...

quinta-feira, 8 de julho de 2010

O chefe e a secretária


Entre as tramas que compõem as telenovelas, encontramos a da secretária, quase sempre dócil e humilde, que se apaixona pelo chefe, normalmente um rico empresário, ou um famoso que tem todas as mulheres a seus pés, mas que, ao final, acaba cedendo aos encantos, à inocência e à bondade de sua incondicional secretária.

Em quase todas essas tramas, normalmente a história reciclada da Cinderela, pode-se encontrar os seguintes clichês:

  • Normalmente, a secretária tem que fazer de tudo e o impossível; sempre aparece uma diretora, a mulher ou a amante do chefe que a humilha, fazendo com que a pobre realize as tarefas mais duras. Em troca, ela se resigna a tudo, até que, um belo dia, algum fato faz com que seu chefe se dê conta de que ela existe e, a partir daí, tudo muda.

  • É o típico traçado de uma relação machista. Em quase todas as histórias de amor que repetem esta trama da secretária que se apaixona pelo chefe há a relação subordinada e de dependência por parte da mulher. Em pouquíssimos casos, ocorre o inverso, onde o homem esteja na relação de dependência.

  • Mesmo a secretária se apresentando como uma boa alma em seu trabalho, esta, comumente, se conforma somente com amor e a ficar como está, como se único objetivo de ir trabalhar fosse para atiçar os hormônios do chefe. Em quase todas as ocasiões, a única mudança ou evolução na “carreira” que buscam é se casar com o chefe e ficar em casa, um trágico exemplo de superação pessoal, mas isto está mudando...

Encontramos a repetição destes clichês em telenovelas como Inés Duarte, secretária e seus remakes; também em Marielena, protagonizada por Eduardo Yáñez e Lucía Méndez, na qual esta era a secretária que conseguia desfazer o casamento de seu chefe, e sua versão peruana Soledad, protagonizada por Coraima Torres e Guillermo Pérez.

Mas, existem telenovelas que conseguiram romper com os clichês para apresentar a história de forma diferente, dentro de uma ordem:

Café com aroma de mulher: a telenovela, que centra-se no mundo empresarial, tem várias tramas relacionados ao tema. O primeiro clichê a ser quebrado aparece quando Gaivota entra para a Café Export primeiramente como secretária e logo como assistente de Ivan. Aqui já se rompe o clichê chefe-secretária, porque ela não se aproveita de nada para ascender, nem mesmo tem um caso com Ivan, simplesmente porque ele não lhe interessa. Quando passa a ser assistente de Sebastião a história é outra porque eles já se amavam e é circunstancial que trabalhem juntos.

Mas onde vemos claramente a quebra do padrão é quando Gaivota se torna assistente do doutor Maurício Salinas. Aqui se invertem os papéis e é Salinas que se apaixona, e como se apaixona!, perdidamente por sua assistente. Gaivota, que em diversas ocasiões deveria ter arrumado as trouxas e se mandado com ele, é fiel ao amor de Sebastião, mesmo que no final fraqueje pensando que talvez o que mais lhe conviesse fosse ter ficado com o doutor. Porém, finalmente, acaba tudo em clichê quando o Salinas fica sozinho e o “rejuntam” com sua secretária Marta, esta sim cumpre com todos os requisitos.

A telenovela também rompe com o estabelecido porque Gaivota, a todo instante, se supera, é lutadora e quer ter uma carreira profissional por ela mesma e não às custas de seus protetores.

Betty, a feia: não se pode falar em um artigo de histórias de amor entre secretárias e chefes sem ter que citar a saudosa Betty, curiosamente, outra telenovela de Fernando Gaitán. A estrutura da telenovela é padrão já que a protagonista é perdidamente enamorada de seu chefe, mas a história vai mais além. Os medos e temores de Betty fazem com ela se ampare nesse trabalho porque nunca conseguiu chegar mais longe - aqui também se estabelece um tema social, já que o motivo pelo qual Betty não encontra trabalho, apesar de capacitada, é precisamente por ser feia. A telenovela se desfaz dos moldes porque Betty não tem tudo, não é perfeita, não é bonita, é ingênua e insegura. Ao contrário, Betty muda quando seu chefe está perdidamente apaixonado. Além disso, não somente muda fisicamente, mas toma as rédeas de sua vida e se supera chegando à direção da empresa.
Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário: