...

domingo, 16 de maio de 2010

Telenovela: A essência de todo canal

Este artigo pretende mostrar a relação entre a produção e a distribuição de telenovelas na América Latina, além de ser um guia para conhecer as telenovelas que hoje alcançam os altos índices de audiência em diversos países.

Como já vimos, a telenovela surgiu em Cuba através da rádio e foi transferida, posteriormente, a países que a adotaram como um gênero próprio, assim como México, Venezuela, Colômbia, Peru, Brasil, Chile e Argentina que se transformaram em seus principais produtores.

Durante mais de cinquenta anos, a telenovela conseguiu narrar as diversas situações que vivem os povos de uma região através de suas distintas expressões e estilos, desde o melodrama clássico, até a comédia ou produções de época.

Após um levantamento realizado por todotvnews no último trimestre, será apresentado aqui um mapa da situação telenoveleira latino-americana. A produção deste tipo de entretenimento é muito diversificada, cada empresa utiliza estratégias para se diferenciar e se posicionar dentro do setor, que leva suas produções a 82% dos lares latino-americanos. Essas produções há alguns anos vêm derrubando fronteiras, se convertendo em um gênero de alcance global.


TELEVISA INTERNACIONAL

O grupo Televisa, um dos pesos pesados em se tratando de produção de telenovelas, produz, hoje, entre dez e doze telenovelas anuais, o que representa um volume de aproximadamente 1430 horas de ficção. As telenovelas da Televisa se caracterizam por ser de estilo tradicional, mais alinhadas com o melodrama clássico.

De suas últimas estreias de 2009, as telenovelas Mar de amor e Corazón salvaje tiveram boa aceitação por parte do público latino-americano; e das estreias deste ano, Zacatillo: Un lugar en tu corazón e Niña de mi corazón “estão tendo uma grande demanda”, segundo a afirmação de Carlos Castro, diretor geral de vendas da Televisa Internacional. “Afortunadamente, todas as telenovelas da Televisa chegam aos dezesseis países da América Latina, incluindo o Brasil”, explica o executivo.

Até o momento, Mar de amor havia sido adquirida por Argentina, Chile, Equador, Bolívia, Colômbia, El Salvador, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana e Venezuela. Corazón salvaje, por sua parte, tem viajado à Argentina, Chile, Equador, Bolívia, Costa Rica, El Salvador, Honduras, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai e Venezuela. Já as telenovelas Zacatillo: Un lugar en tu corazón e Niña de mi corazón iniciaram sua distribuição em março.

Para a equipe da Televisa Internacional, o desempenho local de um produto é indicativo do êxito que possa chegar a ter a nível mundial. No entanto, este não é um fator determinante, já que as audiências de cada país variam de acordo com seus interesses, cultura e língua, entre outros fatores. “Todo conteúdo que a Televisa produz ou distribui é previamente analisado e estudado. Contamos com um processo de investigação e análise muito rígido e muito bem estabelecido, que se aplica a todos os produtos que a companhia oferece ao mercado, seja em nível local ou internacional”, diz Castro.


RECORD TV NETWORK

A gigante brasileira – que disputa com a Globo a liderança na audiência do país – produz três telenovelas anuais, que se traduzem em um total de 720 horas. “Atualmente, estamos produzindo as telenovelas Bela, a feia e Ribeirão do tempo”, explica Delmar Andrade, diretor de vendas internacionais da Record TV Network.

Nesse sentido, a Record TV Network desenvolve suas próprias produções, com autores e diretores de muita experiência que criaram grandes êxitos para o canal, como Caminhos do coração, Amor e intrigas, A lei e o crime, Bicho do mato e Prova de amor, entre muitas outras que conquistaram bons índices no Brasil.

A Record TV Network exportou cerca de 18 novelas a mais de 45 países em todo o mundo, e de várias línguas. Entre estas se encontram: A escrava Isaura, Prova de amor, Essas mulheres, Bicho do mato, Vidas opostas, Luz do sol, Caminhos do coração, Amor e intrigas, Roda da vida, Chamas da vida e Poder paralelo.


TELEMUNDO INTERNACIONAL

A rede Telemundo Network, parte da NBC Universal, produz anualmente entre sete e oito telenovelas, o que se traduz em aproximadamente 1000 horas de programação anuais. Estas histórias se caracterizam por seu grande orçamento, e pelas histórias complexas e neutras.

Ainda assim, seu braço de distribuição Telemundo Internacional, conta com um catálogo com programação de produtores como TVN (Chile), SBT e Bandeirantes (Brasil), entre outros. “Durante os últimos meses, as telenovelas Bella calamidades e Más sabe el diablo tiveram excelentes resultados na América Latina”, afirma Esperanza Garay, vice-presidente sênior de vendas e aquisições da América Latina da Telemundo Internacional.

Assim, Más sabe el diablo é transmitida, hoje, no México, Peru, Nicarágua, Equador, Chile, Paraguai, Panamá, Uruguai, Guatemala e Venezuela, entre outros países. Na Venezuela alcançou 51,02% de participação na audiência e se estabeleceu na Venevision com 42,51%. No Equador, alcançou 43,1% de participação e no Panamá obteve 37,9%, se posicionando, em ambos os países, como líder de seu horário.

Por sua parte, Bella calamidades, é transmitida no Equador, Colômbia, El Salvador, Bolívia, Costa Rica, Guatemala, Nicarágua, Panamá e Peru, entre outros. Recentemente, estreou na Espanha em primeiro lugar no horário. A telenovela protagonizada por Danna García alcançou 26,8% de participação no Equador, onde se posicionou como líder no horário, igualmente no Panamá, onde obteve 33,6% de participação na audiência.


DORI MEDIA GROUP

O grupo, com base em Israel e Argentina, opera na bolsa de valores e aposta na geração de conteúdo local com projeção internacional. Está produzindo dois dramas juvenis diários – um será a segunda temporada de Split – e três telenovelas, entre elas Ciega a citas, ainda em produção.

“Cremos que 2010 será um grande ano quanto à novas produções: entre 500 e 800 horas no total, que serão produzidas na América Latina e Israel”, afirma Nadav Palti, presidente da Doria Media Group. Devido à crise financeira que o mundo experimentou em 2009, os canais de televisão aberta continuarão buscando telenovelas que têm demonstrado ser exitosas em outros territórios. Um exemplo, desta tendência de programação é a primeira temporada de Split, que foi vendida a 35 países em nove meses desde seu lançamento”, explica Palti.

A comédia Lalola, produzida por Dori Media Contenidos e baseada em uma ideia de Sebastián Ortega para Underground Contenidos, é um dos produtos mais vendidos pela Dori Media Group – um total de mais de 83 países desde sua estreia, em agosto de 2007 -. Outros dos êxitos são Rebelde way, um hit entre os adolescentes na América Latina, comercializado em mais de 50 países. Ainda, Sos mi vida, com Facundo Arana e Natalia Oreiro, foi outro dos êxitos da companhia na região.


CARACOL TV INTERNATIONAL

O canal Caracol Televisión de Colombia produz uma média de cinco telenovelas, três séries e um unitário por ano. Esta produção resulta em aproximadamente 1000 de teledramaturgia ao ano. “No momento, Las muñecas de la mafia é o produto estrela de nosso catálogo na América Latina”, afirma Angélica Guerra, vice-presidente da Caracol TV Internacional. Atualmente, a ficção se encontra no ar na Venezuela, Panamá, Equador, Costa Rica, Peru e El Salvador.

A divisão internacional do canal Caracol Televisión de Colombia exporta toda a teledramaturgia que produz. Neste sentido, na seleção do produto, vários são os fatores que entram em questão: “Um bom desempenho no índice de audiência local sempre é um grande elemento para vender uma produção, mas também há casos onde o rendimento no país de origem não é igual ao dos demais territórios onde se emite um determinado título”, explica Guerra.

Assim, desde a área de vendas internacionais se está gerando constantemente uma retroalimentação com a área de produção, acerca das opiniões que os clientes têm de cada produto. “Estamos atentos a suas preferências, aos temas que querem tratar, aos melhores elencos e a todos os elementos que nos sirvam para estar melhorando sempre em função de ambos mercados: o local e o internacional”, conclui Guerra.


TELEFE INTERNATIONAL

O canal Telefe da Argentina produz anualmente entre quatro e cinco telenovelas, o que resulta em, aproximadamente, 700 horas. Hoje em dia, as telenovelas que estão se destacando nos países da América Latina são Amor en custodia e Los exitosos Pells, esta última com um tom maior de comédia. Telefe Internacional, o braço distribuidor do canal argentino, comercializa o enlatado em toda América Latina, enquanto que países como Colômbia, Chile e México trabalham os formatos destas ficções, segundo indicou a companhia distribuidora.


VENEVISION INTERNATIONAL

É o braço distribuidor da Organização Cisneros, que exporta todas as produções que atualmente se geram desde suas duas fontes ou infraestruturas de produção: a rede Venevision, na Venezuela, e a Venevision Productions, a produtora independente de programação em espanhol do sul da Flórida, Estados Unidos, que também produz na Colômbia, República Dominicana, Panamá e Peru. “Em média, se produzem umas dez novelas por ano, que somam aproximadamente 1300 horas de programação”, afirma César Díaz, vice-presidente de vendas da Venevision Internacional.

A respeito do desempenho das telenovelas que distribui a companhia nos mercados da América Latina, o executivo destaca que atualmente se podem ver telenovelas da Venevision em praticamente todo o continente. É o caso de Alma indomable, Pecadora, Acorralada (Acorrentada), Los misterios del amor e a série Somos tú y yo, para citar algumas.

“Todo o extenso catálogo de telenovelas da Venevision Internacional sempre está disponível para o mercado internacional. É nosso cliente quem se beneficia quando tem à sua disposição um catálogo amplo e variado, onde pode buscar satisfazer a necessidade de seu mercado, seja porque necessita de uma novela juvenil ou uma clássica história dramática”, conclui Díaz.


RCTV INTERNATIONAL

O braço produtor e distribuidor da RCTV – cujo sinal havia sido enclausurado pelo Governo de Hugo Chávez – produz, hoje, de três a quatro telenovelas anuais, um total de 450 horas que, somadas aos programas de variedades, chegam a completar um total de 600 horas de programação por ano.

A telenovela Toda una dama foi o êxito de vendas da RCTV Internacional durante 2009, além de marcar uma forte presença nas telas da TV aberta da região. “A telenovela se destacou no Equador em 2008, quando conseguiu elevar a audiência de 8 pontos que obtinha o canal TCTV, no difícil horário das 13h30, acima dos 21 pontos.

Atualmente, está sendo transmitida na Colômbia, Peru e Uruguai, com excelentes resultados e já terminou exitosamente suas transmissões na Costa Rica, Panamá e El Salvador, entre outros”, explica Guadalupe D’Agostino, vice-presidente e gerente geral da RCTV Internacional. Ainda assim, a telenovela foi adquirida por emissoras de territórios pouco tradicionais, como Egito, Bahrain, Arábia Saudita, Qatar, Iêmen, Emirados Árabes Unidos, Síria, Líbia, Iraque, Mauritânia, Marrocos, Argélia, Sudão, Somália, entre outros.


Colaboração: todotvnews
Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário: