignorando que na realidade é a mesma Clara. O que ele sabe é que deverá superar muitos obstáculos e desafios para conquistar a garota dos seus sonhos.

Sonha Comigo conta, também, com a presença dos atores Vanesa Leiro, Valentín Villafañe, Brenda Asnicar, Santiago Talledo, Agustina Quinci, Felipe Villanueva, Clara Hails, Florencia Padilla, Nicolás D'Agostino, Gabriel Gallichio, Sabrina Macchi, Florencia Benítez, Kalena Bojko e Federico Barón, entre outros.

A estreia acontece na segunda-feira, 5 de janeiro, às 18h00, pelo horário de Angola, e às 19h00, pelo horário de Moçambique.

sábado, 20 de dezembro de 2014

As próximas telenovelas da Televisa para 2015


Várias serão as telenovelas que terão sua estreia no próximo ano, através do Canal de las Estrellas, no México, dentre elas, produções de Salvador Mejía, Rosy Ocampo, Emilio Larrosa, Carlos Moreno, Lucero Suárez, Angelli Nesma, Ignacio Sada e Roberto Hernández. A seguir, estão listadas as novidades da teledramaturgia mexicana para 2015:


AMORES DE BARRIO

Após uma longa ausência das telinhas, desde que realizou o melodrama Feridas de Amor, o produtor Roberto Hernández retornará às telenovelas com o remake de Muchacha de Barrio, uma história original da escritora Fernanda Villeli, que, em 1979, foi produzida por Ernesto Alonso e protagonizada por Ana Martín e Humberto Zurita. A trama que relata a vida de uma jovem de classe humilde que consegue trabalho em uma empresa onde conhece um homem atraente, por quem se apaixona, já deu início às suas audições para selecionar o elenco do melodrama que agora terá como título Amores de Barrio.

Para o papel da heroína estão na disputa as atrizes Renana Notni, Cassandra Sanchez Navarro e Ximena Navarrete. Para galã, soam os nomes de Javier Jattin, Jencarlos Canela, Carlos de la Mota e Alfonso Herrera. Para vilã, os nomes de Jessica Coch, Karenka, Zoraida Gómez e até mesmo Adriana Nieto estão cotados e para dar vida à mãe da protagonista cogitam-se atrizes como Laura Luz, Martha Cristiana e Rocío Banquells.

Amores de Barrio entraria no ar em substituição a Muchacha Italiana Viene a Casarse, que é exibida atualmente às 16h15, pelo Canal de las Estrellas.


SIMPLEMENTE MARÍA

Assim como já se vinha especulando há alguns anos, a Televisa voltou a cogitar a produção de uma nova versão de Simplemente María, um grande clássico da televisão peruana, visto em mais de vinte países. Baseada em uma história original da escritora argentina Celia Alcántara, Simplemente María conta com diversas adaptações, inclusive uma brasileira, realizada pela TV Tupi, em 1970.

A última versão, realizada no México, foi produzida por Valentín Pimstein, em 1989, e protagonizada por Victoria Ruffo, tendo sido exibida também no Brasil, em duas ocasiões, em 1991, pelo SBT, e em 1997, através da Rede CNT-Gazeta.

Agora, o produtor Ignacio Sada é quem planeja dar uma nova roupagem a este clássico, que já teria sua vaga garantida no segundo semestre do próximo ano, por volta de outubro ou novembro, no horário das 16h15, após o desenlace de Amores de Barrio. Ainda sem muitos detalhes, especula-se a participação de Danna Garcia, Ana Brenda Contreras, África Zavala e Zuria Vega como principais candidatas a protagonista.


QUE TE PERDONE DIOS

Adaptação de Abraça-me Muito Forte, que por sua vez era remake de Pecado Mortal, a nova produção de Angeli Nesma para a Televisa já tem data de estreia confirmada, mas, para o público estadunidense, através da rede Univision, a partir de 19 de janeiro, e, posteriormente, através do Canal de las Estrellas, no México, a partir do mês de fevereiro, às 18h25, em substituição a Yo no Creo en los Hombres.

Com Zuria Vega e Mark Tacher à frente do elenco, o melodrama contará, também, com a participação de Sergio Goyri, Rebecca Jones, Altair Jarabo, Sabine Moussier, Ferdinando Valencia, Alejandro Ávila, Alejandra Ávalos, Ricardo Franco, Adriano Zendejas, Alejandra Robles Gil, Alejandra Procuna, Carlos Athie, Dacia Gonzalez, Daniela Bassom, Julio Manino, Oscar Bonfiglio, Raúl Olivo, Zaide Silvia Gutierrez, Eric del Castillo, Brandon Peniche, Irán Castillo, Ana Bertha Espín, Ana Patricia Rojo, René Strickler, María Sorté e Manuel Ojeda, entre outros.


LA VECINA

A produtora Lucero Suárez já recebeu o sinal verde da Televisa para realizar sua nova telenovela, a qual levará por título La Vecina, folhetim este que será uma adaptação da bem-sucedida trama argentina Solamente Vos, estrelada pelos atores Natalia Oreiro e Adrián Suar, em 2013. E como já divulgado, Esmeralda Pimentel e Juan Diego Covarrubias são os confirmados para os papéis estelares desta versão mexicana, que começará a ser gravada em fevereiro do próximo ano, com previsão de estreia para agosto, na faixa das 18h25, após a conclusão de Que te Perdone Dios.

Ainda para esta nova atração já foi confirmado o nome de Arturo Carmona e, por agora, também se rumora a possível participação de Alejandro Ibarra, Mariluz Bermúdez, Alfredo Gatica, Ricardo Fernández Rué e Manuel Lechuga.


CUNA DE LOBOS

Sob a batuta de Carlos Moreno Laguillo, a Televisa está preparando a nova versão do grande clássico mexicano Cuna de Lobos, conhecido no Brasil como Ambição, para transmiti-la em meados de maio do próximo ano, às 19h25, em substituição a La Sombra del Pasado, que conclui sua exibição em 15 de maio próximo.

Ainda sem atores confirmados, soam fortes os nomes de Marlene Favela e Cristián de la Fuente ou Sebastián Rulli para o casal protagonista, bem como os de Rocío Banquells e Leticia Calderón para interpretar a terrível Catarina Creel. Vale recordar que, há algum tempo, a Televisa cancelou um remake desta telenovela, Por Derecho de Sangre, que seria produzido por Salvador Mejía e protagonizado por Danna García, William Levy e Rebecca Jones.


AMORES CON TRAMPA

Pouco a pouco, novos nomes somam-se ao elenco de Amores con Trampa, produção a cargo de Emilio Larrosa, que nada mais é que a adaptação mexicana de uma telenovela realizada no Chile, no ano passado, com o título Somos los Carmona, que narra a história de uma mulher proveniente de uma família humilde, do campo, que se muda à capital em busca de melhores oportunidades.

A nova telenovela, que já conta com as participações dos protagonistas Itatí Cantoral, Eduardo Yáñez e Ernesto Laguardia confirmadas, encontra-se agora na procura de novos nomes para o elenco, dentre eles África Zavala, Sofía Castro, José Eduardo Derbez, Ignacio López Tarso, Luz María Aguilar, Maribel Fernández, Rosita Pelayo, Harry Geithner e Aldo Guerra.

Ao som do cantor e compositor Joan Sebastián, encarregado de interpretar o tema principal desta nova aposta de Emilio Larrosa, Amores con Trampa entrará no horário das 20h25, deixado pela telenovela Mi Corazón es Tuyo, que tem seu final programado para 1° de março.


MÁS CANIJA QUE NINGUNA

O próximo projeto dramatúrgico da produtora Rosy Ocampo, intitulado Más Canija que Ninguna, já está dando o que falar graças ao elenco que acompanhará sua história, isso porque, recentemente, revelou-se a participação do ator Eduardo Santamarina, de 46 anos, como o protagonista masculino da nova trama. Além disso, o time de atores já conta com a participação de Sylvia Pasquel e Chantal Andere, que depois de sua participação como antagonista em La Mujer del Vendaval, retorna às telenovelas mexicanas nesta produção.

Más Canija que Ninguna ainda não conta com protagonista confirmada. Eiza González, que era uma das possíveis candidatas, descartou sua participação, sendo agora a atriz Ariadne Díaz a favorita para estrelar este folhetim. A nova telenovela trata-se de uma história original de uma escritora espanhola, da qual se desconhece a trama, mas comenta-se que terá toques de comédia, revelando uma nova faceta de atores, como a própria Chantal Andere.

Espera-se que Más Canija que Ninguna estreie no próximo ano, através do Canal de las Estrellas, no horário das 20h25, por volta de setembro ou outubro, após o término de Amores con Trampa.


LO IMPERDONABLE

A maior estreia para 2015 fica por conta de Salvador Mejía, que brindará o público com a telenovela Lo Imperdonable, mais uma versão do clássico A Mentira, de Caridad Bravo Adams, que, em 1998, foi protagonizado por Kate del Castillo e Guy Ecker.

Agora protagonizado por Ana Brenda Contreras e Iván Sánchez, com a participação de Grettell Valdez, que dará vida à personagem interpretada pela falecida atriz Karla Álvarez, na versão anterior, o melodrama conhecido anteriormente como Quiero Odiarte, Pero te Amo, finalmente recebeu o título Lo Imperdonable.

Ainda como parte do elenco, estão confirmados Rogelio Guerra e Julissa, que darão vida a um casal de avós, assim como Alicia Machado. Quiero Odiarte, pero te Amo tem data de estreia prevista para abril, em substituição a Hasta el Fin del Mundo, no horário das 21h25, pelo Canal de las Estrellas.

Que te perdone Dios já tem data de estreia


Após alguns meses de espera e incerteza, foi confirmado que a nova produção de Angelli Nesma Medina para a Televisa, o remake da telenovela Abraça-me muito forte, produzida em 2000, que agora terá como título Que te perdone Dios, chegará às telinhas em janeiro, mais precisamente no dia 19, através da rede Univision, nos Estados Unidos.

Com Zuria Vega e Mark Tacher, os protagonistas desta nova versão, o elenco também integra reconhecidos atores como Sergio Goyri, Rebecca Jones, Ana Patricia Rojo, Irán Castillo, Ferdinando Valencia, Ana Bertha Espín, René Strickler, María Sorté e Manuel Ojeda, entre outros.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

MundoFOX anuncia a estreia de ¿Quién mató a Patricia Soler?


Protagonizada pela estrela mexicana Itatí Cantoral e pelo galã espanhol Miguel de Miguel, ¿Quién mató a Patricia Soler? chegará em 2015 à telinha da MundoFOX, rede de televisão em espanhol concorrente das poderosas Univision e Telemundo. Produzida pela RTI para o canal RCN Televisión, da Colômbia, espera-se que a telenovela estreie no país norte-americano antes mesmo do que em seu país de origem.

Baseada na telenovela A Madrasta, original de Arturo Moya Grau, ¿Quién mató a Patricia Soler? é a história de uma mulher traída pelas pessoas mais próximas a ela e sua busca pela justiça. Sara Fernández (Itatí Cantoral) se encontra na plenitude de sua vida, é uma mulher de negócios importante no mundo das joias, tem um bom esposo e filhos adorados, mas de repente perde tudo isso ao ver-se envolvida no assassinato de sua melhor amiga e sócia, Patricia Soler, na cidade de Nova Iorque.

Assim, ela é presa injustamente por esse crime que supostamente não cometeu. Após 17 anos na prisão, Sara retorna como uma guerreira para descobrir quem foi o verdadeiro assassino e recuperar tudo o que havia perdido. Mas, a procura não será fácil, já que cada uma das pessoas que eram próximas a ela pode ser o possível assassino de Patricia Soler.

Esta é uma história de traição, vingança, mistério e suspense, com uma trama que surpreenderá aos telespectadores, especialmente no momento de se revelar o verdadeiro assassino de Patricia Soler.

O melodrama conta, ainda, com as atuações de Kristina Lilley, Natalía Ramirez, Ana Wills, Andrea López, Ricardo Velez, Juan De Dios Ortiz, Paula Barreto, Ricardo Mejía, Sandra Itzel, José Daniel Cristancho, Santiago Goméz, Estefanía Piñeres e Geraldine Zivic, entre outros.

Confira a chamada de estreia, com direito ao convite de Itatí Cantoral:



sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Os dubladores de Natália do Mar


Estrelada pelos venezuelanos Sabrina Salvador e Manuel Sosa, Natália do Mar é uma telenovela produzida pela Venevisión no ano de 2011. Original do escritor Alberto Gómez, reconhecido por suas histórias de sucesso, como Coração Apaixonado, Alma Indomável, Acorrentada e Gata Selvagem, entre outras, Natália do Mar conta com locações nas mais belas praias da Venezuela, bem como em cenários de Miami, Estados Unidos. Dublada em português pelo Studio Gabia, de São Paulo, a produção chegou a Angola e Moçambique, através da ZAP Novelas, em setembro deste ano, levando ao público a atuação de renomados atores de trajetória internacional, dentre os quais se destacam Victor Cámara, Rosalinda Serfaty, Eduardo Serrano, Dora Mazzone, Fedra López, Flor Elena González, Juliet Lima, Adrián Delgado, Yul Bürkle e Franklin Virgüez, entre outros. Conheça, a seguir, os nomes de alguns dubladores brasileiros que dão voz aos personagens de Natália do Mar:


Lene Bastos: Sabrina Salvador (Natália Uribe)

Douglas Guedes: Manuel Sosa (Luis Manuel Moncada)

Luiz Antonio Lobue: Víctor Cámara (Adolfo Uzcátegui)

Maíra Paris: Juliet Lima (Perla Uzcátegui López)

Alessandra Merz: Dora Mazzone (Pasionária “Paixão” López)

Guilherme Marques: Yul Bürkle (Bruno / Diego Baltazar)

Samira Fernandes: Juliette Pardau (Rosário Uribe)

Heitor Assali: Christian McGaffney (Domingo Uribe)

Shallana Costa: Gioia Arismendi (Candy Mileidys Romero)

Fernanda Bullara: María Antonieta Castillo (Loli Montesinos)

Silvia Suzy: Fedra López (Sara Morales)

Lucas Gama: Daniel Martínez Campos (Julian Uzcátegui Morales)

Vanessa Alves: Esther Orjuela (Fernanda de Rivas)

Henrique Canales: Roberto Lamarca (Teodoro Rivas)

Kandy Ricci: Vanessa Pallas (Mariana Moncada)

Pedro Alcântara: Víctor Drija (Gerardo Moncada)

Junior Nannetti: Adrián Delgado (Otávio Valladares)

Rebeca Zadra: Dayra Lambis (Viviana de Sánchez)

Rebeca Modena: Nany Tovar (Sandra Pérez)

Cassiano Ávila: José Madonía (Osvaldo Sandoval)

Suzete Piloto: Gabriela Fleritt (Roberta)

Patt Souza: Carmen Alicia Lara (Silvia)

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

RCTV Producciones prepara a telenovela Piel Salvaje

Reconhecida internacionalmente como produtora de famosas telenovelas como Cristal, Kassandra, Leonela, La dama de rosa e, mais recentemente, Joana, a virgem, Mi gorda bella, Angélica pecado, Mis tres hermanas, La mujer de Judas, Toda una dama e Calle luna, calle sol, a RCTV International divulgou recentemente a criação de sua nova divisão de negócios, a RCTV Producciones, pertencente ao grupo Empresas 1BC, organização de companhias que conta com mais de 84 anos na indústria de meios de comunicação e que será a estrutura organizacional encarregada da produção de novos conteúdos.

E já para o próximo ano, dentro dos planos da RCTV Producciones, está o lançamento da telenovela Piel salvaje, uma versão livre de La Fiera, clássica história do escritor Julio César Mármol que, em 1978, foi levada à televisão com os atores Doris Wells e José Bardina, com excelentes níveis de audiência e, posteriormente, em Pura Sangre, de 1994, com Lilibeth Morillo e Simón Pestana, ambas exibidas pelo canal RCTV.

Agora, adaptada pelo reconhecido dramaturgo Martin Hahn, dirigida por César Manzano e produzida por Mileyba Álvarez, Piel Salvaje será gravada em alta definição e contará com novas tramas, histórias, ambientação e personagens, bem como um toque de mistério e comédia, tendo a participação de destacados atores e atrizes venezuelanos que se unem à família da RCTV Producciones.

Protagonizado pela Miss Venezuela 2011, Irene Esser (foto), que estreou este ano como protagonista na telenovela Corazón Esmeralda, da Venevisión, e pelo jovem ator Carlos Felipe Álvarez, o melodrama contará, também, com atores de longa trajetória como Carlos Cruz, Javier Vidal, Julie Restifo, Gledys Ibarra, Kiara e Amanda Gutiérrez, além da participação de atores como Beba Rojas, Jean Carlos Simancas e Marjorie Magri e da presença de reconhecidas figuras do teatro, que farão sua estreia na televisão venezuelana.

Dentro de alguns dias, será gravada uma demo da história para demonstração em mercados internacionais. Vale destacar que a nova aposta da RCTV Producciones será o carro-chefe da emissora Televen, canal que já negociou a telenovela para exibição em 2015.

Quiero odiarte, pero te amo: A nova adaptação de A Mentira


Conhecida anteriormente como Lo imperdonable, a próxima telenovela estelar da Televisa, a qual terá como casal protagonista a atriz Ana Brenda e o galã espanhol Iván Sánchez, agora se chamará Quiero odiarte, pero te amo. Adaptação do melodrama A mentira, original de Caridad Bravo Adams, esta nova versão produzida por Salvador Mejía contará, também, com a participação de Grettell Valdéz como antagonista principal. Outros nomes que se unem ao elenco são o de Julissa e Rogelio Guerra, que darão vida a um casal de avós.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

TV NaTelinha mostra como é feita a dublagem de Sortilégio


No ar desde o dia 27 de outubro, Sortilégio vem sendo um sucesso nas tardes do SBT. Exibida na faixa das 16h15, a telenovela mexicana inédita no Brasil tem registrado médias em torno dos 8 pontos, garantindo a vice-liderança isolada para a emissora, além de boa repercussão nas redes sociais.

Sortilégio é uma produção da Televisa, exibida pela primeira vez no México em 2009 e exportada para mais de 30 países, entre eles Estados Unidos, Chile e Espanha. A telenovela também foi vencedora e indicada a diversos prêmios, como Prêmios Juventud – 2010, Prêmios Bravo - 2010, Prêmios TVyNovelas - 2010 e Prêmios People en Español - 2010.

A trama é protagonizada pelo ator William Levy e pela atriz Jacqueline Bracamontes, que dão vida ao casal Alessandro Lombardo e Maria José. Ambos os atores já são conhecidos pelos telespectadores brasileiros por já terem atuado em Cuidado com o Anjo e Rubi, respectivamente.

Sortilégio aborda uma história de enganos e traições, onde o ódio que Bruno (David Zepeda) sente por seu meio irmão, Alessandro (William Levy), o leva a planejar sua morte só para tornar-se herdeiro de sua fortuna. Já Maria José (Jacqueline Bracamontes) é uma jovem simples, que espera com ilusão o dia de seu casamento com Alessandro Lombardo, sem suspeitar que seu “Alessandro” é na verdade Bruno, o meio-irmão de Alessandro.

O folhetim é dublado no Brasil pela RioSound. Mas você sabe como é feito esse trabalho? A TV NaTelinha visitou o estúdio e mostra pra você cenas inéditas de dublagem do protagonista Alessandro, vivido por William Levy, além de conhecer algumas técnicas dessa arte.



Colaboração: TV NaTelinha

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Tierra de Reyes estreia na Telemundo


Protagonizado por Aarón Díaz, Ana Lorena Sánchez, Gonzalo García Vivanco, Kimberly dos Ramos, Christian de la Campa, Scarlet Gruber, Fabián Ríos e Sonya Smith, estreia hoje, 02 de dezembro, às 21h00, através da Telemundo, nos Estados Unidos, o melodrama Tierra de Reyes, substituindo Los miserables, que, com o término de Reina de corazones, teve sua exibição deslocada para a faixa das 20h00.

Tierra de Reyes narra a vida de três irmãos, que, após a misteriosa e trágica morte de sua irmã mais nova decidem vingar-se da família que consideram culpada. Arturo (Aarón Díaz), Flavio (Gonzalo García Vivanco) e Samuel Reyes (Christian de la Campa) são três irmãos que em sua busca pela verdade, decidem conquistar as belas filhas do fazendeiro Ignacio del Junco (Ricardo Chávez), o homem que suspeitam ser o responsável pela morte de sua irmã. No entanto, o destino os fará cair em sua própria armadilha e acabarão se apaixonando por suas próprias inimigas, Sofía (Ana Lorena Sánchez), Irina (Kimberly dos Ramos) e Andrea (Scarlet Gruber).

Tierra de Reyes nada mais é que a nova versão de Pasión de gavilanes, uma história de 2003, coproduzida pela Telemundo, Caracol Televisión e RTI Producciones, que no Brasil ficou conhecida como Paixões ardentes, em sua exibição inconclusa pela RedeTV! Pasión de gavilanes, por sua vez, já era uma versão modernizada da telenovela colombiana Las aguas mansas, original do escritor Julio Jimenez, a mesma que também serviu de inspiração para Fuego en la sangre, a adaptação mexicana realizada pela Televisa, em 2008.

A nova produção conta, também, com as atuações de Cynthia Olavarría, Daniela Navarro, Joaquín Garrido, Adriana Lavat, Omar Germenos, Eduardo Victoria, Isabela Castillo, Dad Dagger, Diana Quijano, Alberich Bormann, Roberto Plantier, Francisco Porras, Jessica Cerezo, Gabriel Rossi, Ricardo Kleinbaum, Bárbara Garofalo, Gloria Mayo, Carmen Olivares, Fernando Pacanins, Virginia Núñez, Giovanna del Portillo, José Ramón Blanch, Julio Ocampo, Sol Rodríguez, Orlando Miguel, Fabián Pizorno e Kary Musa.

Betty, a feia estreia na Netflix


Fenômeno em todo o mundo, inclusive no Brasil, onde já foi exibida com enorme sucesso em três ocasiões pela RedeTV!, Betty, a feia chegou ao catálogo da Netflix nesta última segunda-feira, 1° de dezembro, trazendo aos assinantes do serviço de streaming a história original de Fernando Gaitán, autor de sucessos como Café, com aroma de mulher e Hasta que la plata nos separe, ambas também disponíveis na Netflix.

Produzida pelo canal RCN no final de 1999, a telenovela com toques de comédia tem 335 capítulos é protagonizada pela atriz Ana María Orozco e sua história gira em torno de Beatriz Solano, ‘Betty’, uma moça de aparência esquisita que persegue o sonho de conquistar o seu espaço profissional e um amor aparentemente impossível.

Betty tem 26 anos. Consciente de que não tem nenhum atributo físico que chame a atenção dos homens, ela acha que seu destino será morar a vida inteira com os pais, já que perdeu as esperanças de casar-se um dia. Introvertida e esquisita, ela só tem Nicolas como amigo, que também não resiste e vive brincando com o jeito esquisito dela. Contudo, Betty, é sonhadora e extremamente inteligente, tendo sido a melhor aluna de sua classe na faculdade de economia, onde se formou. Mas, apesar de toda a capacidade profissional, sua aparência não a deixa ir muito longe. Ela usa óculos de lentes grossas, aparelho nos dentes e não possui nenhum charme.

A princípio, o máximo que consegue é a vaga de secretária na Eco Moda, uma poderosa empresa de confecção da Colômbia. Isso, porque ela enviou à empresa um currículo sem foto. A vaga preenchida por uma moça feia foi providencial para a noiva ciumenta do presidente da empresa para a qual Betty irá trabalhar.

É num ambiente de trabalho hostil e de muita cobiça que o “patinho feio” tem esperança de subir profissionalmente, mostrando toda a sua capacidade e inteligência. E mais: conhecer o amor de sua vida, Armando Mendonza (Jorge Enrique Abello), ninguém menos que seu chefe. O belo rapaz, porém, não a vê com os mesmos olhos. Para ele, Betty não passa de uma funcionária competente.

Mas o sonho de ter Armando parece bem distante de Betty. O belo e jovem rapaz é noivo de Marcela Valencia (Natalia Ramírez), uma linda modelo. A secretária acaba sendo aliada de Armando, protegendo-o do irmão de Marcela, Daniel (Luis Mesa), que almeja o cargo do cunhado.

Contra os interesses de muitos e desprezo de outros, Betty conseguirá mostrar sua capacidade profissional subindo de cargo e até irá participar da vida pessoal de Armando. Mas nem sempre as coisas sairão conforme ela espera e, ao invés de causar felicidade, despertará seu orgulho e uma força que poucos esperariam de uma pessoa tão discriminada por sua aparência. Mas, se até o patinho feio da literatura infantil virou um cisne, quem sabe Betty também não encontre uma linda mulher adormecida dentro dela?