sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Telenovela x Soap opera

Muitos já sabem que a telenovela tem sua origem em Cuba, nas fábricas de tabaco, onde um leitor se dispunha a contar uma história para distrair aos funcionários do fabrico de tabaco. Essa maneira de contar histórias tem seu antecedente na literatura do folhetim que, posteriormente, se tornou programas de rádio, as radionovelas, e depois da televisão, as telenovelas.

A soap opera (ópera de sabão), com a qual o estadunidense, o inglês ou o australiano está familiarizado, ao que parece, tem sua origem mais comercial visto que para preencher uma hora de exibição era necessário o patrocínio de uma empresa, quase sempre de sabão, daí a origem do nome. Um dos pontos em comum é que também na América Latina, as primeiras telenovelas eram patrocinadas por empresas que fabricavam sabões.

Em geral, pode-se dizer que tanto a telenovela como a soap opera são gêneros melodramáticos cujo objetivo é a audiência popular; em ambas produções as emoções são a base do espetáculo. Ambos são transmitidos todos os dias da semana e não se dividem em temporadas como as sitcoms ou séries. Ambos os gêneros compartilham a contradição de serem aplaudidos e desprezados ao mesmo tempo por uns e por outros. Para os dois existem milhares de foros de discussão na Internet, assim como blogs como este, onde se pode pesquisar sobre seus personagens e tramas.

A seguir, veja algumas das semelhanças e diferenças entre a telenovelas e a soap opera. Esta última será mais enfatizada porque acredito que os leitores desse blog já estejam mais familiarizados com as telenovelas e conheçam suas características.

  • A telenovela é um gênero característico dos países latino-americanos, cuja realidade sócio-cultural e religiosa está condicionada historicamente aos eixos temáticos, conteúdos e usos narrativos deste gênero. Em suas origens, as telenovelas apresentavam histórias fortemente vinculadas à moral católica, com a ideia do pecado como perspectiva dominante. As soap operas, ao contrário, contêm uma moral tipicamente protestante, derivada de sua origem anglo-saxônica.
  • As telenovelas têm um número finito de capítulos. Portanto, o público espera uma conclusão definitiva para a história que se conta. A soap opera está projetada para não ter fim. Existem algumas que estão no ar desde 1953 até atualmente.
  • As telenovelas são transmitidas tanto no período vespertino quanto noturno. As soap operas são transmitidas pela televisão aberta somente às tardes, a partir das 13h00, sem ultrapassar as 16h00. Para os que trabalham, mas que gostam de soap operas, existe canais a cabo que as retransmite em horário noturno.
  • Hoje em dia, as telenovelas são vistas por mulheres e homens de todas as classes sociais, idades e ocupações. A soap opera, ao contrário, continua tendo uma audiência que abrange mais as mulheres donas-de-casa.
  • As telenovelas determinam o star system na América Latina, ou o seja sistema de astros e estrelas, os atores de popularidade, que funcionam como os principais âncoras. Em geral, não se assume que os atores de telenovelas são bons ou ruins, os julgam de acordo com a qualidade de seu trabalho. Isso não ocorre na soap opera, já que existe a percepção generalizada de que seus atores e atrizes são de segunda.
  • Como consequência, vemos que a maioria dos atores latino-americanos que conseguiram trabalhar em Hollywood vêm do mundo das telenovelas. Ao contrário, são pouquíssimos os atores de cinema que vêm do mundo das soap operas, alguns exemplos notáveis são Meg Ryan (As the world turns), Mark Hamill (General hospital) e Demi Moore (General hospital).
  • Como as telenovelas terminam, os atores e atrizes que nelas atuam têm a oportunidade de trabalhar em dezenas de telenovelas ao longo de sua carreira. Devido a isso, o público os recorda em diferentes papéis. No mundo das soap operas, que são infindáveis, pode ocorrer que um ator ou atriz trabalhe por décadas no mesmo papel e seja muito difícil que o público não o relacione com este personagem. Por exemplo, Tony Geary foi Luke Spencer em General hospital por quase três décadas, um papel que lhe trouxe muita satisfação e adoração por parte do público, mas não foi fácil para o ator livrar-se do personagem para poder realizar outros trabalhos.
  • Nas soap operas, pode-se ver um casal evoluir com o passar do tempo. Por exemplo, um dos casais mais famosos na história das soap operas, os personagens Luke e Laura, comemoraram seu casamento em 1981 e em 2006 celebraram as bodas de prata.
  • Nas soap operas, também pode-se ver alguns personagem que começam como crianças e vão crescendo no decorrer da trama, como o caso de Kimberly McCullough, que foi Robin Scorpio em General Hospital desde que era uma garotinha.
  • É relativamente comum nas soap operas um personagem morrer aparentemente, em um acidente, por exemplo, que nunca se encontra o corpo, para reaparecer anos depois.
  • Também é comum que um personagem seja recast, ou seja, atribuído a um novo ator ou atriz, devido ao fato de que os contratos com os atores não podem ser de acordo com a duração da soap opera, porque elas não terminam. Nas telenovelas é muito raro que um personagem mude de ator ou atriz, quando isso ocorre é devido a alguma situação desafortunada como enfermidade ou morte do ator ou da atriz. Nas soap operas, quando um ator não quer renovar o contrato, é necessário eliminar o personagem ou trocar o ator que o personifica.
  • Assim como as telenovelas repetem algumas histórias clássicas uma vez ou outra, como A Cinderela ou Romeu e Julieta, as soap operas também o fazem após um determinado tempo, mas reciclam histórias de assassinato e seu respectivo julgamento, onde se descobre o verdadeiro culpado; de vícios em álcool e droga; de enfermidades que parecem incuráveis; ou de acidentes que mudam a personalidade de um dos personagens.
  • Diferentemente da maioria das telenovelas, nas soap operas se celebram as festividades como Natal, Ano novo e Ação de graças neste mesmo dia. Nesse sentido, estão fortemente engrenadas com a cultura que as produz e não são destinadas à exportação. As soap operas dos Estados Unidos, por exemplo, refletem as normas culturais deste país e essa é uma das razões pelas quais o norte-americano as vê como mais realistas que as telenovelas.
  • Quando alguém acompanha uma soap opera por um determinado período, é testemunha das múltiplas fases que passam entre os casais. Em um lapso de três anos, um personagem pode ter dois ou três parceiros pelos quais se apaixonou profundamente e com quem manteve uma fogosa relação. Isso não ocorre com tanta frequência nas telenovelas, já que são mais curtas e pode-se deduzir seu final.
Blog Widget by LinkWithin

2 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns pelo post, adorei saber a diferença das soap opera e telenovelas,gostaria de saber mais sobre esse tipo de novela se possivel.Não sabia que americanos eram tambem afeitos a esse tipo de teledramaturgia. Abraços

Alouise Campos disse...

Eu realmente gostei muito desse post. O tema me encanta bastante. Quanto mais eu pesquiso, mais eu sinto vontade de conhecer ainda mais sobre Soap Operas. Tenho muitas dúvidas. Como por exemplo, se há alguma soap opera recente. Digo, se existe alguma delas iniciada nessa década, por exemplo. Sempre fico curioso em saber. Espero que haja mais matérias sobre Soaps. Bem, era isso. Parabéns pelo post. Abraço.