sexta-feira, 26 de março de 2010

Maria Mercedes


NOME ORIGINAL
María Mercedes

ESCRITORA
Inés Rodena

PRODUTOR
Valentín Pimstein

PAÍS DE ORIGEM
México

NÚMERO DE EPISÓDIOS
80

ANO DE GRAVAÇÃO
1992

ANO DE ESTREIA NO BRASIL
1996

EMISSORA
SBT

TEMA DE ABERTURA
María Mercedes

INTÉRPRETE
Thalía

María Mercedes pa’ servirle a usted,
de mi família me encargo yo.
Mi madre nos abandonó,
porque mi padre jamás cumplió.

María Mercedes pa’ servirle a usted,
un buen día mi son cambió.
Compró un cachito y me conoció
y al morir un montón me heredó.

María Mercedes pa’ servirle a usted,
que rico son el que bailo yo.
El baile que alivia cualquier dolor,
su ritmo calienta mi corazón.

María Mercedes,
la vida te premiará, tú ya lo verás.

María Mercedes,
tu amor te corresponderá.

María Mercedes…

Mi felicidad el dinero no compró,
pues al hombre que amo no lo tengo yo…

María Mercedes,
María Mercedes,
María Mercedes,
María Mercedes…

María Mercedes pa’ servirle a usted,
que rico son el que bailo yo.
El baile que alivia cualquier dolor,
su ritmo calienta mi corazón.

María Mercedes,
María Mercedes,
María Mercedes.

María Mercedes,
María Mercedes.

¡Sí señor!


ELENCO

Thalía: Maria Mercedes Muniz del Olmo

Arturo Peniche: Jorge Luís del Olmo

Laura Zapata: Malvina del Olmo

Carmen Amezcua: Dina del Olmo

Fernando Ciangerotti: Santiago del Olmo

Karla Álvarez: Rosário Muniz

Luis Uribe: Manuel Muniz

Gabriela Goldsmith: Magnólia Oliveira

Jaime Moreno: Rodolfo Oliveira

Carmen Salinas: Dona Filomena “Filó”

Luís Gimeno: Estevão Ordoñez

Nicky Mondellini: Miriam de Ordoñez 

Irlanda Mora: Patrícia “Paty” 

Roberto Ballesteros: Aurélio Cordero Manso

Aurora Molina: Natália

Virginia Gutiérrez: Branca

Meche Barba: Joaninha 

Fernando Colunga: Tito

Silvia Campos: Diana San Román

Diana Golden: Fabíola Mayerling San Román 

Arturo García Tenorio: Otacílio “Tatá” 

Rossana San Juan: Sofia 

Evangelina Sosa: Candy

Roberto “Flaco” Guzmán: Téo “Caruncho / Caroço” 

Raúl "Chóforo" Padilla: Bafo

Jaime Lozano: Dr. Díaz

Rafael del Villar: Ricardo 

Alberto Inzúa: Mário Portales

Lucero Lander: Karen

Rebeca Manríquez: Justa 

Cuco Sánchez: Genaro

Ari Telch: Carlos Urbano

Héctor Gómez: Chaplin

Julio Urrueta: Napoleão

Silvia Caos: Alma

Vanessa Angers: Berenice

Rosa Carmina: Rosa 

Patricia Navidad: Íris

Victor Vera: Juiz de Registro Civil

Elia Domenzain: Diretora do Colégio


INTRODUÇÃO

Maria Mercedes é um remake estrelado por Thalía em 1992. Essa história está baseada em Rina (Desprezo), produzida em 1977 e exibida no Brasil em 1983.


RESUMO

Maria Mercedes é uma pobre moça de vinte anos que é abandonada por sua mãe. Ela cuida de seus três irmãos e de seu pai alcoólatra.

Devido à falta de apoio de seu pai sempre bêbado, ela e seus irmãos são forçados à trabalhar nas ruas da Cidade do México vendendo bilhetes de loteria e flores.

Santiago del Olmo, está muito doente e sabe que está morrendo. Uma manhã, quando ele está no jardim, vê Maria vendendo bilhetes de loteria na rua. Ele surge com a ideia de se casar com ela. Inocente, Maria Mercedes não sabia que Santiago só queria se vingar de sua cunhada, a ambiciosa Malvina, e de seu sobrinho Jorge Luís que ficou viúvo no mesmo dia que daria o maior golpe do baú na sua noiva. Ele ganha sua confiança e amizade, propõe casamento e ela concorda.

Após a morte de Santiago, Maria Mercedes toma posse de todos os seus bens, mas enfrenta a ira de Malvina, e de seu filho, Jorge Luís, e Digna, que, segundo a vontade de Maria, devem viver ali, embora eles não haviam herdado nada.

Jorge Luís é um homem triste desde o assassinato de sua noiva, no dia de seu casamento. A jovem Digna era uma mulher muito religiosa que tinha medo de quase tudo, especialmente da mãe.

Depois que Maria se muda para o seu novo lar, ela se apaixona pelo filho de Malvina, Jorge Luís del Olmo, que é fraco contra a vontade de sua mãe e sempre faz o que ela quer.

Malvina torna a missão da sua vida perturbar Maria Mercedes. Quando ela descobre que Maria ama seu filho, o obriga a casar-se com Maria, a fim de obter o dinheiro de volta. Ela tem planos de que, após algumas semanas ele poderia fazer com que ela desse todo o controle sobre a fortuna e que depois se divorciaria.

Jorge Luís e Maria se casam, mas eles não partilham um quarto, nem vivem como um casal tradicional. Com o tempo, Jorge Luís começa a desenvolver um verdadeiro e profundo amor por Maria.

Por outro lado, Maria tem uma outra inimiga, Miriam, uma egoísta mulher. Ela costumava ser namorada de Jorge Luís, mas depois o deixou inconsolável para casar com um homem rico, Sebastião Ordoñez. Ela percebe que ainda ama Jorge Luís e fica furiosa ao saber que ele é casado e sente amor por Maria. Ela promete que irá obter Jorge Luís de volta e começa a ajudar Malvina a se livrar da "Bilheteira".

Maria conhece Magnólia, uma bonita, rica e sofisticada mulher que, na verdade, é sua mãe. Magnólia já é casada e tem outro filho, mas ela lamenta profundamente ter deixado seus filhos. Ela ganha a confiança da Maria e começa a ajudar seus filhos, especialmente Guilherme, que está na prisão, e é o único que reconhece ela. Sua verdadeira identidade permanece em segredo para Maria e os outros irmãos, Rosário e André, porém todas as coisas que ela faz para eles tem que ser escondidas do seu novo marido, Rodolfo, um arquiteto que é chefe de Rosário e também é um amigo da família de Jorge Luís.

Magnólia ensina à Maria boas maneiras e formas de seduzir seu marido. Após uma festa, onde uma parte da alta classe está presente, Sebastião tenta seduzir Maria, mas Jorge Luís movido pelo ciúme e pela visão da bela e bem vestida Maria, finalmente começa a se render aos seus encantos, e eles dormem juntos. Logo Maria descobre que está grávida.

Ela e Jorge Luís partem em uma viagem de férias que se torna terrível por causa da intervenção de Malvina e Miriam que pagam para um salva-vidas local, seduzir Maria. Jorge Luís acredita na mentira e pede o divórcio para Maria, logo que voltam à Cidade do México.

No entanto, Malvina tem outros planos. Ela tenta conduzir Maria para um sanatório com a ajuda de Aurélio, o mordomo. Maria consegue fugir e se esconde da polícia na casa de Dona Filó, uma velha amiga nos seus anos de pobreza.

Com Aurélio como seu aliado, Malvina tenta matar Maria, mas todos falham. Malvina percebe a influência de Magnólia e começa a se perguntar se ela poderia ser a mãe de Maria. Ela diz isto à Rodolfo, que, por sua vez, vai para a antiga casa de Maria, onde Rosário e André ainda vivem e pede para ver uma foto de sua mãe. Ele reconhece sua esposa, Magnólia.

Magnólia, no entanto disse que sobreviveu por ajudar uma francesa que uma vez reconhecendo o seu talento a empurrou para suas ambições, então ela já havia escolhido a sua carreira, abdicando-se de sua família.

Longe de Maria, Jorge Luís percebe que seu sentimento por ela cresceu tão forte, que ele não pode mais viver sem ela. Ele a pede perdão, e ela retorna à casa onde vivem como um verdadeiro casal. Nove meses depois Maria dá a luz à gêmeas, uma das quais morre alguns dias depois.

Jorge Luís põe um fim nas boas intenções da Miriam, após tentativas de prendê-lo com uma falsa gravidez, já que criança era realmente de seu marido, Sebastião.

Quando José Luís descobre que sua mãe ainda odeia Maria, decide que é hora de deixar a mãe e seguir adiante com Maria e a criança. Ele trabalha pela primeira vez contra o desejo de sua mãe.

Malvina fica louca e se veste como Maria. Na sua pobreza corre para a rua onde Maria começou a vender bilhetes de loteria e limpar para-brisas de carros. Ela é capturada e colocada em um sanatório.

Magnólia diz a verdade à seus filhos. Maria é a primeira a ficar chocada com esta revelação, mas esquece seu ressentimento, e aceita sua mãe com amor.

Com esta situação, Rosário fica desgostosa e preenchida com rancor, assim como Rodolfo, que com o tempo, concorda em aceitá-los.
Com isso, as irmãs podem fazer a pazes, e Rosário finalmente aceita Ricardo, um jovem amigo de Jorge Luís.

Maria e Jorge Luís que só tiveram um casamento civil, agora têm uma cerimônia de casamento em uma grande igreja na Basílica de Guadalupe, com todos os seus amigos e parentes.


CURIOSIDADES

Thalía contracenava junto da irmã, Laura Zapata, na novela. Na verdade, foi um pedido de Thalía, que o papel da vilã fosse feito pela sua irmã.

Thalía usava peruca na novela pois, na época, possuía uma mecha loira no cabelo e, segundo os produtores da novela, "era algo que não combinava com a personagem". Thalía, então, recusou-se a escurecer o cabelo, optando pelo uso de uma peruca.

SBT fez o remake de Maria Mercedes em 2007, com o nome de Maria Esperança. Foi substituída em agosto de 2007 pelo remake de Amigas e rivais.

Seu remake no Brasil registrou um índice menor que Maria Mercedes, foram 7 pontos e três mudanças de horário (19h15, 19h30 e 19h45 seus dois últimos capítulos ás 20h15).

Maria Mercedes praticamente dobrou a audiência do SBT. Marcou 22 pontos de média e, em seu último capítulo, registrou 25 pontos.

Maria Mercedes faz parte da trilogia das Marias, juntamente com Marimar (1994) e Maria do bairro (1995), onde todas são protagonizadas por Thalía.

Maria Mercedes foi gravada nos estúdios da Televisa em 1992 e exibida no Brasil aproximadamente 4 anos depois, onde inaugurou o horário de telenovelas das oito do SBT sendo substituída por Marimar, com uma média geral de 4 pontos a mais no ibope (16 pontos ante 12 de Maria Mercedes).

Em Rina (Desprezo), a personagem principal é corcunda, e em Maria Mercedes a personagem é uma bela mulher, igual na versão brasileira, feita 15 anos depois.


COMENTÁRIOS

Maria Mercedes, entre a trilogia das Marias, é a novela que muitos julgam a pior. Por ser antiga, por ter uma Thalía nada esplendorosa, e ainda por cima, por ser cafona. Em compensação, só os que realmente entenderam Maria Mercedes percebem por que ela foi um grande sucesso.

Valentín Pimstein produziu com todo empenho uma verdadeira comédia pastelão, satirizando as próprias novelas mexicanas. Tipos estereotipados, tragédias, e muita maquiagem, em meio a uma história simplesmente tão banal que o público se apaixonou.

Surgia então a trilogia das Marias, da qual, Valentín estaria a cargo da primeira das “Marias”: Maria Mercedes. Sua ideia era ter Lucero no papel estelar, que recusou, foi então que repararam na estrela musical Thalía, para o papel, sábia ideia. Thalía cativou o público como a “mulambenta”. Ela estava vibrante em um papel que parecia ter sido feito para que brilhalhasse totalmente. Claro, com uma certa pitada cômica na ignorância da menina, que permaneceu cafona e sem classe até o final da novela (aliás, é a única novela de Thalía onde isso aconteceu). Sem refinações ou cultura, Thalía mostrou a que veio, usando uma peruca, deixando a personagem mais engraçada ainda, sem qualquer glamour.

Arturo Peniche como galã também não deixou por menos. Ao perceber que Jorge Luís era o típico jovem dominado pela mãe manipuladora, Arturo se aproveitou dos clichês para deixar o personagem mais “realista” ainda.

Mas as maldades incontroláveis da perversa Malvina foram outro toque de comédia que complementou a história. Laura Zapata esteve tão brilhante quanto em Rosa selvagem. O final de Malvina é inesquecível: vestida como a mulambenta, oferece um bilhete de loteria ao telespectador, isso dentro de um manicômio. Um final no mínimo peculiar, já que durante a novela Malvina fez de tudo para deixar Mercedes louca, e quem acabou assim foi ela.

Além disso, outros nomes do elenco também brilharam. Fernando Ciangherotti compôs com perfeição o neurótico e doente Santiago, que impôs condições cômicas em seu testamento (algo do tipo colocar Malvina em um hospício de qualquer jeito dez anos após sua morte), também Carmen Salinas como Filomena, a guardiã de Maria nas horas boas e más, aliás, Carmen Salinas sempre se sai bem nesses papéis, e como esquecer do estilo “beterraba” de Nicky Mondellini como Miriam, que sempre usava o mesmo modelito, nada discreto aliás. Ainda se destaca uma participação de Fernando Colunga, hilariante como Tito, um homem que usava gírias em inglês para se expressar.

Na família de Mercedes, ainda se destacaram Gabriela Goldsmith como a abalada Magnólia, a verdadeira mãe da heroína. E a jovem Karla Alvarez, como a problemática e ambiciosa Rosário, sempre complicando mais ainda a vida da sofrida irmã.

A história teve todos os ingredientes para cativar o público, que de verdade, torceu pela felicidade da bilheteira Maria Mercedes: uma herança, um casamento forçado, uma sogra terrível, garantia de sucesso. Tanto é que no México, Maria Mercedes foi, dentre a trilogia, a de maior audiência, conseguindo índices hoje praticamente impossíveis.

O que muitos não percebem que tamanho exagero em tudo (desde os diálogos até o figurino) eram intencionais, fazendo de Maria Mercedes uma novela divertida, que conquistou muitos. Entretanto, outros, simplesmente pela novela ser antiga, a deixam de lado as vezes.

No ano de 1993 Thalía ganha o Prêmio TV y Novelas como atriz jovem por Maria Mercedes, e também o premio de cantora do ano.

Maria Mercedes foi assim, uma novela com humor escrachado e com um elenco que acompanhou a ideia original, dosando drama e comédia, mas que no final, foi um sucesso indiscutível, abrindo as portas no Brasil para outras Marias e para mais sucessos.

Em 1997 o SBT encurtou a novela Os ossos do barão para reprisar Maria Mercedes, já que Maria do bairro tinha acabado e o sucesso foi tremendo. A reprise de Maria Mercedes causou desavenças no SBT que tinha 2 produções engavetadas, O direito de nascer e Pérola Negra que já estavam praticamente gravadas.

A música de abertura foi cantada pela protagonista Thalía e saiu no seu CD Love, como bônus track. Durante a turnê do CD Love, Maria Mercedes era uma das músicas mais pedidas pelo público.
Blog Widget by LinkWithin

2 comentários:

carmem disse...

gostaria muito q assim q terminasse de reprisar maria do barrio colocasse maria mecerdes, faz tanto tempo gostaria muito em reelenbrar.

Anônimo disse...

todas as novelas da cantora thalia me apaixonei, vi em seus capitulos emoçao e muito trama..
gostaria de assistir denovo, maria mercedes mas infelizmente vou estar trabalhando....
mas vejoaqui na net , you tube, seus capitulos....
bom é isso.
bjitos