quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Nickelodeon Brasil anuncia a estreia de Vikki RPM


Uma nova trama juvenil chega ao canal Nickelodeon Brasil a partir de setembro com a estreia de Vikki RPM, uma ideia original de Eduardo Jiménez-Pons, escrita por Catharina Ledeboer e Rocío Lara, produzida pela companhia Somos Productions e gravada totalmente em Miami com talento latino-americano. Já lançada pela Nickelodeon América Latina no último dia 31 de julho, a atração chega agora ao Brasil com a proposta de um novo contexto para a história de Romeu e Julieta, desta vez levada para as pistas de corridas de kart.

Estrelada pelos mexicanos Samantha Siqueiros e Stefano Ollivier, Vikki RPM traz novamente à telinha a atuação da cubana Isabella Castillo, que, depois de protagonizar Grachi (2011) e ter participado como antagonista na segunda temporada de Eu Sou Franky (2016), volta em cena ao lado dos venezuelanos Scarlet Gruber, Gabriel Tarantini, Angela Rincón, Yul Bürkle, Josette Vidal e Ana Karina Manco; dos mexicanos Maite Embil e Paulo Quevedo, da colombiana Vanessa Blandón, do argentino Leo Deluglio e também do renomado ator argentino Saúl Lisazo.

Em Vikki RPM o amor e a adrenalina se unem na pista de corridas, onde Max (Stefano Ollivier) e Victoria (Samantha Siqueiros) competem e se apaixonam, apesar da rivalidade entre suas famílias. Ambos correm do jeito que são: Max é um garoto sério e metódico, enquanto Victoria é impulsiva e travessa. Na pista são rivais, mas fora dela são inseparáveis. É um esporte arriscado, mas mais arriscado é apaixonar-se pelo seu concorrente.

Com muito romance, música e uma pitada de drama, a novelinha contará com 60 episódios de 1 hora de duração em sua primeira temporada e a estreia pela Nickelodeon Brasil acontece no dia 18 de setembro, às 19h.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Televisa inicia as gravações de Me Declaro Culpable


Com uma cerimônia religiosa celebrada nos estúdios da Televisa na manhã da última segunda-feira (14), a produtora Angelli Nesma oficializou o início das gravações de Me Declaro Culpable, sua próxima telenovela para o horário noturno do canal Las Estrellas, no México. Projeto que marca o retorno de Daniela Castro aos melodramas, desde sua participação em O Que a Vida me Roubou (2013), Me Declaro Culpable tocará alguns temas fortes e reunirá na telinha as atuações de Mayrín Villanueva, Juan Soler, Irina Baeva, Juan Diego Covarrubias, Pedro Moreno, Ramiro Fumazoni, Sabine Moussier, Margarita Magaña, Lisset, Alejandra García, Enrique Rocha, Marco Méndez, Bibelot Mansur e Amairani na adaptação de uma história de origem argentina, levada à televisão local, em 2016, pelo canal Telefe, sob o título Por Amarte Así.

Programada para ocupar a vaga de En Tierras Salvajes a partir do início de novembro, a nova atração já arranca suas gravações com a substituição de atores em seu núcleo principal. Diego Olivera, ator argentino inicialmente cotado para dar vida ao protagonista adulto da história, foi desconvidado pela produção devido ao fato de já estar trabalhando no atual folhetim que cederá o seu lugar para Me Declaro Culpable, de modo a evitar a superexposição do ator, que vem colhendo bons resultados e ganhando notoriedade na trama de En Tierras Salvajes. Em seu lugar, Juan Soler, também originário da Argentina, será o responsável por interpretar o papel de seu compatriota, pouco tempo depois de finalizar sua participação na telenovela Nada Personal, da emissora Azteca, retornando, assim, à casa produtora da qual se despediu em 2011, com o término de Cuando me Enamoro.

Apostando em temas polêmicos, como a eutanásia, a bipolaridade, a esquizofrenia e a homossexualidade, além do humor negro, Me Declaro Culpable semeará a dúvida em torno do dilema de uma mulher (Daniela Castro) que concede sua autorização aos médicos para desconectar os aparelhos que ainda mantêm com vida o seu marido, que se encontra na fase terminal de sua doença. Por outro lado, um famoso e prestigioso advogado (Juan Soler) se encarrega de sua defesa, convencido por ela de que sua atitude foi apenas um ato de amor e para evitar mais sofrimentos ao pobre marido. Paralelamente à esta trama, Natalia (Irina Baeva) a jovem e caprichosa filha deste advogado, após ter sido drogada, atropela acidentalmente um jogador de futebol (Juan Diego Covarrubias), o deixa inválido e condenado à uma cadeira de rodas, arruinando sua promissora carreira profissional. Entretanto, entre a dor, a decepção e a culpa surge um amor capaz de uni-los acima de qualquer desavença.


Confira algumas fotos dos principais integrantes do elenco de Me Declaro Culpable:

Daniela Castro

Mayrín Villanueva

Irina Baeva

Alejandra García

Margarita Magaña


Lisset


Sabine Moussier
Ramiro Fumazoni

Alejandro Ávila

Enrique Rocha

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

A Amante do Centauro estreia no Mais Globosat


Renovando sua faixa de “narconovelas”, o canal pago Mais Globosat estreia no Brasil nesta noite de segunda-feira (14), às 23h50, A Amante da Centauro (La Querida del Centauro), recente produção da Teleset e Sony Pictures Television, realizada para a Telemundo e lançada nos Estados Unidos em 2016.

Gravada no México, com base em uma ideia original de Lina Uribe e Darío Vanegas, A Amante do Centauro traz como principais intérpretes os atores Ludwika Paleta, Humberto Zurita e Michel Brown, em um drama que narra a história de uma atraente mulher que ao ser condenada a passar 20 anos reclusa em um presídio de segurança máxima, torna-se a amante de um dos narcotraficantes mais importantes do país. Esta relação, apesar de lhe proporcionar muito poder, acaba se tornando o pior de seus pesadelos depois de conquistar sua liberdade.

Dentro do elenco também participam Alexandra de la Mora, Pablo Abitia, Ignacio Guadalupe, Carmen Madrid, Héctor Holten, Michel Chauvet, Arantza Ruíz, Blanco Tapia, Cuáuhtli Jiménez, Andrés Montiel, Jaime del Águila, Iñaki Godoy e Vadhir Derbez, além da participação especial de Irene Azuela, Andrea Martí, Ricardo Polanco, Enoc Leaño, Carmen Delgado e vários outros talentos.

A Amante do Centauro é dirigida por Mauricio Cruz - o mesmo de A Rainha do Tráfico - e Javier Solar. A produção executiva é assinada por Gabriela Valentan, Daniel Ucrós e Juan Pablo Posada.


SINOPSE

Durante a tentativa de fuga de um presídio feminino, Yolanda (Ludwika Paleta) é capturada por Gerardo (Michel Brown), um experiente detetive que nos últimos anos tem se dedicado à luta contra o narcotráfico, e transferida para uma cadeia federal masculina de segurança máxima. O local abriga quinze mulheres de alta periculosidade e entre os réus encontra-se recluso Benedicto García (Humberto Zurita), mais conhecido como “O Centauro”, reconhecido narcotraficante que agora está à espera de seu julgamento.

Yolanda causa alvoroço na população carcerária com sua chegada. Enquanto que os homens, junto a Vicente (Pablo Abitia), o prepotente comandante de segurança, lhe fazem propostas indecentes, as internas analisam o seu desfile, especialmente Tania “La Negra” (Irene Azuela), sua futura rival, e Dominga (Carmen Delgado), que acabará se tornando sua conselheira e o mais próximo de uma mãe que Yolanda sempre quis ter.

Os atributos físicos de Yolanda, juntamente com sua astúcia, lhe permitem torna-se rapidamente a favorita do Centauro e, por isso mesmo, a rainha do local. Graças a sua relação com o mafioso, Yolanda conquista o respeito de todos e os privilégios que ninguém mais possui dentro do presídio, como o direito a receber as visitas semanais de sua filha Cristina (Arantza Ruiz), a luz de seus olhos, que agora vive com sua avó Mariela (Carmen Madrid). Mariela é uma mulher mesquinha, que tem planos macabros para sua neta Cristina, os mesmos que tinha para Yolanda anos atrás. Tudo isso às escondidas de seu parceiro, Otoniel (Héctor Holten), que conquistou uma bonita amizade com a adolescente.

Com o tempo, a relação entre Yolanda e o Centauro vai se tornando mais forte. Quando já não podem ficar juntos, ele envia cartas, onde lhe diz o quanto sente sua falta. Yolanda, que é bastante descrente nos homens, começa a acreditar nele e, sem saber como, nem quando, acaba se apaixonando.

Porém, certo dia, os alarmes do presídio acordam os internos. O Centauro conseguiu escapar e sua fuga coloca Yolanda em uma posição muito ruim, já que as autoridades acreditam que ela conhece o paradeiro de seu amante. Então, Gerardo reaparece e promete a Yolanda sua liberdade, em troca de sua participação em uma operação que o levará ao esconderijo do Centauro. Movida por sua desesperadora situação, Yolanda finge colaborar, mas as coisas não saem como Gerardo havia planejado e, depois de fracassos, desenganos e traições, Yolanda deve tomar uma das decisões mais importantes de sua vida.

sábado, 12 de agosto de 2017

Claudia Martín protagoniza nova versão de Esmeralda no México

“Esmeralda” conquistou o México em 1997, contando a história de uma bela jovem de olhos verdes, porém cega de nascença, que tinha o rumo de sua vida traçado em uma noite chuvosa e, que, apesar de ser filha de uma rica família, era condenada a viver humildemente como uma simples camponesa.

Vinte anos se passaram desde a estreia deste clássico melodrama estrelado por Leticia Calderón e Fernando Colunga e agora, Ignacio Sada, um dos produtores executivos da Televisa, prepara para a próxima temporada de estreias a nova versão desta conhecida trama, cujo título provisório leva o nome de Sin tu Mirada (Sem o Teu Olhar, em tradução livre) e inicia gravações em breve.

Para dar vida à heroína de sua produção, Sada apostou suas fichas em Claudia Martín, a protagonista escolhida para este desafio, onde, diferentemente da versão de 1997, a mocinha não se chamará Esmeralda, mas sim, Marina, apesar de sua história manter a essência em torno de uma jovem cega que desenvolve uma grande sensibilidade mesmo com sua deficiência. Com esta oportunidade, Claudia Martín, atriz que se destacou em telenovelas como Um Caminho Para o Destino e Apaixonando-me Por Ramón, fará sua estreia como protagonista, agradecida ao produtor e aos fãs que a apoiaram através das redes sociais.

Baseada em uma história original da cubana Delia Fiallo, levada primeiramente à televisão venezuelana na década de 70, a versão de Esmeralda produzida pela Televisa em 1997 foi antecedida por outra adaptação também reconhecida internacionalmente: Topázio, produzida para o canal RCTV, em 1984, cujo sucesso rendeu à atriz Grecia Colmenares o auge de sua fama ao interpretar a personagem-título. Ambas as versões, tanto Topázio - exibida no Brasil em 1992 - quanto Esmeralda, veiculada por aqui em 2000, não foram suficientes para impedir o SBT de realizar sua própria versão da história, o remake também batizado de Esmeralda, estrelado por Bianca Castanho e levado ao ar em 2004.

Mesmo com tantas adaptações do folhetim, espera-se que Sin tu Mirada receba a luz verde para o início das gravações a partir do próximo dia 18 de setembro e até lá Ignacio Sada continua sua busca pelos demais integrantes do elenco que irão acompanhar Claudia Martín neste projeto que promete surpreender os telespectadores.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Maldita Tentación estreia nos EUA pelo canal Estrella TV


Anunciada originalmente em 2015 como uma das grandes apostas do extinto canal hispânico MundoFox - conhecido posteriormente como MundoMax - antes deste sair do ar, a aguardada série Maldita Tentación finalmente estreia nos Estados Unidos nesta segunda-feira, 7 de agosto, às 19h, através do canal Estrella TV.

Cheia de mistérios, vingança e suspense, a atração assinada pela produtora Nelly Ordoñez e estrelada pela ucraniana Ana Layevska (Querida Inimiga) e pelo mexicano Valentino Lanus (As Tontas Não Vão ao Céu) trata-se de uma produção da RCN, em parceria com a Estudios TeleMexico e, em 47 capítulos, conta uma história original de Mauricio Navas e Mauricio Miranda, inspirada no thriller psicológico Punto de Giro, minissérie colombiana levada ao ar, pelo canal RCN, em 2003.

Em Maldita Tentación, Fernando Bonilla (Valentino Lanus) é um engenheiro respeitado e com uma linda família, que vive o final de semana mais intenso de sua vida ao lado de Estefanía Braun (Ana Layevska), uma mulher muito bonita e inteligente. O que começa sendo um encontro casual, em um sábado qualquer, entre os corredores de um supermercado, termina em um desenfreado encontro de paixão que consome a ambos até a madrugada do dia seguinte.

Fernando não é um homem infiel, nem de segredos, mas este único pecado parece ter ficado para trás durante a conversa entre o casal no café da manhã, o que deixa claro que o ocorrido não é mais do que uma fuga da vida e que tudo tende a voltar à normalidade. Fernando volta à sua vida com a família, sem imaginar que a partir deste momento Estefanía dedicará cada minuto a segui-lo e a assediá-lo com ligações e aparições cada vez mais asfixiantes.

Desesperado pelo assédio e pela intromissão de Estefanía, certa noite Fernando discute enfurecidamente com ela, ao extremo de perder a razão. No dia seguinte, o seu despertar é aterrorizante: está deitado sobre uma poça de sangue e Estefanía está morta ao seu lado. Desfazer-se do cadáver e do sangue leva toda a madrugada. Ao final da jornada, a consciência de Fernando está tão suja quanto suas mãos, mas ele encontra algum consolo com a ideia de ter salvo o seu lar.

Entretanto, longe de terminar o pesadelo, na manhã seguinte a este dia, Matilde (Ana Paula de León), sua filha de seis anos, entrega ao seu pai uma correspondência que acaba de ser deixada por debaixo da porta. Fernando abre o envelope e dentro dele encontra um bilhete que diz: “Não gostei do que você fez com o meu cadáver. Vá hoje, às seis da tarde, no lugar indicado no mapa. Não se atreva a faltar”. Naquela tarde, Fernando mente a Bibiana (Ilse Salas), sua esposa, pela primeira vez na vida, para poder fugir de sua casa e ir sem falta ao encontro indicado na carta.

Às seis da tarde, Fernando chega a um salão escuro, onde subitamente um projetor se acende e ele observa um vídeo que relata a sequência do homicídio cometido por ele na noite anterior. Aterrorizado e com os olhos fixos na imagem, Fernando vê uma mulher se aproximando, é Estefanía; ela, de uma certa distância, o desafia com sua presença e quando o medo parece já ter tomado conta de cada canto do lugar ela lhe diz: “É a primeira vez que vê um morto ressuscitar?”.

A partir desse momento, a vida de Fernando e de Estefanía permanecem unidas pelo medo. Um medo que ele deve vencer, ou trocá-lo por outro pior. Em cada prova, Estefanía coloca em prática uma parte da vingança que leva vários anos planejando, como fruto de um trauma da infância, do qual, sem saber, Fernando é o protagonista.

O elenco de Maldita Tentación se completa com as atuações de Francisco Rubio, Isadora González, Marco de la O, Julieta Grajales, Eva Lilian, Mario Loría, Mayra Rojas, Marcela Ruiz Esparza, Cecilia Tamayo, Mónica Jiménez, Alberto Cava e muitos outros.


Confira a chamada de estreia de Maldita Tentación pelo canal Estrella TV: