...

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Ice girl: O roteiro original de Aurora?


Muitos andam dizendo por aí que Aurora, na verdade, não é uma história original, como afirma a Telemundo, mas sim, um remake do dorama coreano Ice girl (Geunyeoga Dulawassda), produzido pela KBS2, em 2005, com 16 episódios. Veja, a seguir, a sinopse do primeiro capítulo de Ice girl e analise se realmente Aurora é mais um remake da emissora ou não.

Jung é um jovem estudante que quer ser diretor de cinema, e é justamente no cinema que a história começa. Em uma das salas, com a exibição de um filme americano em branco e preto sobre a Coreia de 79, é a voz de Kim que chama a atenção do rapaz, que tratando de desfrutar do filme, escuta os pensamentos em voz alta que a garota mantém e se vê obrigado a olhá-la. Nesse mesmo instante, cai perdidamente apaixonado.

Após uma revolta, todos abandonam a sala e Jung não consegue encontrar a garota. Porém, uma vez na rua, quando consegue reencontrá-la, trata de persegui-la, alcançando-a, mas o ônibus é mais rápido e somente consegue ficar o lenço que havia caído de suas mãos.

Na busca por uma bolsa de estudos, Jung chega à casa de um professor e se dá conta que sua filha é ninguém mais, ninguém menos que Kim. Pai e filha mantêm uma discussão, pois ele quer alguns ratos doentes para experimentar em seu laboratório e Kim se opõe a que brinque com a vida dos pobres animaizinhos. O pai lhe diz que eles morrerão de qualquer maneira, porque nasceram enfermos e débeis e é ali que Kim lhe conta sobre ela, pois também está enferma e fraca.

A simplicidade e a nobreza de Kim faz com que Jung se apaixone por ela e aproveitando-se de um descuido na apresentação, a garota faz com que os ratos comecem a correr por todas as partes. Os três começam a correr de um lado para o outro tratando de prendê-los, uma cena bastante engraçada, na qual, através de risos e olhares, o laço entre os dois jovens cresce cada vez mais.

Após ser admitido, Jung começa a desempenhar suas funções na casa, mas é interrompido pela delicada garota que não pode separar-se dele. Em um descuido no qual Jung cai sobre ela, o pai os encontra juntos. Enojado, lhe bofeteia e o expulsa de sua casa. Assim se rompe a relação, diante do pranto de Kim pelo que seu pai acabara de fazer.

Após a briga com pai de Kim, Jung abandona a cidade e vai para a zona rural da Coreia. Kim o persegue com pouco dinheiro nos bolsos, mas com a esperança de reencontrá-lo. No caminho, não resiste à oferta de uma pobre senhora que lhe oferece algo para comprar e fica sem dinheiro. Em troca, a senhora lhe dá uma abóbora e ingenuamente Kim toma um ônibus e oferece o fruto para pagar a passagem, logicamente é despejada do transporte, mas, mesmo assim, não se dá por vencida e decide seguir buscando o rapaz, até que o encontra.

Jung lhe diz que é melhor que ambos estejam separados, mas ela lhe faz ver que isso não é justo, já que não havia feito tudo isso para depois ser rejeitada de tal forma. Para demonstrar todo seu amor, a pobre se lança de uma cascata e, sem saber nadar, é salva pelo rapaz e ambos regressam à sua casa.

O pai de Kim recebe o garoto com má vontade e torna a ofendê-lo e batê-lo. Ela, chorando e à beira de um ataque emocional, pede para não lhe bater, pois foi ela quem o buscou. Mais tarde, o pai de Kim, tenta persuadir Jung com dinheiro para que este desapareça e estude em outro lugar. Fechada em seu quarto após ouvir as mentiras de seu pai, Kim decide escapar pela janela para ir falar com Jung.

Como ela não sabe o apartamento em que vive Jung, chega ao seu edifício com um megafone e começa a chamá-lo. Todos os vizinhos saem à janela para ver e ela faz uma declaração de amor, dizendo que o ama. Todos começam a aplaudi-la. Chegam os seguranças e a levam, ela grita, mas eles se recusam a deixá-la. Ressentida, ela caminha triste pelas ruas estreitas do povoado debaixo de uma forte chuva.

Jung se dá conta de sua torpeza e sai a sua procura debaixo da chuva. Ao encontrá-la, lhe diz que sente muito, mas ela se mantém caminhando sem lhe dirigir a palavra. Ele volta a repetir que sente muito e ela pede para que ele demonstre seu sentimento.

Juntos, passam a noite em uma casa abandonada e terminam brincando com alguns jogos. Ela trata de fazê-lo beijá-la, mas como ele é tímido recorre ao jogo duas vezes até que finalmente se beijam. Ela diz odiar a chuva, e lhe revela que faz de conta que está nevando.

Finalmente o pai de Kim aceita que sua filha se case com Jung, com a condição de que ele se mude para sua casa. O casal transmite sua alegria e compartilham seus últimos momentos felizes. Na noite que precede o casamento, se encontram em um parque e Jung a espera com os jogos. Começa a chover, ela se aproxima dele e se beijam debaixo da chuva. Ela lhe diz: Começou a nevar.

Antes de se casar com seu prometido, Kim sofre um ataque cardíaco e é levada ao hospital de seu pai, mas este não é capaz de salvá-la e, assim, decide congelá-la a 196° abaixo de zero até que encontre um modo de salvá-la. Passam-se 25 anos e ela é reanimada. Porém, não pode lembrar de seu noivo e se apaixona pelo filho deste.

E então, será mesmo Ice girl o roteiro original de Aurora? Qual sua opinião? Leia o artigo anterior com a sinopse de Aurora e deixe seu comentário a respeito.
Blog Widget by LinkWithin

Um comentário:

Lincoln disse...

É muito parecido!