segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Rafaela estreia no Canal de las estrellas


Hoje, 31 de janeiro, às 17h00, estreia pelo Canal de las estrellas, no México, a telenovela Rafaela, uma produção de Nathalie Lartilleux, adaptada por Katis Estrada e Enna Márquez. Baseada no roteiro original de Delia Fiallo, a história de Rafaela já foi levada à televisão em duas ocasiões, a primeira, em 1977, com o mesmo nome, foi produzida por José Crousillat para a Venevisión, com Chelo Rodríguez e Arnaldo André nos papéis principais. A segunda, em 1994, intitulada Alejandra, também foi realizada na Venezuela, mas, desta vez pela RCTV, sob a produção de Hernando Faria e Jhonny Pulido Mora, contando com María Conchita Alonso e Jorge Schubert como personagens protagônicos.

Agora, realizada pela Televisa, no México, Rafaela será protagonizada por Scarlet Ortiz e Jorge Poza, que serão acompanhados por nomes de peso da teledramaturgia mexicana, como Rogelio Guerra, Diana Bracho, Patricia Reyes Spíndola e Manuel Valdés - irmão de Ramón Valdés, o inesquecível Seu Madruga, do seriado Chaves - além de atores e atrizes como Chantal Andere,  Arleth Terán, Arturo Carmona, Ilean Almaguer, Tiaré Scanda, Juan Carlos Flores, entre outros.


SINOPSE

Rafaela é uma bela jovem que, apesar dos escassos recursos financeiros, conseguiu estudar medicina, graças a muito esforço. Após ter concluído sua preparação como doutora, ela se dispõe a reencontrar sua família, depois de tanto tempo ausente. Inesperadamente, um acidente na pista atrasa a chegada de Rafaela, que trata de socorrer um homem ferido, que necessita de ajuda médica; homem este que não é outro senão Víctor Acuña, um reconhecido jogador de futebol.

Na casa de Rafaela, Caridad faz todo o possível para alegrar a chegada de sua filha, já convertida em uma doutora. Para espanto dos paramédicos, os primeiros socorros de Rafaela salvaram a vida do jogador, mas ela é confundida com a esposa de Víctor.

De forma irônica, José María, médico que atende o paciente, ordena que Rafaela saia da sala de emergência, sem que ela explique o que aconteceu. No dia seguinte, Rafaela recebe a notícia que sua solicitação para se especializar em Neurologia foi aceita no hospital. O doutor Rafael Antúnez, diretor da clínica a recebe, sem imaginar o laço de sangue que os une.

Antúnez é o pai de Rafaela, um homem maduro que no passado foi um jovem irresponsável, ao abandonar Caridade quando estava grávida. Agora, apesar dos protestos de sua esposa Morelia, Antúnez tenta ganhar o amor de sua filha, que lhe trata com frieza. Morelia não suporta o escândalo de ter tão próxima a filha ilegítima de seu esposo e tenta se desfazer da jovem doutora.

Rafaela, que decidiu prosperar na vida, amargurada pela miséria na qual vivia com sua mãe e seus cinco irmãos de pais diferentes: Rosalba, Chucho, Belén, Luli e Goyito, ao chegar ao hospital, novamente se depara com José María, um médico brilhante, porém machista e antiquado, que considera a medicina uma profissão para homens. Entretanto, o embate constante de personalidades, irá, pouco a pouco, se tornar uma atração que Rafaela não quer aceitar, pois José María pode ser encantador quando quer, mas também é um Dom Juan e, além disso, é amante de Ileana, uma mulher casada.

José María termina com Ileana porque sua atração por Rafaela já é irresistível. Ele a convida à praia e, apesar de sua decisão de nunca aceitar um homem como ele, Rafaela se deixa dominar por seu coração. Após, sente-se decepcionada de si mesma, já que havia jurado nunca se entregar a um homem sem se casar, para não ser mãe solteira, como foi Caridad, e causar dor a um filho pela rejeição de seu pai, como aconteceu com ela.

Porém, definitivamente, Rafaela já não pode negar o amor que sente por José Maria e aceita sair com ele de férias. A semana que passam juntos é inesquecível e José María lhe promete que ao voltarem viverão juntos e em breve se casarão; no entanto, o que espera Rafaela é uma desagradável surpresa e uma enorme decepção. Ela não sabe que tem sido enganada, pois José María tem uma esposa, Mireya.

A princípio, Rafaela sente impulso por lutar por ele, mas depois se dá conta que será inútil, já que Mireya o domina completamente, e decide distanciar-se para sempre. Agora, a história de sua mãe está a ponto de se repetir, pois Rafaela está esperando um filho de José María. Porém, conta com seu amigo Víctor, aquele jogador, que se apaixonou por ela e lhe propôs casamento para dar seu nome ao filho que espera.

Rapidamente, Rafaela se vê em uma difícil situação: deve decidir se é melhor aceitar a oferta de um homem generoso que dará a seu filho um nome e um lar, um homem a quem estará eternamente agradecida, mas que não ama; ou se vale a pena lutar pelo pai de seu filho, o homem que é, e talvez seja para sempre, o amor de sua vida.


