terça-feira, 1 de junho de 2010

Biografia de Thalía


INTRODUÇÃO

María Ariadna Thalía Sodi Miranda nasceu na Cidade do México, México, em 26 de agosto de 1971. É atriz, cantora, produtora musical, compositora, apresentadora e empresária. É a quinta filha de Ernesto Sodi Pallares e Yolanda Miranda Mangé. Suas outras irmãs chamam-se Laura Guadalupe, Maria Carlota Amalia Federica Anastasia, Ana Cecília Luisa Gabriela Fernanda e Maria Candelaria Amada Agueda Ernestina Clementina.


SUA HISTÓRIA

Thalía sempre viveu no meio das artes, sua mãe trabalhava com artes manuais e tudo que se relaciona com isso, e seu pai além de arqueólogo, cientista, perito gráfico, químico, também era restaurador dos grandes tesouros arqueológicos mexicanos. Com apenas um ano de idade Thalía já participava de um anúncio de refrigerantes, e aos quatro anos, assistia às aulas de ballet e estudava piano no Conservatorio de México.

Em 1975, participou do programa Estudiantes que estudian, no qual seu pai era diretor, e chegou a participar do filme La guerra de los pasteles, em 1976. Thalía era chamada de Yuya (um pássaro que vive na região de Yucatán) pelo seu pai, pelo motivo dela viver cantando.

Quando tinha apenas cinco anos, Thalía perdeu seu pai, que faleceu de uma grave enfermidade. Essa foi uma tragédia que abalou sua infância, transformando-a numa garota muito triste. Sofreu um grande trauma, e isso refletiu em sua saúde, pois Thalía começou a viver como autista, não falava, não brincava com outras crianças, criou um mundo só dela. Os psicólogos diziam que ela era uma criança inteligente e, com medo de sofrer, se afastou de tudo, para não ter mais decepções.

Ela se trancou para o mundo, ficando sem falar durante um ano, até que um dia quando estavam todas sentadas à mesa ela perguntou onde estava o seu pai. Sua mãe resolveu lhe contar a verdade que já era conhecida e, daquele dia em diante, Thalía voltou a ser a menina que era antes, sempre divertida.

Thalía iniciou seus estudos no prestigiado Liceo Franco-Mexicano, onde lhe ensinavam o conteúdo em espanhol e em francês, tornando-a bilingue desde muito pequena. Foi uma estudante formidável que, posteriormente, sonhava ser uma famosa bióloga ou psicóloga.

Thalía também praticou ginástica olímpica e seu sonho era ser como Nadia Comaneci, praticou esse esporte dos sete aos treze anos, e já fazia parte da equipe olímpica mexicana. Durante esse tempo sua irmã Laura, que já era atriz, a levava em suas gravações, mas Thalía tinha medo das câmeras.

Um dia esse medo sumiu, e Thalía, aos nove anos, fez comerciais de chicletes e entrou para o Pac Man, um grupo musical infantil com quatro integrantes, logo o grupo mudou seu nome para Din Din e participou do festival Juguemos a cantar. O grupo cantava em festas particulares e, às vezes, em algum evento de fim de semana, mas não tardou muito até que gravassem quatro discos e vários singles que tocavam nas rádios.

Certa vez, quando Thalía, junto ao grupo Din Din, assistia ao musical Vaselina, o produtor da obra Usi Velasco lhe perguntou se ela gostaria de se integrar ao elenco e, rapidamente, ela iniciou-se como uma das bailarinas no fundo do palco, quase entre as sombras, mas, pouco tempo depois, se sobressaiu como uma das “panteras negras”, e, posteriormente, alcançou o papel estelar de Sandy, realizando 500 apresentações dessa obra.

O grupo Din Din acabou, e Thalía decidiu participar sozinha do mesmo festival, foi finalista e ficou em quarto lugar com a música Moderna niña del rock.

Pouco tempo depois de comemorar quinze anos, Thalía passa a fazer parte do maior grupo juvenil mexicano da época, o Timbiriche, que também integrava a obra Vaselina, e que era deixado por Sasha Sokol, sua vocalista, que passava o cargo para Thalía. O grupo Timbiriche já havia lançado cinco discos e, com Thalía, gravaram mais cinco.

Para sorte de Thalía, um produtor mexicano de telenovelas a viu em uma apresentação e lhe ofereceu a oportunidade de atuar como atriz e ela, arriscou, dando à sua vida outra dimensão.

Seu primeiro papel foi em Pobre señorita Limantour, em 1986, interpretando Dina e, no ano posterior, atua na telenovela Quinze anos, uma produção de Carla Estrada, em um papel co-estelar de nome Beatriz, que a projetou ao estrelato, junto de Adela Noriega.

Em 1989, Thalía obtém sua seção na revista TVyNovelas Espetaculos, onde dá conselhos de beleza e, nesse mesmo ano, protagoniza a telenovela Luz y sombra no papel de Alma Suárez, ao lado de Alberto Mayagoitia.

Thalía decide, então, viajar para Los Angeles com sua mãe e perseguir seu sonho de se destacar como cantora solista. Se inscreve em aulas de canto, dança e atuação com os melhores professores e é ai onde conhece o produtor Alfredo Díaz Ordaz, que se torna seu colaborador e passa a produzir seu primeiro disco, intitulado Thalía, de 1990, com influências musicais do rock norte-americano de Doors, Aerosmith e Journey. O álbum se esgota em apenas quinze dias no México, mas levanta polêmica, deixando claro que Thalía era uma artista completamente diferente.

Um ano depois, em 1991, Thalía lança Mundo de Cristal, que teve algumas de suas letras que refletiam sua situação sentimental, como o tema En silencio, que dedicou a seu pai. Ainda nesse ano, aparece como apresentadora do programa Vip Noche, no canal Telecinco, junto de Emilio Aragón, na Espanha.

Em 1992, lança o álbum Love, que vende mais de 200.000 cópias em apenas dois meses. Porém, novamente, decide atuar em telenovelas e protagoniza Maria Mercedes, tendo como galã Arturo Peniche, e como vilã sua irmã, Laura Zapata.

Em 1994, grava a telenovela Marimar, que foi sucesso por todos os lados do planeta, com destaque para Estados Unidos e Filipinas, onde essa novela conseguiu acabar com uma guerra civil entre duas cidades, e tal acordo de paz recebeu o nome de Marimar.

Em 1995 lança outro disco: En éxtasis, com a produtora discográfica EMI, sob a produção de Emilio Estefan Jr. e Oscar López. Ainda este ano lança também sua própria linha de roupas e pouco tempo depois inicia a gravação da telenovela Maria do bairro.

O trabalho é tão intenso que, em fevereiro de 1996, é internada em um hospital por uma arritmia cardíaca, atribuída ao excesso de trabalho. Devido ao susto, toma alguns meses de descanso em sua casa em Los Angeles e durante o restante do ano é contemplada com inúmeras homenagens e prêmios.

Em janeiro de 1997, Thalía lança sua primeira recopilação: Nandito Ako (Estou aqui), voltado para o mercado filipino. Sob a produção de Ricky R., esta foi a primeira vez que Thalía cantava em inglês e em tagalog, idioma das Filipinas, onde obteve grande destaque. Posteriormente, em 2007, este álbum foi relançado, neste país agregando-se desta vez, a canção Marimar.

Em fevereiro de 1997, Thalía é coroada rainha da trigésima oitava edição do Festival Internacional de Viña del Mar, no Chile e, no mês de junho desse mesmo ano, lança seu disco mais importante até então: Amor a la mexicana, produzido pelo mesmo produtor e compositor Emilio Estefan Jr. O disco triunfa no mundo todo, por onde realiza shows nos cinco continentes. Em outubro de 1997, Atlantic Records edita a trilha sonora do filme da Fox, chamado Anastasia, na qual Thalía interpreta a canção Viaje tiempo atrás (Journey to the past) que encerra o filme.

Em 1998, em férias, vem ao Brasil e participa do carnaval do Rio de Janeiro, desfila pela Imperatriz Leopoldinense e é capa de várias revistas no Brasil e no exterior, sendo também a atração exclusiva no programa El ojo del huracán da TV Azteca, que fez a cobertura completa do carnaval brasileiro. Neste mesmo ano assina um novo contrato com a Televisa (contrato de exclusividade e mais caro da história da Televisa).

Ainda em 1998, Thalía firma um contrato com Kushner Locke para rodar o filme Mambo café, onde divide créditos com Danny Aiello e Rosanda de Soto. O filme gravado em Nova Iorque, durante a época natalina a partir de novembro desse ano, esteve sob a direção de Ruben González.

Em 1999, inicia a gravação da telenovela Rosalinda, a qual, antes mesmo de ser gravada já estava vendida para 110 países. Ainda esse ano se apaixona por Tommy Mottola, ex-marido de Mariah Carey e, nesta ocasião, diretor da gravadora Sony Music.

Após a conclusão das filmagens, Thalía passa a se dedicar completamente à música e, em 2000, grava Arrasando, seu terceiro disco produzido por Emilio Estefan Jr. mas, dessa vez com nove músicas escritas pela própria cantora. Esse disco incluiu a primeira música sua que se posiciona em primeiro lugar nos Estados Unidos: Entre el mar y una estrella. Este êxito encabeçou três listas de popularidade da Billboard: Hot Latin Tracks, Latin Pop Airplay e Latin Tropical/Salsa Airplay, além de ser o disco mais vendido no mercado latino dos Estados Unidos segundo a lista Latin Pop Albums da Billboard. Por todo este reconhecimento Thalía reforça sua decisão de doar cem por cento de suas energias à música.

Em 2001, contrai matrimônio com Tommy Mottola e ainda neste ano lança no mercado o disco Thalía con banda, uma recopilação de seus melhores temas ao ritmo sinaloense.

Em 2002, Thalía publica outro disco: Thalía, uma produção de treze temas, sendo três deles cantados em inglês, que tornam evidente a evolução da cantora que demonstra vários gêneros, entre os que se destacam o mambo, a salsa, o merengue, o dance o house e a cumbia.

Em fevereiro de 2003, Thalía coloca todo o mundo para dançar com as versões remixadas de seus grandes êxitos, recopilados em Thalía's hits remixed. Conhecidos DJ's como Hex Hector, Mac Quayle, Pablo Flores, Dj Cuca, Asap & PM Project, Rodrigo Kuster e Fábio Tabach, entre outros, transformaram, criativamente, os êxitos de Thalía em canções dance cheias de pura energia.

Em maio de 2003, é nomeada entre as 25 Bellezas Latinas pela revista People en español e, em julho do mesmo ano, lança outro disco intitulado Thalía, com a produtora Virgin Records, completamente em inglês, idioma que havia adotado como segunda língua havia seis anos. A prova de seu êxito entre os anglo-saxãos chegou também neste ano, quando as emissoras de top 40 e música urbana de várias cidades dos Estados Unidos, começaram a tocar frequentemente I want you, um dueto com o rapper Fat Joe, com quem gravou o clipe da música pelas ruas do Bronx.

Thalía ainda complementa sua carreira musical durante o ano de 2003, com o lançamento de sua triunfadora linha de roupas, acessórios e artigos para o lar: Thalía Sodi Collection, distribuído pela rede K-Mart nos Estados Unidos, da qual é sócia, e seu próprio perfume. Seu êxito como mulher de negócios foi tão meteórico que revistas e jornais, como The New York Times, The New York Post e Fortune Magazine, a comparam positivamente com nomes conhecidos como o de Oprah Winfray e Martha Stewart.

Em 2004, lança Thalía’s greatest hits, no qual recopila seus maiores êxitos como solista gravados pela EMI Music e, em 2005, lança o inédito El sexto sentido, do qual se destaca Amar sin ser amada, Una alma sentenciada e Seducción. Ainda assim, lança também sua própria doçaria: Dulcería de Thalía, com a linha de chocolates e doces em parceria com a Hershey's, e planeja escrever um livro com conselhos de beleza, enquanto que sua mãe supervisa sua biografia.

Em 2006, Thalía recebe a cidadania americana, após viver oito anos nos Estados Unidos. Também nesse ano relança El sexto sentido re-loaded, que inclui os temas anteriores e outros novos como No, no, no, com o grupo Aventura, que se torna o quarto single para os Estados Unidos e se coloca como uma das canções mais escutadas. Olvidarme se torna o single para os demais países, e seu videoclip é dirigido e produzido por ela mesma.

Em 2007, estreia o programa de rádio The conexion Thalía radio show, transmitido pela rede ABC, e no dia 12 de junho deste mesmo ano, aos 35 anos de idade, Thalía revela à revista mexicana Hola que está grávida de sua primeira filha e que, depois de sete anos de casamento, e uma carreira agitada, este era o momento mais adequado para ser mãe. No dia 7 de outubro de 2007 dá à luz uma menina chamada Sabrina Sakaë, fruto do seu casamento com o empresário da indústria fonográfica Tommy Mottola.

Em 2008, chega o álbum Lunada, que tem como primeiro single Ten paciencia, que, na companhia do cantor de reggaeton Daddy Yankee, se posicionou como um dos hits favoritos. Este material inclui também o tema Bendita, escrito pela própria cantora e dedicado especialmente à sua filha.

Thalía tornou-se ícone latino, com a venda de álbuns que ultrapassam a marca de 30 milhões de cópias. No total, foram dezesseis discos lançados, sendo o mais recente denominado Primera fila, lançado mundialmente no dia 1º de dezembro de 2009 e em parceria com a gravadora Sony Music International.

Primera fila se encontra nos primeiros lugares em vendas virtuais no Brasil, se posicionou em primeiro lugar no México e já é disco de platina duplo. Nos Estados Unidos, se posicionou em primeiro lugar na parada Top Latin Albums e Pop Latin Albums da Billboard. No mundo todo são mais de 450.000 cópias vendidas.

Para 2010, Pedro Torres oferece à Thalía a oportunidade de voltar a teledramaturgia na terceira temporada de Mulheres assassinas, onde ela protagonizará um capítulo desta série, assim que puder colocar em dia sua agenda.


SUAS ATUAÇÕES

TELENOVELAS

1999 - Rosalinda (Rosalinda)
1995 - Maria do Bairro (Maria)
1994 - Marimar (Marimar)
1992 - Maria Mercedes (Maria Mercedes)
1989 - Luz y sombra (Alma)
1988 - Quinze anos (Beatriz)
1987 - La pobre señorita Limantour (Dina)

FILMES

2000 - Mambo café (Nydia)
1976 - La guerra de los pasteles

SÉRIE

2010 - Mulheres assassinas 3


SUA DISCOGRAFIA

2009 - Primera fila
2008 - Lunada
2006 - El sexto sentido re-loaded
2005 - El sexto sentido
2004 - Thalía’s greatest hits
2003 - Thalía
2003 - Thalía’s hits remixed
2002 - Thalía
2001 - Thalía con banda – Grandes éxitos
2000 - Arrasando
1997 - Amor a la mexicana
1997 - Nandito Ako
1995 - En éxtasis
1992 - Love
1991 - Mundo de cristal
1990 - Thalía
Blog Widget by LinkWithin

6 comentários:

SCULLYSTA disse...

essa mulher é um espetaculo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

MARCOS LENMAH disse...

Acho Thalía a mulher mais bonita do mundo!Além de bonita elaprovou que é muito talentosa.Obrigado por nos brindar com a história dessa deusa chamada Thalía!!!

Anônimo disse...

Uau!... Que mulher!!!
Linda, rica, inteligente, talentosa, poserosa...

Simplesmente THALIA.

Anônimo disse...

Sou fã desta linda cantora, atriz e
muitos predicados bons.
Deus abençoe ela, seu marido e filha.

Davi21 disse...

Ela é linda, quando vi ela em Maria Mercedes me apiaxonei pela beleza e talento dela.

Luana disse...

minha divaaa *--*
mt Linda , talentosa ..
enfin , um encanto :3