PERFIL DOS PERSONAGENS


Rafaela (Scarlet Ortíz)

É a filha de Caridad e Rafael Antúnez; meio-irmã de Rosalba, Belén, Chucho, Luli e Goyito. Possui 23 anos, é bela, voluntariosa, e não suporta as injustiças. É franca e direta. O amor de José María a leva a se entregar e a aceitar viver a seu lado sem estar casada. Tem vivido ressentida com Rafael Antúnez, seu pai, por não haver se responsabilizado por ela.

José María Báez (Jorge Poza)

Médico acostumado a ter sorte em suas conquistas femininas; mas que escapa de compromissos amorosos. Adora sua profissão, mas acredita que é um terreno somente para machos. Conhece Rafaela e se apaixona por ela. Lhe promete casamento, mas lhe esconde que já está casado com Mireya. Ao saber que Rafaela espera um filho seu tratará de se divorciar de Mireya e lutar por seu bebê.

Rafael Antúnez (Rogelio Guerra)

Médico de meia idade, elegante, frio e arrogante. Está casado com Morelia, com quem não leva uma boa relação. É pai de Alicia, de quem faz pouco caso por considerá-la pouco inteligente e superprotegida. É diretor do hospital onde trabalha Rafaela. Ao saber que ela é sua filha sente uma grande admiração, por ter conseguido se formar, apesar das circunstâncias.

Morelia de Antúnez (Diana Bracho)

Esposa de Rafael. É uma mulher elegante, bela e muito distinta. Leva uma vida social de maneira constante e não tem tempo para dedicar a sua filha, Alicia. Morelia trata de distanciar seu esposo de Rafaela e de tudo o que lhe relacione com Caridad, já que elas representam uma vergonha social que não está disposta a suportar.

Mireya (Chantal Andere)

Esposa de José María. É uma bela mulher, vivida e acostumada a impor sua vontades. É possessiva, com uma grande determinação e sem escrúpulos quando se trata de conseguir algo. Chantageia e manipula José María com um sombrio segredo de seu passado.


Ileana Contreras (Arleth Terán)

Sua vida conjugal tornou-se monótona e rotineira. A falta de incentivo dos filhos e a pouca atenção de seu esposo, Alfredo, lhe fizeram sentir um certo fastio. Sendo jovem e bonita, quer provar a si mesma que ainda pode despertar o amor de um homem, de tal forma que torna-se a amante de José María.


Víctor Acuña (Arturo Carmona)

Jogador de futebol profissional, que sofre um sério acidente automobilístico. No hospital, conhece Rafaela e se apaixona por ela. Ao saber que espera um filho de José María, lhe propõe casamento, para protegê-los.

Caridad Martínez  (Patricia Reyes Spíndola)

É a mãe de Rafaela, uma mulher forte, mas que não consegue viver sem um homem a seu lado. Não esquece o amor que houve entre ela e Rafael Antúnez, e se ilude em silêncio, sonhando que poderiam reatar. Vive atenta por cada um de seus filhos e sofre muito ao vê-los em conflito.


Braulio (Manuel “El Loco” Valdés)

É um indivíduo nefasto, que vive com Caridad; desocupado, bêbado, mulherengo e jogador. Sente-se atraído por Belén, a filha adolescente de Caridad, e a assedia constantemente. Abusa de Alicia e termina assassinando Chucho.


Alicia Antúnez (Ilean Almaguer)

Filha de Rafael e Morelia; meio-irmã de Rafaela. É uma jovem desajustada e bêbeda, a quem lhe falta a companhia e o carinho de seus pais. Sofre porque eles não se interessam por ela e sempre lhe fazem sentir que é um estorvo. Conhece Chucho e se apaixonam.


Rosalba (Tiaré Scanda)

Filha de Caridad e meio-irmã de Rafaela. É forte, positiva e decidida. Trabalha em um bar. Quando as coisas estiveram mais difíceis, chegou a se prostituir para levar dinheiro a sua casa. Gostaria de ser como outras jovens de sua idade, que desejam se casar e formar uma família. Se apaixona por Carlos Luis e trata de prender seu amor a qualquer custo.

Chucho (Juan Carlos Flores)

Filho de Caridad e meio-irmão de Rafaela. Um rapaz bom e inteligente, mas que quase sempre chega aos extremos, por ser esquizofrênico. Se veste de forma extravagante para chamar a atenção. Se apaixona por Alicia e morre após ser ferido por Braulio, seu padrasto.


Belén (Evelyn Cedeño)

Filha de Caridad. É uma jovem inocente e nobre, que sonha ser uma cantora famosa, pois tem uma bela voz. Vive com medo de Braulio, seu padrasto, que lhe assedia constantemente. Quando se apaixona por Raúl, encontra uma saída fácil para escapar do ambiente em que vive, se casando com ele, apesar de sua pouca idade.

Luli (Sarai Meza)

Vive esperando o retorno de seu pai, a quem não conheceu. É criativa e inventa várias histórias nas quais chega a acreditar; é doce, terna e melancólica. Vive alimentando a esperança de que algum dia encontrará seu pai e este lhe dará todo amor que sempre lhe faltou.


Goyito (Emmanuel Chikoto)

É simpático e muito maduro para sua idade, já que a rua tem sido sua escola. Conheceu seu pai e o recorda com grande carinho. Odeia Braulio porque sente que este ocupou o lugar de seu pai. É solidário e terno.
Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário: